Cidadeverde.com

Ministério Público do Estado e do Trabalho no Piauí inauguram sede compartilhada em Bom Jesus

O Procurador-Geral de Justiça, Cleandro Alves de Moura, e a Procuradora-Chefe da Procuradoria Regional do Trabalho da 22ª Região, Jeane Carvalho de Araújo Colares, inauguraram, na manhã desta terça-feira (22), a sede compartilhada pelo Ministério Público do Estado do Piauí e pelo Ministério Público do Trabalho no município de Bom Jesus. Em outubro, os representantes das duas instituições firmaram um acordo de cooperação técnica pelo uso das instalações. A sede foi edificada pelo Ministério Público do Trabalho no Piauí, que cedeu, a título gratuito, o direito de utilização. As Promotorias de Justiça sediadas em Bom Jesus já foram instaladas no prédio, onde também funcionará uma Procuradoria do Trabalho.

“A Constituição Federal já determinou que o Ministério Público brasileiro é uno e indivisível. Estamos aqui reafirmando esses princípios, através desta iniciativa, que é inédita. O Ministério Público do Estado e o Ministério Público do Trabalho funcionando lado a lado, em uma sede moderna e estruturada que proporcionará uma melhor acolhimento aos cidadãos que demandam os nossos serviços”, declarou Cleandro Moura. “É uma satisfação estar aqui, participando de mais um momento histórico para a instituição. Por isso, os sentimentos que nos dominam são a gratidão e a vontade de trabalhar mais e melhor pela sociedade piauiense”, pontua o chefe do MPPI.

Já a Procuradora-Chefe do Ministério Público do Trabalho no Piauí, Jeane Colares, fez um resgate de todo o processo que resultou na construção e no compartilhamento da sede, frisando que todo o empenho aplicado se dirige aos cidadãos e às comunidades. “Registro o desejo de que a fé nos benefícios que a Procuradoria do Trabalho no Município de Bom Jesus trará aos trabalhadores da região não se perca; que essa fé se consolide a cada dia através do bom trabalho que será desenvolvido pela Procuradora e servidores que aqui estão lotados e que, daqui a alguns anos, possamos ver os frutos desse trabalho registrados nos sorrisos simples de agradecimento das pessoas que mais precisam”, declarou ela. Também estava presente, como convidado de honra, o Procurador do Trabalho Sebastião Caixeta, que representava o Procurador-Geral do Trabalho, Ronaldo Fleury.

A nova sede, localizada na Rua Vereador Airan Miranda, no bairro Judite Piauilino, é ampla e moderna, contando com recepção, gabinetes, sala de audiências e secretaria, dentre outras instalações que otimizarão o atendimento ao público.

Da editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Ações educativas alcançam mais de 1.500 em Bom Jesus

As ações educativas da Escola Piauiense de Trânsito (EPT), do Departamento Estadual de Trânsito do Piauí (Detran-PI), alcançaram mais de 1.500 pessoas no município de Bom Jesus, localizado a 632 quilômetros ao Sul de Teresina.

De acordo com a diretora da EPT, Larissa Caldas, as atividades foram voltadas para prevenção de acidentes de trânsito. "Realizamos blitzen educativas e uma palestra em uma das escolas da cidade, orientando a população sobre a importância de respeitar as leis de trânsito, estarem atentas à sinalização, ao uso dos itens de segurança e aos limites de velocidade, por exemplo", explica a educadora.

As atividades faziam parte da “Caravana do Ministério Público (MP) – Pela Paz no Trânsito”, que ocorreu nesta segunda-feira (21). Na programação do evento, o Detran fez parte das blitzen educativas e de uma palestra para 250 alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental na Escola Municipal Floresta Moderna.

"O público da palestra foi de crianças entre 6 e 11 anos. É importante trabalhar com essa faixa etária, pois eles são futuros condutores e também podem disseminar o conhecimento com aqueles que já são condutores, como seus pais e outros familiares", destaca Larissa Caldas.

Da editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Juiz suspende aumento de 87% nos salários de vereadores de Bom Jesus

O juiz Heliomar Rios Ferreira proibiu o aumento de salários no percentual de 87% dos vereadores de Bom Jesus (cidade localizada a 632 km de Teresina). 

O pedido de suspensão do reajuste partiu do Ministério Público Estadual, que ajuizou ação civil pública. 

O aumento atingia não só o salário dos vereadores, mas do prefeito, do vice e dos secretários municipais. 

No projeto aprovado pela Câmara de Bom Jesus, o salário do vereador passaria de R$ 5.600,00 para R$ 10.500,00. 

O cargo de presidente da mesa diretora que recebe hoje R$ 8.400,00 passaria ao valor de R$ 15.750,00. O subsídio do prefeito, pelo projeto, foi aumentado de R$ 18.600,00 para R$ 24.500,00. 

O Ministério Público alegou no pedido que se somado apenas os valores dos aumentos, anualmente, o município de Bom Jesus terá um gasto de quase R$ 1 milhão. Além disso, o município não se enquadra no limite de 30% do subsídio de um deputado estadual, que atualmente perfaz o montante de R$ 25 mil reais, que tal percentagem corresponderia a R$ 7.500,00.

O promotor de Justiça Jorge Luiz da Costa Pessoa, que responde pela 2ª Promotoria de Bom Jesus, acrescentou ainda outra irregularidade. 

“A Lei de Responsabilidade Fiscal, em seu art. 21, parágrafo único, expressa que 'é nulo de pleno direito o ato que resulte aumento da despesa com pessoal expedido nos 180 (cento e oitenta) dias anteriores ao final do mandato do titular do respectivo Poder ou órgão referido no art. 20'. Como tais Decretos foram aprovados e publicados no mês de setembro do corrente ano, tais atos são nulos conforme previsão legal.”, ressaltou.

 

Flash Yala Sena (Com informações do MPE)
redacao@cidadeverde.com

Alunos de Bom Jesus também ocupam campus da UFPI em protesto

  • 14691000_1139963089418698_4978617403463486025_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14656425_1141788912569449_7601567461109671092_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14908390_1141788885902785_3328605872189653468_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14572938_1141605802587760_8807683914100314056_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14908174_1141605729254434_7834787388738977014_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14595618_1141329409282066_3123316349854128360_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14590243_1141321979282809_6922528616429304403_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14900529_1140513576030316_4585080226623423535_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14590342_1140488796032794_3115296071567474907_n.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE
  • 14876674_1140438879371119_6647122833187125231_o.jpg Movimento Estudantil UFPI/CPCE

O movimento de ocupação de escolas e Universidades só cresce no Brasil e agora foi a vez dos estudantes de Bom Jesus ocuparem o campus da Universidade Federal do Piauí no município em protesto contra a PRC 241. Em Teresina a reitoria já está ocupada há mais de 10 dias e o campus de Picos taambém está pelo mesmo período com acesso limitado. Todas as atividades do campus estão suspensas.

Cerca de 200 estudantes participam da ocupação que é pacífica e tem atividades de cunho político, debates e atividades culturais desenvolvida pelos próprios ocupantes dentro do prédio. Os alunos tem recebido apoio da comunidade que tem doado mantimentos para os estudantes que estão dormindo no local. 

Os docentes da UFPI também aderiram ao movimento e cerca de docentes já paralisaram as atividades desde a última quinta-feira (27). A paralisação deve serguir até o dia 21 deste mês. Em outros campi também há assembleias para discutir a PEC 241.

Rayldo Pereira
rayldoepreira@cidadeverde.com

Suspeito de fazer criança refém e roubar R$ 20 mil em Bom Jesus é preso na BA

Michel Batista da Silva foi preso ontem (26), em uma parceria entre a Polícia Civil do Estado do Piauí e a Polícia Civil do Estado da Bahia. Ele é suspeito de invadir uma residência em Bom Jesus (632 km de Teresina) no último dia 2, junto de outro homem, e fazer uma criança de apenas sete anos refém. Com informações privilegiadas, eles roubaram R$ 20 mil do sofre da família. Ele foi achado na cidade de Formosa do Rio Preto (BA). 

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Piauí, no dia do roubo, momentos antes, Michel e seu comparsa roubaram uma motocicleta em uma estrada vicinal que dá acesso ao Assentamento Conceição, em Bom Jesus, e logo em seguida fugiram do local.

Usando a moto e com informações privilegiadas, os dois invadiram um açougue no Bairro Serra Nova, entraram na residência e renderam toda a família com uma arma de fogo. Diante dessa situação, o chefe da família ofereceu R$ 800,00 (oitocentos reais), dois celulares e um capacete.

Contudo, com a arma de fogo apontada para a cabeça de uma criança de 7 anos, filha do proprietário da casa, eles exigiram que o pai lhes entregasse o dinheiro do cofre, sem sequer terem visto o local. Sem alternativa, o pequeno empresário entregou a quantia guardada no cofre: R$ 20.250,00 (vinte mil, duzentos e cinquenta reais). Logo após a ação criminosa, os elementos fugiram, deixando todos os integrantes da família em pânico.

No dia seguinte, com a comunicação do fato, a Polícia Civil de Bom Jesus investigou, identificou, porém, não conseguiu prendê-los em flagrante. Diante disso, a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva de ambos, a qual foi imediatamente concedida pelo Poder Judiciário. 

E através da integração e da contínua vigilância das Polícias Civis do Piauí e da Bahia, um dos foragidos foi preso na cidade de Formosa do Rio Preto após o cumprimento do mandado.

Ontem, Michel foi recambiado de Barreiras (BA) para Bom Jesus, onde deve ser interrogado e encaminhado à Penitenciária Regional. Ele já responde por tráfico de drogas, porte ilegal de armas e outros crimes contra o patrimônio. A moto foi abandonada em Barreiras, e já restituída. As investigações continuam com o intuito de localizar o outro comparsa.

 

Maria Romero com informações da SSP/PI
redacao@cidadeverde.com

Bom Jesus recebe encontro de enfermagem nos dias 29 e 30 de outubro na UFPI

O Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren–PI) realiza em Bom Jesus, de 29 a 30 de outubro no Campus Cinobelina Elvas (UFPI), o Encontro do Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (ENCREPI).

O ENCREPI foi idealizado com o objetivo de congregar os profissionais de enfermagem em torno das questões de interesse da categoria, enfatizando a legislação e as questões éticas no exercício profissional. 

 Com o tema “O aprimoramento profissional visando o cuidado ético, responsável e competente de Enfermagem”, os profissionais da categoria poderão participar da conferência “Atuação de Enfermagem na solicitação de exames, prescrição de medicamentos e encaminhamentos: aspectos éticos e legais”, minicurso sobre interpretação de exames na Atenção Básica e curso sobre a assistência de enfermagem no tratamento de feridas e ostomias. 

 De acordo com o presidente do Coren-PI, Dr. Lauro César de Morais, os ENCREPIs são importantes para o aprimoramento da enfermagem piauiense, “são oportunidades de discutir os melhores direcionamentos para o futuro da enfermagem no Piauí e avaliar de perto a realidade da categoria e do exercício da profissão nestas cidades”, finalizou.

 
Editoria de cidades
cidades@cidadeverde.com

MP e MPT firmam parceria para uso de nova sede em Bom Jesus

O Procurador-Geral de Justiça do Piauí, Cleandro Moura, e a Procuradora-Chefe da Procuradoria Regional do Trabalho no Piauí, Jeane Carvalho de Araújo Colares, assinaram um acordo de cooperação técnica na tarde de ontem (17). O Ministério Público do Trabalho cedeu, a título gratuito, o direito de uso do prédio da Procuradoria do Trabalho no município de Bom Jesus. O Ministério Público do Estado utilizará a estrutura para instalar as Promotorias de Justiça sediadas na cidade.

“Trata-se de um prédio novo, moderno e bem localizado. A Procuradoria Geral de Justiça tem trabalhado continuamente para viabilizar a alocação das Promotorias de Justiça em sedes adequadas, que propiciem melhores condições de trabalho e favoreçam a prestação de um bom atendimento ao público. A celebração desse acordo de cooperação técnica vai ao encontro desse objetivo”, declarou Cleandro Moura.

A nova sede será inaugurada em novembro deste ano.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Bom Jesus promove 1º Salão do Livro neste mês

De 19 a 22 de outubro a cidade de Bom Jesus, localizada ao sul do Piauí, terá um encontro com a literatura e cultura, por meio do 1º Salão do Livro de Bom Jesus–SaLiBom. O evento que será realizado pela Fundação Quixote, Secretaria Estadual de Cultura e Universidade Federal do Piaui, vai acontecer  no Campus Professora Cinobelina Elvas (CPCE) da UFPI.

O Salão do Livro de Bom Jesus contará com a participação de palestrantes nacionais, dentre eles, o professor, José de Nicola, o escritor e cantor, Tico Santa Cruz, o mestre em Teologia Dogmática, Dom Ramon Carrozas e o jornalista, Gustavo Lacombe. Dentre os palestrantes locais estão, os professores, Cineas Santos, Luiz Romero, Wellington Soares, Jasmine Malta, Isaque Folha e o escritor, Eneas Barros.

O evento terá uma programação diversificada com palestras, seminários, oficinas para crianças, fóruns temáticos, exposição de arte e cultura, onde artistas da terra farão apresentações musicais e de dança.  Além da Exposição Coronelismo Eletrônico, da edição do Salão Medplan de Humor, Exposição em comemoração ao Centenário do precursor da arte santeira no estado, o Mestre Dezinho, oficinas de contadores de histórias e de Mamulengos, show cultural com duas bandas a cada noite, dentre outras atividades.

Segundo Kássio Gomes, presidente da Fundação Quixote, o objetivo do SaLiBom é fortalecer os artistas locais e promover o intercâmbio destes com os grandes nomes da cultura regional e mundial. “Bom Jesus já é reconhecida como uma região culturalmente rica, especialmente pelo Festival da Rabeca. A chegada do Salão do Livro vem para coroar a região como uma das maiores e mais promissoras capitais do Livro e da Leitura em nosso Estado”. E acrescenta que “a realização do SaLiBom só é possível graças ao incentivo e apoio do Secretário Estadual de Cultura, Fabio Novo”.

A abertura oficial do SaLiBom contará com o  Show de Humor de Joao Claudio Moreno, dia 19 de outubro,  às 19h, no auditório da UFPI- Campus Professora Cinobelina Elvas (CPCE).

Da Redação
redacao@cidadeverde.com 

Empresário é preso acusado de estupro de vulnerável

Um empresário do ramo de marmoraria, de aproximadamente 50 anos, foi preso suspeito de estuprar a própria enteada na cidade de Bom Jesus, a 632 km de Teresina. O caso ocorreu em 2013 e foi denunciado no ano seguinte pela mãe da vítima. De acordo com a Polícia Civil, o investigado teria cometido o crime para se vingar da esposa. 

"Supostamente, ele teria cometido o crime para se vingar da esposa com quem teve um filho. Quando ela estava grávida fez uma série de exames médicos e teria descoberto que tinha uma doença sexualmente transmissível. Então, o suspeito achou que ela já sabia que estava doente e não o comunicou. Isso teria motivado o crime, sendo que a vítima não teria sido o filho do casal, mas a criança que era filha apenas da mulher, ou seja, enteada do empresário", explica Carlos George, agente de Polícia Civil.

Em depoimento, o suspeito negou as acusações e disse que "apenas passou a mão nas pernas da garota". Ainda de acordo com a polícia, como o caso foi registrado há alguns anos, não informações precisas de como ocorreram os supostos abusos sexuais.

O empresário foi preso na última sexta-feira (07) em cumprimento a mandado de prisão preventiva. 


Lyza Freitas
redacao@cidadeverde.com

Presos serram grades e fogem da penitenciária Dom Abel Alonso Nuñez

  • bom-jesus-fuga-03.jpg
  • bom-jesus-fuga-02.jpg
  • bom-jesus-fuga-01.jpg

Treze presos conseguiram fugir da Penitenciária Regional Dom Abel Alonso Nuñez, em Bom Jesus do Piauí, na madrugada desta quinta-feira (6). Eles serraram grades e usaram lençóis para fazer cordas e escalarem as paredes do presídio. 

A fuga aconteceu por volta de 4h da manhã. Os detentos conseguiram pular um muro de cinco metros para deixar o local. 

O sindicato dos agentes penitenciários alega que faltam policiais militares nas guaritas, o que fez os presos aproveitarem a situação. O presídio só teria três pessoas para fazer a guarda de 200 presos, onde já só deveriam estar 80. Além disso, não há sistema eletrônico de segurança na unidade. 

Nas contas do sindicato dos agentes, foram 18 tentativas de fuga na Dom Abel Nuñez só em 2016, sendo três efetivadas e cinco controladas. Boa parte dos presos são provisórios, ou seja, ainda aguardam julgamento. 

A Secretaria de Justiça vai abrir procedimento administrativo para apurar a fuga e também pretende reforçar a segurança no local. 

reportagem de Carol Santana (TV Cidade Verde)
Fábio Lima (da Redação)
redacao@cidadeverde.com

Posts anteriores