Caravana 25 anos
  • Caravana 25 Anos mostra Festival de Inverno de Pedro II nesta sexta

    Em mais uma parada, a Caravana 25 Anos da TV Cidade Verde desembarca em Pedro II, a terra da opala, para mostrar mais uma edição do Festival de Inverno, que acontece entre os dias 23 e 26 deste mês. Este ano, o evento terá como atrações principais Nando Reis, Vanessa da Mata, Edson Cordeiro e Validuaté.


    Em sua oitava edição, o festival espera receber 25 mil pessoas e 12 mil devem ficar hospedadas nas pousadas, nas casas alugadas, camping em clubes e até nos conventos. Segundo o secretário estadual de Turismo, Sílvio Leite, o evento já está consolidado entre os piauienses e agora tem um público em nível de Nordeste.





    A repórter Indira Gomes já esteve na cidade observando os preparativos e constatou que não há mais vagas na cidade inteira. Os turistas estão procurando hospedagem agora nas cidades vizinhas, como Piripiri.


    Por lá, a festa já começou. Roraima e a banda Theregroove fizeram a abertura do festival no último final de semana, com show no mercado.


    O prefeito Alvimar Oliveira espera os turistas e prepara a equipe para receber bem todos que comparecerem ao evento.





    Proibições


    Uma reunião entre a prefeitura, a secretaria de Turismo do Estado, Sebrae e Procon, definiu que ficará proibida a colocação de mesas na Praça da Bonelle para que mais pessoas possam se acomodar no local.


    Uma equipe do Procon fará a fiscalização todos os dias do evento, observando o atendimento e os preços praticados pelos comerciantes cadastrados para venderem seus produtos na praça.


    Transmissão


    O programa especial da Caravana será transmitido direto da Capital da Opala na próxima sexta (24), a partir do meio-dia.





    Programação

    Os dois palcos - Opala e Morro do Gritador - terão atrações para todos os gostos e prometem uma mistura de estilos para agradar em massa aos visitantes. No palco Opala, localizado na Praça Manoel Bandeira, popularmente conhecida como praça da Bonelle, se apresentarão as atrações nacionais e alguns músicos locais. Já no palco Morro do Gritador, o som será exclusivamente regional.


    Na quinta-feira (23), primeiro dia de Festival, quem abre a programação do palco Opala é o cantor Edson Cordeiro, além dos músicos regionais que compõe a Orquestra Tamoio e o cantor Danilo Rudah.





    No segundo dia de Festival (24), tem o show de Nando Reis e Rubens Lima. No sábado (25), Vanessa da Mata, Júlio Medeiros e Validuaté agitam os presentes. E fechando a programação desta edição do Festival, no domingo, quem se apresenta é o cantor Dalmir Filho e a banda de choro Trombone e Cia.


    Já o palco Morro do gritador abre os seus shows na quinta-feira com a apresentação da banda Os Oliveiras, do cantor Wagner Ribeiro e da Rota 69. Na sexta-feira, Lucas e Rômulo, llare Me Cante e Palmares são as atrações da noite. A festa fica por conta de Batuque elétrico, Opala na cabeça e Edvaldo Nascimento no sábado. E no domingo, todo o romantismo de Vavá Ribeiro e da banda Boattus.


    Leilane Nunes
    leilanenunes@cidadeverde.com

    Em 20/06/11, 09:16
  • Prefeito estima que 20 empresas se instalem em Bom Jesus após PI Agroshow

    O prefeito de Bom Jesus, Alcindo Piauilino, faz um balanço positivo da realização da 3ª Piauí Agroshow. Ele estima que 20 novas empresas se instalem na região após o evento. Em entrevista ao vivo no Jornal do Piauí, durante o programa especial da Caravana 25 Anos da TV Cidade Verde, Alcindo comentou que o agronegócio vem ocasionando o crescimento até de empresas que não estão diretamente relacionadas.


    Segundo o prefeito, há uma pesquisa feita por alunos da Universidade Federal do Piauí que constatou que 80% das empresas não ligadas ao agronegócio tiveram aumento nos seus rendimentos nos últimos anos.






    "Temos um ambiente de desenvolvimento e é por isso que as empresas estão aportando na região. Essa é a verdadeira parceria público privada", declarou o prefeito.


    Um dos organizadores da feira, Idemar Cover, avalia que a Piauí Agroshow mostra as potencialidades da região dos Cerrados para o Brasil e para o Nordeste.


    "Temos máquinas agrícolas, equipamentos e bancos em exposição, além das festas. O objetivo é fazer com que todo mundo se integre", afirmou.


    Leilane Nunes
    leilanenunes@cidadeverde.com

    Em 16/06/11, 13:40
  • Luiz Menezes: “a TV conseguiu fazer um verdadeiro Raio-X em Piripiri”

    O prefeito de Piripiri, Luiz Menezes (PTB), e o deputado estadual Marden Menezes (PSDB) parabenizaram a TV Cidade Verde pela Caravana 25 anos. Os dois políticos ressaltaram a importância da criação do Centro Administrativo, que vai deslocar o centro da cidade. 

    Fotos: Thiago Amaral


    “A TV Cidade Verde em algumas horas conseguiu fazer um verdadeiro Raio-X em Piripiri, focando desde os pontos mais simples aos mais complexos. O nosso município tem um potencial muito grande e essa iniciativa faz com que nossa sociedade, essa gente trabalhadora e honesta, interaja com todos”, analisou o prefeito.
     
    Além de destacar o trabalho realizado pela Caravana 25 anos em Piripiri, o deputado Marden Menezes falou ainda sobre a fase de desenvolvimento que o município vive. “Isso que a TV mostrou é o resultado de muito trabalho. Eu tenho orgulho dessa cidade, que está em franco desenvolvimento”.


     
    Centro Administrativo
     
    Segundo o prefeito, a obra do Centro Administrativo custará à prefeitura a quantia de R$ 5 milhões. Para conseguir o recurso, estão sendo leiloados alguns imóveis do órgão, através da Caixa Econômica Federal.
     
    O Centro será construído na avenida Raimundo Holanda. O primeiro imóvel para a construção já foi leiloado e as autoridades municipais entregarão outros três nos próximos dias. “Com o dinheiro desses primeiros imóveis vamos dar início a obra. Acredito que poderemos começar agora no mês de julho”, disse o Luiz Menezes, explicando que o prazo para a conclusão da obra é de 8 meses após o início.
     

    O político contou que o projeto tem por base o Centro Administrativo de Brasília e ressaltou que a obra trará mais dinamicidade aos serviços do município. “Lá irão funcionar todos os órgãos municipais, as unidades de pronto-atendimento, a nova sede da prefeitura (Palácio do Centenário), creche e centros sócio-educativos e culturais”, concluiu.
     

    Jordana Cury (Especial para o Cidadeverde.com)
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 20:15
  • Piripirienses mostram talentos em barraca montada em pleno mercado público

    Conhecida em todo o Estado por sua porção artística, Piripiri prova que as pessoas comuns também têm muito o que mostrar. A TV Cidade Verde instalou uma barraca em pleno mercado municipal e deixou a câmera ligada para que os piripirienses se expressasem da maneira que achassem melhor.



    Foi um verdadeiro show de dança, música e piadas, tudo de forma bem espontânea. Prova disso você pode conferir no vídeo abaixo, que mostra um pouco do material gravado na semana passada e exibido no programa especial desta segunda-feira:



    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 19:19
  • Personagens que são marcas registradas de Piripiri

    Por mais que as cachoeiras, o Caldeirão, a religiosidade, o comércio, a arte, sejam grandes sinônimos de Piripiri, nada é mais marcante do que o povo piripiriense. O acolhimento e sentimento de amizade que emana das pessoas que nascem na Terra são tão marcantes quanto as personalidades, que embora muitas vezes fiquem restritas ao perímetro da cidade, deixam sua marca na vida de muitas pessoas.

    Fotos: Thiago Amaral/CidadeVerde.com

    Dideka

     
    Como o poeta e cordelista Chico do Romance que vai diariamente ao Mercado Público Municipal para recitar seus versos e já foi objeto de estudo em universidades do Japão e França. Ou como o religioso Antonio Bispo da Conceição, o Frei Pio, que desde quando a missa era rezada em latim, faz ecoar na igreja matriz sua voz na matriz de Nossa Senhora dos Remédios, sobretudo na oração do “Cordeiro de Deus”.


    Francisca Paiva


    Ou a soprano Francisca Paiva, que só atinou para o seu vozeirão aos 17 anos, quando uma freira lhe avisou deste potencial. Ela é a voz que puxa o hino da padroeira durante os festejos de outubro. O cantor, apresentador e compositor Enes Gomes, que embora tenha saído da cidade primeiro para Teresina e depois para São Paulo, onde conquistou grande sucesso na TV Aparecida, mas sempre enalteceu a sua terra natal.









    Isso sem contar figuras como o médico Bolinha, o professor Dideka, a Maria dos Cacetes, Domingos do Sovaco da Cobra, entre tantos outros que viraram um manancial de ideias para o trio de humoristas mais famoso do Estado: João Claudio Moreno, Amauri Jucá e Dirceu Andrade. Não é a toa que os três são piripirienses e cheios de história pra contar.






    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadevede.com

    Em 23/05/11, 16:45
  • O sabor piripiriense que dá água na boca

    As guloseimas e as comidas de Piripiri são de encher os olhos e atormentar as dietas de qualquer ser humano. Com sua culinária mista e diversa, grandes nomes da cozinha da cidade trouxeram amostras de seus quitutes ao especial da TV Cidade Verde.


    A educadora Maria Balbino que, por destaque em seus salgados, acabou virando empresária, é uma referência quando se trata de pasteis, coxinhas, delícias de goiaba entre outras delícias.


    Thiago Amaral/CidadeVerde.com

    O sabor árabe está na cidade através da Casa da Esfirra, localizada nas proximidades do Parque Curumim, onde o prato que dá nome à casa é a principal atração.

    Outra cozinheira de mão cheia é Gorete Assunção que com suas tortas e bolos torna mais doce a vida dos piripirienses. Ela preparou um bolo especial com a logomarca da TV cidade Verde especialmente para o programa.


    No último um ano e meio, um sabor que tomou conta da cidade é a “panelinha” preparada no Panelinha Grill. O prato consiste em Maria Isabel ou outro preparo de arroz, como camarão ou lingüiça caseira, feita em uma panela de barro com queijo, acompanhado de salada. O restaurante dos irmãos João e Adriano Coutinho é um grande sucesso na cidade, e o prato é preparado pela esposa de Adriano, Lucineide e pela cunhada dele, Fabiana.

    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 16:23
  • O amor por Piripiri em canções

    Todas as músicas cantadas pelos artistas piripirienses durante o especial da Caravana da TV Cidade Verde tem relação com a cidade. Musa que inspira canções e poesias, Piripiri é um prato cheio para obras cheias de amor.

    Thiago Amaral/CidadeVerde.com
    Douglas Araújo, ao centro, com seu grupo Mistura Fina

    “Acho que tudo isso acontece por causa do calor humano do povo daqui. Se não há calor não tem amor, se não tem amor não tem inspiração”, declara o saxofonista Douglas Araújo. Ele diz ainda que essa paixão pela cidade está enraizada na própria história da população.

    Vagner Ribeiro


    Para o cantor e compositor Vagner Ribeiro, não só o carinho das pessoas, mas também a vontade de expor Piripiri da melhor forma possível também é combustível para isso, além da inspiração de um grande artista. “Com certeza o João Cláudio foi um grande incentivador de toda a arte daqui e é uma pessoa em que muitos se espelham”, descreve. João Claudio também já atacou de compositor ao lado de Wagner Santos, compondo a música “Piripiri”, que por anos esteve no repertório de seus shows.

    Francisca Paiva



    Joel, sua esposa e seu filho

    No programa desta segunda (23) Douglas Araújo e seu grupo Mistura Fina, que cantaram a música “Eu vim de Piripiri”, e Vagner Ribeiro que cantou “Morro da Saudade”, música de sua autoria. Também se apresentaram a cantora Francisca Paiva que cantou o Hino de Nossa Senhora dos Remédios, padroeira da cidade; o grupo Universo Musical e o sanfoneiro Joel que cantaram a música Piripiri; Benício Bem que cantou “Capinzais”.

    Benício Bem

    João Claudio Moreno, que é conhecido por seu trabalho como humorista e ator, na verdade é considerado por diversos artistas como o grande incentivador do movimento artístico na cidade.


    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 16:16
  • Benício Bem mistura MPB e bom humor na militância pelos homossexuais

    Benício Bem é um cantor piripiriense que tem a alma cheia de ritmo, mistura e como não poderia deixar de ser, humor. Sua arte transcendeu as fronteiras de Piripiri e atingiu a diversas cidades do interior do Piauí e também na capital, onde ele se apresenta semanalmente no bar Ar Livre.


    Benício nasceu e cresceu no povoado Poção, zona rural do município, dividindo seu espaço com mais 9 irmãos, numa família bem cultural. Para se ter uma idéia, ele complementava as tarefas da escola lendo intensamente os cordéis de seu pai, recitando-os e, sob os cuidados, do ouvido apurado da sua mãe. “Eu e meus irmãos sempre gostamos de cantar e ouvíamos muito rádio. A minha mãe Antonia Benício sempre nos ouvia e se alguém cantasse fora do tom, ela saía reclamando”, conta o artista.


    Entretanto, seu despertar como cantor aconteceu em 1990 quando tinha apenas 19 anos. “Eu tocava na banda Os Mini-Frutos e a gente fazia muitos show por todos os povoados do interior. Naquela época, os grandes artistas eram Luis Caldas, Beto Douglas, Eliane, Beto Barbosa, Sarajane, não tinha esse forró de hoje”, relembra. Seis anos depois, após passar por bandas diversas bandas, o cantor partiu para a carreira solo, levando seu estilo único que mistura humor, axé, MPB e várias tendências musicais por onde quer que passasse.


    “Eu cheguei a esta minha identidade, estilo e modo de vestir aos poucos, não foi de uma vez. Tudo foi se construindo”, descreve. Benício se considera um militante da causa LGBT e traz em suas músicas e paródias várias histórias de homossexuais. “Tudo o que eu canto não é para criticar, mas para lutar e fazer com que as pessoas aceitem e achem (a homossexualidade) normal”, assegura. Ele diz que o seu público sempre o respeita e gosta de seu jeito, mas que busca sempre se adaptar até aos públicos mais sérios.

    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 16:18
  • Confira um desfile especial de looks produzidos por fábrica de Piripiri

    A fábrica Repris apresentou neste programa especial Caravana 25 Anos um desfile de peças produzidas em Piripiri. São roupas modernas, feitas em tecido, jeans e malha, que são distribuídas para as grandes cidades do Piauí, inclusive Teresina.


    Confira os looks apresentados por modelos piripirienses:








    Em 23/05/11, 12:40
  • Estudantes do IFPI de Piripiri fazem campanha contra o crack

    “Na nossa seleção não tem crack”, foi com faixas com estes dizeres que os estudantes do Instituto Federal do Piauí (IFPI), do campus de Piripiri saíram às ruas numa passeata mobilizando a comunidade para o não envolvimento com as drogas. 

    Fotos: Thiago Amaral/Cidadeverde.com

    Estudantes e professores, percorreram as principais ruas do município, desde o bairro Germano, onde fica a instituição, e terminaram no adro da Igreja Matriz, de Nossa Senhora dos Remédios. 

    Segundo Maria do Carmo dos Santos, 17 anos, estudante do curso técnico de Administração, a iniciativa é uma forma de conscientizar a população sobre o perigo dos entorpecentes. “Viemos para mostrar as pessoas que é preciso ter liberdade, mas que ela não deve ser usada para fazer as coisas erradas”, diz a estudante. Segundo ela, o movimento também aconteceu em diversas unidades dos Institutos Federais por todo o país. 



    Carlos Lustosa Filho (direto de Piripiri)
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 12:36
  • Indústria têxtil gera 20 mil empregos em Piripiri e quer duplicar produção em três anos

    O ramo da indústria têxtil em Piripiri é bastante forte. De acordo com as autoridades, ele só perde em produção para a capital Teresina e emprega, direta e indiretamente, 20 mil pessoas, um terço da população da cidade.

    Fotos: Thiago Amaral/Cidadeverde.com


    Claudio Cândido, presidente da Associação Comercial e Industrial de Piripiri (Acep) e também da Câmara de Dirigentes e Lojistas (CDL), afirma que ao todo, são 37 indústrias formais e mais de cem “indústrias de fundo de quintal”, assim chamadas aquelas que possuem de duas a cinco máquinas de costura e geralmente terceirizam seus trabalhos.


    “Por ano, são produzidos mais de 100 milhões de peças por ano. Numa cadeia produtiva que vai desde o empresário, a costureira, até a sacoleira. Os empregos gerados são de um terço da população”, pontua. Segundo Claudio Cândido, Piripiri sempre teve indústrias têxteis, mas o pólo tomou forma na última década, e duplicou de tamanho nos últimos três anos, com a especialização da mão-de-obra através de cursos para costureiros e mecânicos especializados.


    E a ambição da cidade ainda é crescer mais. “Temos como meta que as empresas dobrem sua produção nos próximos três anos. Fortalecendo a indústria, teremos mais força no comércio de varejo”, observa o presidente da Acep e da CDL.


    Uma destas grandes indústrias é de propriedade do casal Joselane e Kennedy Maciel. Eles empregam cem pessoas entre empregos diretos e terceirizados. Assim como no restante da cidade, a quase totalidade da produção é exportada para outros municípios do Estado e para o Maranhão, Pará, Tocantins, Ceará e Bahia. “A nossa produção é voltada para a exportação. Temos distribuidores nos outros Estados e muitas sacoleiras vem para cá comprar na indústria”, conta Kennedy.



    Carlos Lustosa Filho (direto de Piripiri)
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 12:28
  • Amadeu Campos e João Cláudio abrem transmissão com bate-bola

    A Caravana 25 Anos da TV Cidade Verde desembarca na "capital do mundo" nesta segunda-feira(23). O programa especial, comandado por Amadeu Campos, trará muitas atrações especiais desta cidade que tem no humor e na simpatia das pessoas a sua força.





    Amadeu abre o programa direto do Estádio Itacoatiara, antigo Helvídio Nunes, num bate-bola com o humorista João Cláudio Moreno, um dos ilustres filhos de Piripiri, sobre o 4 de Julho. Amadeu fez João Cláudio bater um pênalti! E não é que bateu na trave! Amadeu quase pega.





    O programa terá, além de muito humor com Dirceu Andrade, Amauri Jucá e o próprio João Cláudio, atrações musicais como Vagner Ribeiro, do Valor de PI, Benício Bem, Banda Os Dragões, Nazareno dos Santos, o sanfoneiro Joel Floriano e o grupo Mistura Fina.





    Mas promete ser a sensação deste este programa uma barraca especial, que terá a participação do povo de Piripiri.




    Da Redação
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 11:19
  • Açude Caldeirão movimenta economia e cultura em Piripiri

    O açude Caldeirão é um verdadeiro mar de riqueza para a cidade de Piripiri, a quinta parada da Caravana da TV Cidade Verde. Além de ser uma referência e símbolo do município, o aqüífero fornece não só água, mas comida, trabalho, diversão, sem contar a roupa lavada.


    A construção do reservatório foi iniciada em 1939 e concluída em 1945. Foram três grandes escavações que formaram o açude abastecido pelo rio Caldeirão, que acabou lhe dando o nome, e também outros riachos como o Poços e Jirau. A capacidade é de 54,6 milhões de m³ de água.


    Thiago Amaral/Cidadeverde.com


    “A primeira função foi abastecer a cidade, mas com o passar dos anos foi montado o Distrito de Irrigação, do Dnocs, e depois a cooperativa que atualmente atende a 100 famílias”, explica o diretor do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), Antonio Carlos Moreno.


    Sobre a história de que tratores e caminhões foram cobertos pelas águas porque não foram retirados a tempo quando as águas invadiram o reservatório, Moreno diz que foi uma invenção após a obra. “Acho que tudo não passa de uma lenda que as pessoas inventaram. Nunca houve nenhum registro falando sobre isso”, comenta.



    O Dnocs também possui uma Estação de Piscicultura responsável pela produção anual de 10 milhões de alevinos, que são distribuídos para o povoamento de barragens em todo o Piauí e estados vizinhos.


    São produzidos peixes tambaqui e as tilápias do Nilo, do Congo e da Tailândia, para distribuição gratuita, mas também corvina e curimatã, espécies que são colocadas apenas no Caldeirão. “Recentemente foi criada também uma colônia de pesca para atender a 200 famílias e o governo do Estado tem um projeto de Turismo para a orla do açude. Tudo isso sem comprometer a função inicial de abastecimento de água”, pontua Antonio Carlos Moreno.





    A equipe da TV Cidade Verde e do Cidadeverde.com estão em Piripiri para mostrar as maravilhas desta terra. O programa vai ao ar a partir do meio dia de hoje.


    Carlos Lustosa Filho (direto de Piripiri)
    redacao@cidadeverde.com

    Em 23/05/11, 10:48
  • Caravana 25 anos chega a Piripiri

    Fotos: Thiago Amaral/Cidadeverde.com

    “Cana de Canavial, dá licença de chegar”. É com esta frase oriunda da música do compositor pernambucano Paulo Diniz que a Caravana Cidade Verde 25 anos chega a Piripiri, para realizar seu programa especial neste mês de maio. O município, que é conhecido por seus artistas famosos e por sua gente espontânea e acolhedora, tem muito a mostrar e provar porque recebeu do desembargador Ozires Melo o epíteto de “Capital do Mundo”.

    Aliás, Piripiri é uma cidade que tem apelidos como Terra dos Vagalumes, Capital do Humor, entre outros. As águas também são grandes pontos de convergência de muitas histórias e desenvolvimento. O famoso açude Caldeirão é um dos mais importantes do Estado não só por ser reservatório, como também pela produção na piscicultura e como balneário, sobretudo após “sangrar”, quando está cheio durante o período chuvoso.


    Grande centro de indústria têxtil no Estado, Piripiri produz confecções de vários tipos, - desde moda íntima, praia, casual, jeans – e exporta para quase todo o país e até para o exterior.

    No esporte, o 4 de Julho, que leva no nome a data de emancipação política da cidade, é destaque no Estado e alimenta a paixão dos torcedores, além de produzir grandes craques que se destacaram Brasil a fora.


    Mas são as pessoas que fazem de Piripiri uma cidade única. Desde o embaixador Expedito Resende, figura importantíssima na política nacional no século 20, passando por seus políticos, músicos e jornalistas, a cidade sempre manifestou um grande poder comunicacional. E isto é visível na espontaneidade e talento do próprio povo piripiriense, que serão mostrados no especial desta segunda-feira (23). Isso sem contar o show de humor dos ícones desta arte no Estado: João Cláudio Moreno, Dirceu Andrade e Amauri Jucá já confirmados na atração.

    Carlos Lustosa Filho (enviado especial a Piripiri)
    redacao@cidadeverde.com

    Em 22/05/11, 18:20
  • Grupo Radija propaga cultura árabe com Dança no Ventre

    O bailarino Denis Silva foi outra grande atração do Jornal do Piauí em Floriano. Ao vivo, o dançarino de Dança do Ventre mostrou todo o seu talento para os telespectadores da TV Cidade Verde, na Caravana 25 anos.


     
    Hoje com 31 anos, Denis é o diretor do grupo Radija, de danças árabes. O grupo é composto por 22 pessoas e realiza eventos pela cidade, propagando a cultura árabe, tão marcante em Floriano.
     
    Denis dança desde os 11 anos e já tem planos, quase concretos, de montar também uma banda. “Será a dança e a música árabe, vamos fazer um trabalho mais completo”, orgulhou-se o bailarino, que já participou de concursos em Teresina, Fortaleza e Foz do Iguaçu.


     
    O grupo Radija também faz a parte social. “Ajudamos as crianças e os adolescentes do bairro Caixa D’água (periferia de Floriano). Vamos lá, selecionamos alunos e os integramos ao grupo com custo zero. Tudo pela cultura”, finalizou.






    Jordana Cury (Especial para o Cidadeverde.com, direto de Floriano)
    redacao@cidadeverde.com

    Em 18/04/11, 15:10
busca
recentes
| © CidadeVerde.com 2017 | Todos do Direitos Reservados - Site by Masávio |