Cidadeverde.com

Ziriguidum é a campeã do Carnaval 2016 de Teresina

  • apura27.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura26.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura25.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura24.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura23.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura22.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura21.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura20.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura19.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura18.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura17.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura16.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura15.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura14.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura13.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura12.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura11.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura10.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura09.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura08.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura07.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura01.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura02.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura03.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura04.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura05.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • apura06.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde

Atualizada às 17h33 (horário de Teresina)
A Ziriguidum foi a campeã do Carnaval 2016 de Teresina. A apuração dos votos dos jurados foi realizada na tarde desta quarta-feira (10), no Teatro de Arena, Centro da capital.

Com 173,7 pontos, a azul e branco levou o título e um prêmio de R$ 10 mil. Em segundo lugar, ficou a escola Sambão, com 172,5 pontos e R$ 7 mil em premiação. O terceiro lugar ficou com a Brasa Samba, com 171,1 pontos e R$ 4 mil como prêmio.  

O presidente da escola campeã, Fernando Monteiro, convidou os integrantes da Ziriguidum para uma grande festa em comemoração ao título. "A escola fez a diferença na avenida, já tinha o apoio popular, já tinha sido escolhida pelo público, então foi um resultado justo. A escola se superou porque depois de quatro anos sem desfilar volta e faz um grande levantando esse título mais uma vez. Estamos muito felizes pelo resultado e agora é só comemorar", disse Monteiro. 

O resultado foi anunciado após uma apuração cheia de momentos de tensão entre as torcidas das agremiações. Torcedores da Ziriguidum e Brasa Samba chegaram a trocar insultos e a apuração foi interrompida durante alguns minutos, até que os ânimos se acalmassem e a contagem dos votos pudesse ser continuada. 

"Palhaçada", diziam os torcedores de outras agremiações quando as notas da Ziriguidum eram anunciadas. 

Durante a contagem das últimas notas, a torcida da Ziriguidum começou a comemorar o título antecipadamente, enquanto as outras agremiações reclamavam e alegavam que a escola campeã foi favorecida.

Como forma de protesto, alguns membros de escolas balançaram cédulas de dinheiro no ar, fazendo afirmações de que o resultado teria sido comprado. "Nossa escola saiu pequena, mas saiu compassada, no tempo hábil, é injustiça. A gente trabalha o ano inteiro, nossa escola saiu perfeita", questionou Luisa dos Santos, diretora financeira da Brasa Samba, sobre o resultado anunciado depois da apuração.

Apesar de não ter ficado com o primeiro lugar, a Sambão comemorou o título de vice-campeã do Carnaval de Teresina. "A gente fez um lindo desfile, mas foi uma surpresa. A escola se superou, o enredo que homenagea Júlio Romão realmente merecia esse destaque. Existem muitas pessoas inconformadas, mas nós estamos preocupados é com a Sambão e o título do próximo ano", afirmou o presidente Manoel Messias.

Postado às 16h33 (horário de Teresina)
A apuração do desfile das escolas de samba do Carnaval de Teresina teve início às 16h desta quarta-feira (10), no Teatro de Arena, Centro da capital. Representantes das agremiações se reuniram no local para aguardar a divulgação do resultado, que premia com R$ 10 mil a primeira colocada, R$ 7 mil a vice-campeã e R$ 4 mil a terceira. 

Uma alteração na contagem dos votos foi feita após uma reunião da Fundação Monsenhor Chaves com a Liga das Escolas de Samba. Essa mudança aconteceu devido a dois jurados terem faltado no segundo dia de desfile. Por conta disso, as notas dadas por esses jurados no primeiro dia serão anuladas. Ao todo seriam contabilizadas notas de 20 jurados.

Os jurados avaliaram quesitos como Alegorias e Adereços, Bateria, Comissão de Frente, Conjunto, Enredo, Evolução, Fantasia, Harmonia, Mestre Sala e Porta Bandeira e Samba Enredo.

Das escolas que desfilaram, apenas a Unidos da Santana não concorre ao prêmios. A agremiação foi desclassificada  por não estar pronta no início do desfile de terça-feira (9), sem nenhum carro alegórico posicionado na avenida, o que fere o regulamento da competição. 

Além dos representantes das escolas de samba, alguns dos integrantes que desfilaram no domingo e terça-feira compareceram para torcerem durante a apuração. É o caso do carnavalesco Paulo Décimo, da Brasa Samba, que trouxe alguns integrantes da bateria que estavam animando a arquibancada do Teatro de Arena antes do início da apuração. 

"Nossa intenção é animar um pouco e amenizar a ansiedade do resultado. Nossa expectativa é grande. Desfilamos com amor pela escola, marcamos presença do começo ao fim, com muita alegria na avenida", disse o carnavalesco. 

Reveja fotos do desfile da Ziriguidum:

 

Sambão


Homenageando Júlio Romão, a escola de samba Sambão foi a segunda a desfilar na avenida Marechal Castelo Branco. A escola procurou ressaltar em seu samba-enredo a luta do escritor piauiense contra o preconceito racial.

Reveja fotos: 

Wilson Filho

 

Lucas Marreiros (especial para o Cidadeverde.com)
Fábio Lima (Da Redação)
redacao@cidadeverde.com