Caravana 25 anos
  • Pedra do Sal: conheça as curiosidades do local mais romântico do município

    Thiago Amaral/Cidadeverde.com


    Localizada a 18 km de Parnaíba, a praia Pedra do Sal atrai a todo tipo de gente, especialmente os turistas, surfistas e ambientalistas.Dos ovos de tartaruga ao intenso vento que gera a energia eólica, tudo ali é marcado por magia e riquezas naturais. A Pedra do Sal fica no bairro Ilha Grande de Santa Isabel e chama atenção pelo conjunto de rochedos e lendas que circulam por suas redondezas.




    A praia divide seus 6 km de extensão em dois lados completamente distintos: o lado da praia mansa, que fica de frente para o nascente e é um incrível balneário que atrai famílias de todos os lugares e o lado da praia brava, de frente para o poente, ideal para as práticas de esporte, como o surfe. A Pedra do Sal recebeu esse nome porque é possível ver o sal depositado em buracos nas pedras quando a água evapora.




    Lenda do Morro do Gemedor


    Entre os inúmeros contos dos pescadores, uma das principais estórias contadas na Pedra do Sal é a lenda do Gemedor. Segundo ela, a índia Intã, da tribo Tremembé, gostava de passear pela praia deserta e em um desses passeios encontrou desmaiado um náufrago de pele branca, que logo a encantou. Sabendo do perigo que seu príncipe corria, caso sua tribo o encontrasse, a índia o arrastou até uma cabana. Alguns dias se passaram e o jovem se recuperou e correspondeu ao amor de Intã, mas a praia foi invadida por altas marés e tempestades de dunas soterraram a cabana. A lenda conta que Intã continua a gemer nos braços de seu amor e diz que quem visita o morro consegue escutar esses gemidos.





    Ninhos de Tartarugas


    A Pedra do Sal também é palco de um dos mais belos fenômenos naturais: o nascimento de tartarugas marinhas. Nas areias da praia há ninhos de duas espécies do animal. A menor é a Tartaruga de Oliva e a maior é a Tartaruga de Couro. Ambas as espécies estão em extinção e seus ninhos são monitorados e preservados por biólogos e voluntários.





    Potência em energia eólica


    Outro fator interessante da Pedra do Sal é a existência dos 20 cataventos da usina eólica, que têm capacidade de 18 mega Walts. Eles foram construídos em 2008, depois de um estudo relacionado às correntes de vento que atingem o litoral piauiense. A energia captada é comercializada para a empresa Eletrobrás.





    Jordana Cury (Especial para o Cidadeverde.com)
    redacao@cidadeverde.com

    Em 05/09/11, 13:14
busca
recentes
| © CidadeVerde.com 2017 | Todos do Direitos Reservados - Site by Masvio |