Câmara rejeita relatório e arquiva CPI sobre sistema de esgoto de Campo Maior

A Câmara Municipal de Campo Maior rejeitou em votação nesta terça-feira (20) o relatório final da comissão parlamentar de inquérito (CPI), sobre o Serviço Antônomo de Água e Esgoto (SAAE). A votação teve sete votos contra cinco e a CPI foi arquivada.

Vereador Fernando Miranda, ex-diretor do SAAE

O relatório chegou a ser lido e não houve debate entre vereadores de situação e oposição durante a votação. “O relatório não tinha consistência, ou seja, sem provas e sem embasamento e por isso foi rejeitado, sem contestação da oposição”, comentou o vereador Fernando Miranda.

O vereador é ex-diretor do SAAE e era o principal alvo das investigações. Ele explica que como o relatório não foi aprovado, agora a Câmara deve arquivar o documento e destituir a Comissão Parlamentar de Inquérito.

Do outro lado na rejeição do relatório, a bancada de oposição afirma que o relatório ainda será utilizado. 

“Eles acham que reprovando o relatório na câmara vão impedir que o processo continue e a punição dos acusados”, afirmou o vereador Neto.

Rayldo Pereira
Com informações de PortaldeCampoMaior
rayldopereira@Cidadeverde.com

Campo Maior terá cinco academias populares ao ar livre

A Prefeitura de Campo Maior está construindo cinco academias ao ar livre. Nesta terça-feira (19), o prefeito Paulo Martins visitou as obras no Bairro Estação, acompanhado do secretário municipal de Saúde Marcelo Pereira, o vereador Edvaldo Lima, o engenheiro Ribamar Filho e o gerente de Obras Dibes Ibiapina.


“Estamos construindo cinco academias na cidade. Serão contemplados os bairros Estação, Flores, São Luís, Fátima e Centro. Essas academias são opções para quem prática atividade física, principalmente na terceira idade", disse o prefeito. 

Paulo Martins ressalta ainda que as academias populares contarão com equipamentos modernos, educadores físicos para auxiliar nas atividades, espaço para aulas de aeróbica e banheiros. 

Os espaços voltados para a prática esportiva serão equipados com aparelhos para fortalecer os músculos, e outros que simulam o transporte, ajudando na queima calórica e na ativação das articulações.


“As obras estão sendo executados com recursos federais conseguidos em parceria com parlamentares e serão executadas pela secretaria municipal de Saúde. Fico contente de acompanhar as execuções das obras com o engenheiro Ribamar responsável pelo projeto”, disse o secretario de Saúde Marcelo Pereira.


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Polícia apreende veículo com placa clonada em Cocal de Telha

A equipe de investigação do 1º Distrito Policial de Campo Maior apreendeu em Cocal de Telha um carro com placas clonadas. O veículo foi apreendido com o homem identificado como R. C. S.. A polícia descobriu que o veículo havia sido roubado na Bahia, mas estava com identificação de Campo Maior.

Os policiais do 1º DP começaram a investigação na manhã desta segunda-feira, 18, quando o carro foi visto pelas ruas de Campo Maior. Após fazer consultas, a equipe de investigação constatou a clonagem e efetuou a apreensão do veiculo na cidade de Cocal de Telha, por volta das 19h.

Com informações de PortaldeCampoMaior
cidades@cidadeverde.com

Defensores visitam novas instalações da Defensoria Pública de Campo Maior

Os defensores públicos Hildeth Evangelistata, Júlio Salem e Erisvaldo Marques, visitaram nesta sexta-feira (15) as novas instalações da Defensoria Pública do municípios de Campo Maior. Eles foram recebidos pela defensora Carla Yasca Feitosa e a equipe de funcionários do órgão.


Segundo informou a Defensora Carla Yáscar Feitosa, na nova sede, localizada na avenida Dirceu Arcoverde, bairro Send, são realizados por mês cerca de 500 atendimentos, direcionados à população que não tem condições financeiras de pagar pelos serviços de um advogado.

A Defensoria Pública de Campo Maior atende ainda as demandas dos municípios próximos. A Defensora Hildeth Evangelista aproveitou para elogiar o trabalho realizado por Carla Yáscar. “Vale ressaltar o excelente trabalho que a defensora Carla tem realizado à frente do órgão em apenas um ano de funcionamento”, disse.

Na ocasião, os defensores também visitaram o Fórum Desembargador Manoel Castelo Branco, onde foram recebidos pelo juiz Júlio César Garcez, titular da 2ª Vara de Campo Maior.

A visita faz parte do trabalho que a nova diretoria da Associação Piauiense dos Defensores Públicos (Apidep), presidida por João Batista Viana do Lago Neto, tem realizado para verificar as condições de trabalho e assegurar o respeito às prerrogativas dos Defensores Públicos.
 
Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Mutirão da catarata é adiado e nova data ainda será divulgada

O mutirão de combate a catarata  foi adiado e deverá ocorrer em um prazo de 30 dias. A informação foi repassada pela direção do Hospital Regional de Campo Maior (HRCM) e Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi). O evento estava previsto para começar nesta sexta-feira (15), no Cepti Candido Borges, antigo Gote em Campo Maior.


“Iremos buscar uma segurança técnica e jurídica para a realização do evento já que estamos em um período eleitoral”, destaca Ricelle Barbosa, diretor do HRCM.

Mais de 3 mil pessoas da região dos carnaubais deverão ser atendidas no mutirão, voltado também para o diagnostico de outros problemas relacionados a visão. 

"O mutirão será dividido em três etapas. Na primeira a consulta e diagnóstico e na segunda a cirurgia para os casos em que houver necessidade. O paciente precisa está portando a carteira de identidade (RG), CPF, cartão do SUS, comprovante de residência, título de eleitor, e se for casado é importante levar a certidão de casamento", finaliza Barbosa. 


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Acusado de roubo é preso com moto na própria residência

O jovem Anderson Cassiano Lopes Pereira, 19 anos, conhecido como Barroca, foi preso acusado de roubo no município de Campo Maior, a 78 km de Teresina. De acordo com informações de policiais da Força Tática, o suspeito era fugitivo da Penitenciária Major César Oliveira, onde já cumpria pena pelo crime de roubo.

                         Portaldecampomaior

De acordo com a Polícia Militar, com Barroca foi encontrada uma motocicleta que havia sido roubada de um casal de namorados, na semana passada, no Centro de Campo Maior. 

"A moto roubada foi recuperada na casa do acusado no Bairro Santa Cruz. Ele estava na residência no momento da abordagem policial e não resistiu à ação policial, sendo levado para averiguação no 1º Distrito Policial", disse o sargento Cunha.


Policiais da Força Tática conseguiram localizar a mocicleta roubada após informações das próprias vítimas. 

"A vítima contou que estava com a namorada com a moto estacionada em frente a uma loja de ração, na avenida Heróis do Jenipapo, quando percebeu a aproximação do assaltante. Ele e a namorada foram abordados pelo assaltante, que com a arma na mão, ameaçou o casal de morte, caso a motocicleta não fosse entregue", finaliza Cunha. 


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com
Com informações Portaldecampomaior

Dia do Garçom é comemorado com corrida de bandejas

Em comemoração ao Dia do Garçom, festejado nesta segunda-feira (11) o Sindicato dos Empregados no Comércio Hoteleiros e Similares de Campo Maior promoveu a tradicional Corrida de Bandejas, uma disputa divertida e com prêmios em dinheiro. A corrida aconteceu às 9h desta segunda-feira (11) na rua Coronel Eulálio Filho, no Centro da cidade.

           Foto: Portal de Campo Maior
 
A festa do Garçom, como é conhecida, acontece há 25 anos em Campo Maior e sempre as segunda-feiras mais próximas a data, dia em que os garçons estão de folga.  Vence a corrida quem ultrapassar a linha de chegada, sem derrubar nada que esteja na bandeja.


Este ano os vencedores serão premiados do 1º ao 6º lugar. Durante toda a tarde a programação comemorativa teve ainda torneios de baralho e sinuca e encerrará com festa as 21h no Clube dos Comerciários.




Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Mutirão de combate a catarata deve atender mais de 3 mil pessoas

O Hospital Regional de Campo Maior (HRCM), em parceria com a Secretária Estadual de Saúde e a Fundação Oftalmológica do Piauí, promoverá mutirão de combate a catarata que será realizado no  de 15 a 17 de agosto. Segundo Ricelle Barbosa, diretor do HRCM, a estimativa é que mais de 3 mil pessoas sejam atendidas, compreendendo cerca de 16 cidades, pertencentes a 5ª Regional de Saúde e à região dos Carnaubais.


Os atendimentos serão realizados no Colégio Candido Borges (CEPTI), antigo Gote, na Rua São Paulo a partir da 6h. 

"O paciente precisa está portando a carteira de identidade (RG), CPF, cartão do SUS, comprovante de residência, título de eleitor, e se for casado é importante levar a certidão de casamento", destaca Barbosa. 

O vice-presidente da Fundação Oftalmológica do Piauí e coordenador da Força Estadual de Saúde, Samuel Gonçalves, destaca que o mutirão ocorrerá em duas etapas. Na primeira, serão realizadas consultas e identificação dos problemas de cada paciente. Na segunda, serão realizados procedimentos cirúrgicos.


“Vamos resolver problemas de catarata e também glaucoma, deslocamento de retina e vários outros. A prioridade são pessoas a partir de 45 anos”, finaliza o médico Samuel Gonçalves.


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Polícia prende suspeito de matar filho de PM com facada em festa

A Polícia Civil de Campo Maior identificou o acusado de dar a facada que matou o jovem Willyberg Rodrigues Barbosa, de 25 anos, filho de policial militar, durante uma festa em Campo Maior. A identificação só foi possível graças as câmeras de segurança de um hotel, que fica próximo ao local do homicídio.

Willyberg Rodrigues Barbosa

Na manhã do último sábado (09), policiais do 1º distrito chegarama  apreender um rapaz, conhecido apenas como "Gê", que teria ligação com o crime. Ele foi ouvido e negou sua participação. Como é apenas suspeito, foi liberado em seguida.

O jovem chegou a ser socorrido junto com o irmão, que também sofreu ferimentos e trazido para o HUT em Teresina, mas não resistiu e veio a óbito na tarde da última sexta-feira.

Rayldo Pereira
Com informações de PortaldeCampoMaior
rayldopereira@cidadeverde.com

IFPI de Campo Maior foi apresentado a comunidade e autoridades

O aniversário dos 252 anos de emancipação política do município de Campo Maior foi marcado também pela visita de autoridades políticas, civis e de populares ao Instituto Federal de Tecnologia do Piauí – IFPI, no Bairro Fripisa, na manhã desta sexta-feira (08). Presentes, o reitor estadual da instituição Paulo Henrique Gomes de Lima, o diretor-geral do campus de Campo Maior, Washington Moura, o prefeito Paulo Martins, o secretário municipal de Educação, José de Ribamar, “Ribinha”, o vereador Edvaldo Lima representando a Câmara Municipal, secretários, presidentes de Associação Comunitárias e populares.


“É espetacular porque durante muito tempo o município sofreu com atraso na educação. Não podemos pensar em melhoria e reduzir as desigualdades sociais sem pensar em investimentos na educação. Eu me sinto muito grato de está neste momento como secretario de Educação por tantas mudanças e melhorias no setor educacional do município”, destacou o secretário municipal de Educação José de Ribamar, “Ribinha”.

O prefeito Paulo Martins em sua fala na solenidade de visita ao IFPI destacou as mudanças que vem ocorrendo em Campo Maior. Ele pontuou a construção do IFPI, falou da parceria que o município tem com o Governo Federal nos diversos programas sociais, e nos investimentos também nos setores da educação, com construção de escolas e creches, na saúde, na habitação com o Programa Minha Casa Minha Vida e outros, que criam meios de combater a pobreza.


“Mais era preciso pensar em algo mais para melhorar a vida das pessoas em Campo Maior que vem com a qualificação, que vem com o ensino técnico e superior. “Nós estamos passando por outro momento para a educação de Campo Maior. Estamos visitando hoje nos 252 anos do município a maior obra que já foi construída, daqui a 30 anos, não terá obra comparável a esta”, declarou o prefeito agradecendo a toda a equipe do IFPI por ter se empenhado e pela cidade nos seus 252 anos de aniversário receber este presente.

O reitor geral Paulo Henrique enfatizou que em setembro o Instituto vai começar a funcionar com suas primeiras aulas. Ele destacou ainda, que parte dos professores é campo-maiorenses que trabalha em outros campi do Estado, que serão transferidos. E finalizou parabenizando o prefeito e toda a comunidade do município. “Precisamos fazer com que este campus não seja objeto de contemplação, mais que haja um ensino de qualidade”, disse parabenizando a todos pelos 252 anos de Campo Maior.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Posts anteriores