Cidadeverde.com

Piauí descobre remédio barato contra anemia

Esta notícia vem repercutindo muito nas chamadas mídias sociais: no Sul do Piauí, mais precisamente no município de São Raimundo Nonato, um médico descobriu e prescreveu um remédio simples, revolucionário, bom e barato contra a anemia.

Foi assim: uma garota de 10 anos foi levada ao médico, pela mãe, porque estava com anemia. E essa anemia, conforme relato da mãe, se deu em função de a garota não dormir nem se alimentar bem. E isso pelo uso excessivo do celular. Ou seja, a menina trocava o sono e a fome pelo celular.

O médico ouviu a mãe, auscultou a menina e não teve dúvida: prescreveu uma vitamina e a diminuição do uso do celular. A consulta foi no último dia 16, terça-feira passada. A mãe divulgou a receita médica em tom de comemoração. Onde? Em uma rede social, o Facebook.

Remédio eficaz

Para Fernanda Silveira Almeida, a mãe, a atitude do médico, Francisco Castro, o Doutor Chiquinho, que tem 39 anos de profissão, exercida na região de São Raimundo, era tudo o que ela precisava. Fernanda contou que, em apenas dois dias, já notou uma melhora na garota, que conseguiu reduzir o uso do celular pela filha.

Sua postagem já tem mais de 150 compartilhamentos e dezenas de comentários parabenizando a atitude do médico. A mãe acredita que, da mesma forma que ela está sofrendo com a situação da filha, muitos pais também estão vivendo o mesmo drama.

E ela faz um alerta: “Já tem muitos pais que desde que o filho tem um ano já dão o celular pra ele ver os desenhos, para ficarem ‘quietos’, mas não sabemos o mal que está por vir”. 

Tempos modernos!

 

Foto: Divulgação

Rejane Dias recebe o presidente da Assembleia

Maomé e a montanha

Quando a montanha não vai a Maomé, Maomé vai à montanha. Depois de receber as visitas de várias lideranças petistas, nos últimos dias, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado  Themistocles Filho, visitou ontem a secretária de Educação, deputada federal Rejane Dias.

Ele estava acompanhado do deputado João Mádison, líder do PMDB na Assembleia, e do suplente de vereador James Guerra.

A própria secretária divulgou a visita em suas contas nas mídias sociais.

Porto Alegre

Os petistas do Piauí e de diversas partes do Brasil invadem Porto Alegre na próxima semana, para o julgamento do ex-presidente Lula no TRF-4.

Perguntar não ofende: quem paga a conta das passagens e hospedagens?

Apoiado

O médico Flávio Nogueira, ex-presidente do Iapep, apoiou a prescrição do colega de São Raimundo Nonato que receitou a redução do uso do celular para combater anemia. Ele postou em sua página no Facebook:

“O uso descontrolado de algo, é vício. Que leva à dependência quase sempre de efeitos danosos. O celular ( e afins) tem subordinado o ser humano, a ponto de torná-lo refém. De utilitário, acresceu-se ao entretenimento, e hoje, de mil utilidades- inclusive, muitas vezes , usado para fins indevidos. O certo, é que, este aparelhinho, de cores várias, está nas mãos de muita gente. O médico Francisco Castro, doutor Chiquinho, de São Raimundo Nonato, em apurada intuição, prescreveu, para uma criança anêmica, o uso moderado dessa "pestinha" que tira o tempo de todos nós. Inclusive, pra não observar, o rigor das prescrições médicas.”

Foto: Divulgação

Academia faz 100 anos

Livro do Centenário

O livro que conta os 100 anos de fundação e funcionamento da Academia Piauiense de Letras será lançado no próximo dia 24, no Cine-Teatro da Assembleia Legislativa, nas comemorações do primeiro centenário da instituição. A obra foi escrita pelo desembargador e acadêmico Nildomar da Silveira Soares.

Campanha - O deputado Luciano Nunes (PSDB) está levando tão a sério a sua pré-candidatura a governador que já está visitando até candidato. Ontem, ele esteve com o presidente nacional do Sesi (Serviço Social da Indústria), ex-ministro João Henrique Sousa (MDB), com quem discutiu o cenário para as eleições de 2018 no Piauí. O ex-ministro recebeu também o presidente regional do PSC, advogado Valter Alencar Rebelo, outro pré-candidato a governador. 

 

 

* O corpo de João Bôsco Medeiros, o Bosquinho, ex-vereador de Picos, será sepultado hoje.

* Ele morreu ontem, aos 69 anos, depois de uma luta de três anos contra o câncer.  Bosquinho era irmão do ex-prefeito Gil Paraibano e vice-presidência do PPS no Piauí.

* O governador Wellington Dias recebeu em audiência o presidente da Câmara Municipal de Teresina, vereador Jeová Alencar.

* O delegado Felício Laterça, que trabalhou no Piauí, foi convidado para a assumir a Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro.

 

Ranger de dentes

Houve um tempo em que, na conquista e compra do voto, era permitido distribuir tudo ao eleitor, além das promessas. Em campanha pela reeleição, na região de São Raimundo Nonato, a sua terra, o deputado Batista Dias (PMDB) recebe o pedido inusitado de uma eleitora:

- Olhe, deputado, o senhor deu uma dentadura para Fulana, minha vizinha. Agora, de dente novo, ela anda toda enxerida, dizendo dentadura nova é pra quem pode e pra quem tem político forte. Pois eu quero uma dentadura também. E não é só com 32 dentes, não!

PP não abre mão da vice-governadoria

O rateio das vagas na chapa majoritária não será tão pacífico como imagina o governador Wellington Dias. O seu plano é distribuir as quatro posições entre os principais partidos da base, cabendo uma indicação a cada sigla.

Nesse caso, ele ficaria com a vaga do PT e o senador Ciro Nogueira, com a do Progressistas. De saída, o Partido dos Trabalhadores e o Partido Progressista perderiam uma vaga, cada um. O PT, a de senador, hoje ocupada por Regina Sousa; o PP, a de vice-governador, hoje ocupada por Margarete Coelho.

Nessa estratégia, a vice a segunda vaga de senador seriam entregues ao MDB, PSD e PTB. O PDT também reivindica uma dessas posições. Acontece que a senadora Regina Sousa avalia que tem todas as condições de ser indicada para disputar a reeleição. Do mesmo modo, pensa a vice-governadora Margarete Coelho.

Contas

O PP fez as contas e concluiu que não ganha nada mantendo a candidatura do senador Ciro Nogueira à reeleição, pois ele já é candidato natural à vaga. Como também a vice-governador. Já perder qualquer uma das posições significaria, sim, prejuízo político para a sigla.

Sentido que perdeu espaço nos últimos dias para o MDB, o PP já sinaliza, através de algumas lideranças e de aliados, que pode alterar radicalmente a sua posição e sair da aliança com o governo, puxando uma frente de oposição, como fez em 2014, se não ficar com as vagas que já tem na chapa majoritária.

Portanto, não será uma tarefa fácil acomodar tantos interesses na base governista.

 

Foto: Divulgação

João Henrique define agenda da segunda etapa de sua caravana

A volta

O ex-ministro João Henrique se reuniu com a sua equipe para definir a agenda da “Caravana Piauí em Movimento” de 2018, em defesa da candidatura própria do partido ao governo.

A largada será no próximo dia 24, começando por Demerval Lobão, Lagoa do Piauí, Curralinhos, Água Branca e outras cidades da região.

Até maio, serão visitados os 224 municípios do Estado.

MDB fecha com Skaf

A propósito de MDB, a direção do partido em São Paulo divulgou nota ontem sobre a sucessão no estado. Diz a nota que, ao contrário do que foi publicado por veículos de comunicação nos últimos dias, o MDB de São Paulo só trabalha com a pré-candidatura de Paulo Skaf ao Palácio dos Bandeirantes.

“Acreditamos no seu potencial para conquistar aliados e não abrimos mão de o partido ter candidato próprio ao governo do Estado”, sustenta o deputado federal Baleia Rossi, que assina a nota.

Era uma nota dessas, certamente, que o ex-ministro João Henrique gostaria de ver publicada no Piauí.

Pisou no pé

Do presidente nacional do PSDB e pré-candidato do partido a presidente, Geraldo Alckmin, chamando Lula para a briga:

- Há sempre perguntas sobre um possível temor em enfrentar Lula nas eleições. Não temos medo dele ou do PT e estamos preparados para o trabalho de diálogo com a população. Confio na experiência do eleitor brasileiro, que viveu a pior crise de nossa história.

No páreo

Da senadora Regina Sousa, sobre a disputa pela indicação do candidato à segunda vaga de senador na chapa governista:

- Vou trabalhar pela minha candidatura, mas não vendo minha alma ao diabo para ser candidata.

Febre amarela

A Secretaria de Saúde do Piauí emitiu ontem uma nota técnica para os municípios com maiores incidências da febre amarela.

A nota intensifica medidas de prevenção com ações de vigilância e vacinação contra doença em 58 municípios, principalmente nas cidades que estão na Divisa com o estado da Bahia.

Segundo a Secretaria de Saúde, a nota técnica é uma medida de atenção com a vacinação e orienta os profissionais de saúde quanto a procedimentos baseados nos cuidados para tratar da epidemia. 

 

 

*Para a senadora Regina Sousa, o ex-presidente Lula será decisivo nas próximas eleições, sendo ou não candidato a presidente.

* Ela informou que estará em Porto Alegre na próxima terça-feira, para uma plenária de mulheres organizada pela ex-presidente Dilma.

* Pelo menos 800 policiais militares estão trabalhando na segurança do Corso 2018, informa o comandante da PM, coronel Carlos Augusto.

* O governador Wellington Dias já garantiu à secretária de Educação, Rejane Dias, e ao Sinte que pagará o novo piso do magistério.

 

Qual é o crime?

De Seu Malaquias, filósofo popular da região do Grande Dirceu, ao tomar conhecimento, pela mídia, de que o PT atacou a árvore genealógica do presidente do TRF-4, que julga o ex-presidente Lula na quarta-feira:

- Atacar a árvore genealógica é o quê? Crime ambiental? 

Condenação de Lula não será o fim

Foto: Divulgação/Ajufe

Roberto Veloso, presidente da Ajufe

Uma eventual condenação do ex-presidente Lula, no julgamento da próxima quarta-feira, dia 24, não será o fim. A opinião é do presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Roberto Veloso, e foi manifestada ontem, em entrevista à Rádio Cidade Verde, pelo telefone.

Segundo o magistrado, em uma eventual confirmação da sentença de primeira instância, do juiz Sérgio Moro, o ex-presidente pode apresentar recursos ao próprio TRF-4. Se não for atendido, poderá ainda recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e ao próprio Supremo Tribunal Federal (STF).

Absolvição

“Há, ainda, a possibilidade da absolvição no julgamento de quarta-feira”, pondera o presidente da Ajufe. Conforme Roberto Veloso, dia 24 será cumprida apenas mais uma etapa do processo em Porto Alegre. Portanto, não significa o seu fim.

O presidente da Associação dos Juízes Federais observou ainda que as decisões sobre registro de candidaturas para as próximas eleições só serão tomadas em setembro pela Justiça Eleitoral. “Há um caminho longo a ser percorrido. A situação não será resolvida no dia 24”, observa.

Por tudo isso, o magistrado recomenda que o julgamento seja acompanhado sem violência e com respeito às instituições. “O Judiciário não vai se intimidar. A função do juiz é julgar e isso será feito”, avisa.

 

Piauí no azul

Desde 2015, a situação fiscal só melhorou em cinco estados. Um deles é o Piauí, segundo divulgou ontem a revista Veja, em sua edição on-line.

Segundo a revista, os estados de Alagoas, Ceará, Maranhão, Paraná e Piauí foram os únicos cujas contas não se deterioraram nos últimos três anos.

O levantamento feito pelo economista Raul Velloso, que analisou a situação fiscal das 27 unidades da federação.

Empréstimo

Ontem, em entrevista à TV Cidade Verde, o governador Wellington Dias  reclamou do tratamento que vem recebendo do governo Michel Temer. Mesmo tendo cumprido o “dever de casa”, o Piauí enfrenta dificuldades para receber a segunda parcela (R$ 315 milhões) do empréstimo de R$ 615 milhões junto         à Caixa Econômica. 

O governador disse que tem uma fila de obras no Estado para serem executadas com esse dinheiro.

Saque

A notícia: um caminhão carregado com 20 toneladas de produtos cosméticos, em sua maioria sabonetes, tombou na segunda-feira próximo à entrada da cidade de Picos. O motorista ficou gravemente ferido.

O detalhe: a carga do caminhão foi saqueada, levada por populares, mas ninguém foi preso.

Um pequeno retrato do Brasil que condena com indignação a corrupção dos políticos.

Sem torcida

Coitado do Eduardo Cunha! O Ministério Público Federal pediu 386 anos de prisão para ele e não apareceu uma vivalma neste país protestando contra!

 

 

* O Tribunal Superior Eleitoral conclui até 6 de março a última etapa do recadastramento biométrico, que compreende 42 municípios do Estado.

* A maioria desses municípios se localiza na microrregião de Picos. Até agora, 92% do eleitores do Piauí já estão cadastrados biometricamente.

* Em dados atuais, o eleitorado no Piauí totaliza 2.322.745 votantes, segundo o TRE.

* O recadastramento biométrico é obrigatório. O eleitor que não comparecer terá o título cancelado e não poderá votar nas eleições de 2018.

* O governador Wellington Dias confirmou ontem que estará em Curitiba na véspera do julgamento do ex-presidente Lula.

 

O fim do mundo

Do humorista Fraga:

- Pode ser que o fim do mundo dê certo, já que o começo não deu.

JVC está fora de forma na política

Foto: Cidadeverde.com

João Vicente:  filiação em mau momento do PTB

Os quatro anos sem mandato deixaram o ex-senador João Vicente Claudino fora de forma na política. Somente isso pode explicar a situação dele em relação às próximas eleições.

O ex-senador sinaliza que quer voltar à cena política como candidato a governador pela oposição, mas o partido ao qual articula a sua filiação – o PTB – é governo e não abre.

Não é só isso, porém, que torna estranha a posição de JVC. Ele saiu do PTB espontaneamente, no começo de 2016.  Aos mais próximos, declarava a sua incompatibilidade com a deputada federal Cristiane Brasil, que estava no comando do partido, em substituição ao pai, Roberto Jefferson.

PTB desgastado

Muito bem! JVC se prepara para retornar ao PTB justamente no momento em que o partido está capenga, pois foi desidratado pelo governador Wellington Dias, perdendo suas principais lideranças no Estado para siglas aliadas ao PT.

Não é só isso. O PTB vive hoje no plano nacional uma grave crise de imagem, por conta da indicação da deputada Cristiane Brasil para o Ministério do Trabalho.

Não bastasse ser uma indicação fisiológica e nepotista, ainda foi vetada pela Justiça, que em várias decisões tem impedido a parlamentar de assumir o Ministério.

Então, como é que João Vicente, que exerceu os oito anos de seu mandato sem sofrer qualquer vexame, agindo sempre com equilíbrio, sensatez e firmeza, se submete agora a voltar para um partido que não é o melhor modelo de ética na política? Que diferença ele pretende fazer nesse jogo?

 

Sufoco no IML

O Instituto Médico Legal do Piauí dispõe de apenas uma viatura para o transporte de cadáveres. As outras duas que compõem a frota do IML estão sucateadas e no prego.

No domingo, a viatura estava atendendo a um chamado do interior e os policiais da Delegacia de Homicídio tiveram que remover, na carroceria da viatura policial, o corpo de um homem assassinado na Zona Norte de Teresina.

Contraste

Desde o início do governo, o Instituto Médico Legal pediu dez novas viaturas. Apenas uma foi comprada. O custo de um carro-tumba, como é chamado, gira em torno de R$ 150 mil.

O governo não tem condição de equipar o IML, mas não falta dinheiro para alugar carros que em muitos casos rodam para cima e para baixo, até pelo interior, em campanha política.

Ameaças

O presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Roberto Veloso, declarou em entrevista à Rádio Gaúcha, sobre o julgamento do ex-presidente Lula, marcado para a próxima quarta-feira, dia 24, em Porto Alegre:

- As ameaças estão sendo públicas, não estão sendo veladas. Temos assistido a vídeos com ameaças públicas de que serão depredados prédios públicos, que irão tomar de assalto as dependências do tribunal, que irão fazer e acontecer, até de atear fogo nós ouvimos.”

O juiz pediu “calma, tranquilidade e paz”. Ele se reuniu também com a presidente do Supremo, ministra Carmen Lúcia.

Mobilização

A propósito, o julgamento em segundo grau da condenação do ex-presidente mobiliza o Supremo Tribunal Federal, o Conselho Nacional de Justiça, a Procuradoria-Geral da República, o Ministério da Justiça e o Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, além de associações de magistrados.

O motivo: a segurança dos juízes de segunda instância que vão decidir o futuro do petista e dos prédios públicos.

Isso é tudo o que o réu quer, além de livrar-se da condenação, claro.

 

 

* O deputado Marden Menezes (PSDB) avalia que a pré-candidatura de seu colega Luciano Nunes está alcançando uma receptividade maior que a esperada.

* Ele destaca que Luciano reúne todas as condições para governar o Piauí, pois é preparado, tem trânsito em todas as correntes e tem espírito público.

* O governo perdeu ontem mais uma ação na Justiça ontem para dar posse à deputada Cristiane Brasil como ministra do Trabalho. Um megadesgaste.

 

Mais status, impossível! 

Com a Independência do Brasil, em 1822, as antigas fazendas do Sul do Piauí que pertenciam à Companhia de Jesus e foram anexadas ao patrimônio dos portugueses, passaram ao domínio do povo brasileiro, com o título de Fazendas Nacionais. Conta Carlos Rubem, promotor de Justiça e agitador cultural em Oeiras, que o vaqueiro Expedito, descendente de escravos que trabalharam em uma das antigas Fazendas Nacionais, no hoje município de Colônia do Piauí, quando teve, certa vez, a sua honorabilidade questionada em uma discussão banal, saiu-se com esta:

- Oia, cumpade, eu sou nego nacional, não sou qualquer um, não!

Partidos atrapalham candidatos ao governo

Pelo menos três dos principais pré-candidatos a governador lançados do lado da oposição começam as dificuldades para viabilizar seus nomes já dentro de casa, ou seja, dentro de seus próprios partidos.

O presidente do Sesi e vice-presidente estadual do MDB, ex-ministro Joáo Henrique Sousa, o primeiro a cair em campo, passou o ano de 2017 tentando convencer o seu partido de que o seu lugar é na oposição, de que  a sigla deve apresentar candidato próprio ao governo e de que, de preferência, esse nome deve ser o dele.

As bases peemedebistas receberam o ex-ministro com algum entusiasmo, na ‘Caravana Piauí em Movimento’, porém a cúpula do partido no Estado fez ouvido de mercador para a sua pregação e segue firme em direção ao palanque de reeleição do governador Wellington Dias. O sonho público da bancada estadual é indicar o vice do governador.

O deputado estadual Dr. Pessoa, um nome que vem surgindo com boa aceitação popular, não tem espaço para se mexer dentro do seu PSD, que é carne e unha com o governo.

O presidente regional da sigla, deputado federal Julio César, briga mais por uma vaga na chapa majoritária do governo para ele do que pela candidatura própria ao Karnak.

Já o ex-senador João Vicente Claudino, que ensaia seu retorno à política como candidato a governador, sabe que o PTB, seu ex e futuro partido, é 100% governo. Assim, ao invés de ele puxar o partido para a oposição, é mais fácil o partido arrastá-lo para o governo.

Nessas circunstâncias, com os partidos contra, qual é o nome que tem chance de se afirmar como candidato de oposição?

 

Foto: Divulgação/Alepi

Prefeitos visitam presidente da Assembleia

Romaria

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (PMDB), passou a receber um número maior de lideranças nos últimos dias.

No final da semana passada, por exemplo, estiveram com ele o presidente da APPM, Gil Carlos (PT), e outros prefeitos.

Sinal

Nos meios políticos, diz-se que quando começa esse tipo de romaria é porque quem recebe a visita está com o nome quente para algum cargo.

E o que o presidente da Assembleia está querendo, todos sabem, é sair candidato a vice-governador na chapa do PT.

Campanha

O presidente estadual do PT, deputado federal Assis Carvalho, divulgou vídeo nas redes sociais conclamando filiados e simpatizantes a instalarem comitês em defesa do ex-presidente Lula nas cidades piauienses.

O argumento de Assis Carvalho é que Lula será julgado no próximo dia 24, no TRF-4, em Porto Alegre, “sem que haja nenhuma prova contra esse grande líder nacional”.

Foto: Blog do Carlson Pessoa

A casa caiu! - Os policiais civis plantonistas da Central de Flagrantes em Parnaíba, recém-inaugurada, passaram por um susto no início da noite de sábado. Parte do forro da fachada que dá acesso ao portão principal da instituição desabou. Ninguém ficou ferido. O prédio foi inaugurado festivamente no dia 18 de outubro.  

 

 

* No sábado, almoçaram juntos o ex-governador Wilson Martins, o prefeito Firmino Filho e o deputado Luciano Nunes.

* A oposição do Piauí começa, assim, a sua próxima campanha bem nutrida.

* O sistema on-line para novas matrículas na rede estadual de educação será disponibilizado a partir de hoje.

* Até o dia 28, os interessados poderão consultar as escolas disponíveis e respectivas vagas para efetuar a matrícula para o ano letivo de 2018.

 

Aviso aos navegantes

A revista Veja traz, em sua coluna Radar, na edição desta semana, uma declaração atribuída à ex-presidente Dilma Rousseff, que teve seu nome cogitado para ser candidata a senadora pelo Piauí nas próximas eleições:

- Não sou o Sarney para fazer a carreira num Estado e se eleger por outro.

MST interdita BR-316 e provoca congestionamento quilométrico

Fotos: Zózimo Tavares

A BR-316 amanheceu interditada após o Rodoanel de Teresina

Atualizada às 14h

A BR-316 foi interditada hoje(14) cedo pelo Movimento dos Sem-Terra (MST), entre o Rodoanel de Teresina e o município de Demerval Lobão, provocando um congestionamento quilométrico de veículos nos dois sentidos da rodovia. A interdição durou cerca de três horas, das 6h e às 9h deste domingo. 

 Ônibus, carretas, caminhões e muitos carros de passeio foram impedidos de continuar a viagem.  Mulheres, crianças e idosos se mostraram impacientes com a interdição. As crianças menores choravam. Houve protestos de motoristas, que reprovaram o bloqueio da estrada. Só os motociclistas conseguiram furar o bloqueio feito pelo MST.

A BR-316 é a principal ligação de Teresina com o Sul do Piauí. O MST não informou quando fará a liberação da estrada e justificou que a interdição é para levar energia elétrica até um assentamento dos sem-terra situado ali próximo. Muitos que saíram de Teresina desistiram da viagem e retornaram.

Ocupantes de carros aguardam liberação da estrada pelo MST

 

Espera pela liberação da estrada dura horas

 

Dona Rita, 98 anos, não gostou da interditação da BR

Este espera deitado, literalmente, a liberação da BR

Trecho interditado e sem policiamento da PRF

Bloqueio começou após o quilometros 20

Cotas raciais são fraudadas em universidades

Imagem: Reprodução/EBC

 

E para quem acha que corrupção e fraude são coisas apenas de político, aí vai esta: uma em cada três universidades federais do País já investigou a matrícula de estudantes por suspeita de terem fraudado o sistema de cotas raciais.

É o que mostra um levantamento do jornal O Estado de S. Paulo nos processos administrativos instaurados pelas instituições, todos obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação.

A maior parte das denúncias vem de movimentos negros. Das 63 federais no País, 53 responderam aos questionamentos. No total, há 595 estudantes investigados em 21 instituições de ensino.

A maioria já teve a matrícula indeferida, mas parte conseguiu retornar aos estudos por liminares, contrariando as decisões administrativas.

Nos documentos analisados foram encontrados estudantes que se autodeclararam quilombolas mesmo sem nunca ter vivido em uma comunidade e alunos acusados por movimentos negros de serem brancos.

Análise visual

O caso mais comum, no centro da polêmica, é o dos pardos, que muitas vezes são identificados – e denunciados – como “socialmente vistos como brancos” e, portanto, não deveriam utilizar o sistema, segundo os movimentos sociais.

Pelo mapeamento, cursos mais concorridos são o principal alvo de denúncias. Os mais recorrentes são Medicina e Direito, com casos em praticamente todas as instituições que têm ou já tiveram alguma sindicância.

Para reduzir as fraudes, o governo federal quer formatar uma comissão para orientar análise visual dos alunos. Mas ainda não sabe como isso será feito.

A política de cotas é uma ação afirmativa importante no combate às desigualdades do país, porém praticada com fraude ela só as fortalece, pois, nesse caso, quem não deve está ocupando ilegalmente a vaga de quem efetivamente precisa dela para ter acesso ao ensino superior.

Sucessão de erros resultou em tragédia

Nem o cinema seria capaz de produzir um roteiro tão grotesco quanto este do Caso Emyle. A menina, de 9 anos, tão cheia de vida e alegria, foi assassinada menos de 24 horas depois de celebrar com a família a chegada do Natal.

Sua vida, ainda no começo, foi tirada à bala, durante uma desastrosa abordagem policial ao carro em que andava com a família – o pai, a mãe e duas irmãzinhas.

No curso das investigações, descobriu-se que o policial acusado dos disparos que acertaram fatalmente Emyle estava vestindo a farda da polícia, usando a arma e a viatura da corporação e recebendo salário do Estado ilegalmente.

O soldado Dornel, o acusado de atirar na menina, ingressou na Polícia Militar em 2010 com uma liminar da justiça em mãos, após ter sido reprovado no teste psicológico do concurso. A decisão a seu favor saiu no dia 15 de junho de 2010.

A Procuradoria Geral do Estado recorreu. Em nova decisão, de 6 de setembro de 2016, a Justiça derrubou a liminar. Mas o soldado continuou na PM, pois a polícia não foi notificada na decisão.

O Tribunal de Justiça alegou, por sua vez, que a sentença fora publicada no Diário Oficial da Justiça, um documento público a que todos podem ter acesso, especialmente a Procuradoria Geral do Estado, esta por dever de ofício.

O resumo da ópera: houve um erro atrás do outro, por omissão ou negligência funcional, até a tragédia que se abateu contra Emyle e a família dela.

Expulsão

Somente ontem, diante da ampla e negativa repercussão do fato, o governador Wellington Dias assinou o decreto expulsando o soldado da PM. Foi preciso uma tragédia para o Estado fazer o que já deveria ter feito há muito tempo, sem muito esforço.

Mesmo assim, e apesar de não acompanhar com a devida atenção o processo do soldado que vestiu a sua farda indevidamente e usou a sua arma para cometer crime, a Polícia Militar ainda queria tomar para si a investigação do assassinato da menina. 

Eita Piauí que não toma jeito!

 

Foto: Pablo Cavalcante/RCV

André Baía nos estúdios da Rádio Cidade Verde: fim da  candidatura ao governo

Fora do páreo

O presidente do Sindicato da Construção Civil no Piauí, empresário André Baía, anunciou ontem a retirada de seu nome como postulante ao cargo de governador.

Desde o ano passado, ele vinha sendo citado por várias lideranças políticas como uma das opções para a disputa.

O prefeito Firmino Filho foi um dos que se entusiasmaram com a candidatura do empresário.

Hora H

André Baía alegou que ainda não é o momento de deixar os negócios da família de lado para enveredar no campo político.

A desistência de disputar o Palácio de Karnak este ano não significa que o empresário tenha mudado de ideia de entrar na política, conforme deixou claro.

Chapa

O presidente da Associação Piauiense de Municípios, prefeito Gil Carlos (PT), fez ontem uma visita de cortesia ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (PMDB).

O prefeito não quis se manifestar claramente sobre as especulações que indicam o nome do deputado como provável candidato a vice-governador na chapa governista. Mas falou pelas entrelinhas:

- Estamos na fase de construir a chapa majoritária. O governador é o grande maestro, construtor desse entendimento. O MDB deve ser um dos partidos que vai indicar o nome para compor uma das quatro vagas para a chapa e dentro do partido o Themístocles é um dos nomes mais citados para representar a sigla.

Internet para Todos

O ministro da Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab (PSD), lançou ontem, na sede da Associação Piauiense de Municípios, em Teresina, o Programa Internet Para Todos.

Ao todo, 128 cidades do Piauí serão beneficiadas com internet banda larga.

E a energia?

“É um momento histórico, estamos falando de banda larga de alta potência. Isso vai viabilizar melhorias nos serviços, como a teleducação, telemedicina, monitoramento na segurança. Isso é uma revolução. É um momento muito importante”, festejou o governador Wellington Dias.

Não custa perguntar: e o Piauí tem mesmo energia para atender a essa nova demanda por internet, hum?

Foto: Renato Bezerra

Ministro Kassab e governdor Wellington Dias, em momento de descontração na APPM

 

 

* Demorou muito, mas enfim a Prefeitura de Teresina abriu um novo acesso direto da zona Leste cruzando a Avenida João XXIII.

* Ele pode ser feito agora pela Rua Irapuan Rocha, que corta os bairros Nossa Senhora de Fátima e Jockey Clube.

* Entre a Ponte JK e o Balão do São Cristóvão, só havia duas vias desse tipo, as Avenida Homero Castelo Branco e Kennedy.

* A festa ontem foi do PSD do deputado federal Júlio César, com a vinda do ministro Kassab ao Piauí.

 

Susto nas ruas

Do empresário André Baía, ao anunciar que estava tirando o time de campo como candidato a governador:

- Uma coisa me preocupou muito nesse período em que meu nome esteve exposto na mídia como pré-candidato. Foi como as pessoas me abordavam na rua. Umas diziam: “Olha, lá em casa eu tô precisando de um milheiro de tijolos; outra dizia que estava precisando de dinheiro para comprar remédio. Para todas eu dizia: “Se o caminho pra se eleger for esse, não conte comigo!”

Themístocles é a bola da vez

Na corrida de resistência pela vaga de candidato a vice-governador na chapa de reeleição do governador Wellington Dias, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themítocles Filho (MDB), recuperou as forças e passou à frente.

Até à virada do ano, o nome que com maiores chances de figurar na chapa de Wellington era o da vice-governadora Margarete Coelho. Mas a posição hoje é de Themístocles, conforme o Palácio de Karnak já deixou vazar para algumas lideranças da base.

O governador Wellington Dias tem trabalhado para que cada grande partido da base indique um candidato majoritário. Por essa estratégia, ele sai como candidato à reeleição, pelo PT, e o senador Ciro Nogueira concorre a um novo mandato na cota do Progressistas.

Quem sobra

Assim, sobram os cargos de vice e o outro de senador, que tanto o PP quanto o PT estão querendo manter para Margarete e Regina Sousa.  Se quisesse disputar a reeleição apenas com estes dois partidos, tudo bem. Existem, porém, outros três grandes partidos dos quais Wellington não abre mão que estão querendo também as vagas de vice e de senador.

É aí que o presidente da Assembleia volta ao jogo, numa posição de vantagem, pois a bancada do MDB fechou com o seu nome. O PSD do deputado federal Júlio Cesar e o PDT do deputado Flavio Nogueira estão na luta pela segunda vaga de senador.

O desafio do governador será convencer Margarete e o PP e também Regina Sousa e o PT de que esse plano cabe nos sonhos de todos. 

 

 

Fundo Eleitoral

O deputado federal Heráclito Fortes (Sem Partido|) informou ontem que votou contra a criação do Fundo Eleitoral, que este ano vai surripiar recursos da educação e da saúde para as eleições.

O parlamentar justificou que não iria se sentir bem chegar num município fazendo campanha com os recursos que deveriam ser aplicados no funcionamento da escola pública, do hospital ou do posto de saúde.

A letra da lei

A lei brasileira, excessivamente benevolente com os criminosos, levou o juiz da 1ª Vara do Tribunal do Júri, Antônio Nollêto, um dos mais preparados e mais corretos da Justiça do Piauí, a mandar soltar os acusados do assassinato do cabo Claudemir de Paula Sousa, presos há um ano. O magistrado justificou:

"Na decisão de pronúncia se constatou que os acusados estavam presos há mais de um ano. Como a maioria deles tem bons antecedentes e ainda que não sejam tão bons a lei permite que eles respondam a esse processo em liberdade. Mantê-los presos por mais tempo é antecipar uma condenação que eu nem sei se o Tribunal do Júri fará", argumentou o juiz.

Ficha corrida

A polícia apurou que dos oito acusados, cinco possuem antecedentes criminais e foram postos de liberdade mediante algumas condições, como não se ausentarem do município onde moram, irem aos atos processuais e recolhimento noturno.

Caso não cumpram estas medidas, o juiz afirma que irá determinar a prisão preventiva deles. 

Caso Emyle

O Piauí vai até bem de comunicação, especialmente entre as instituições! Pois não é que chegou ontem ao Palácio de Karnak, encaminhada pela Polícia Militar, a decisão do juiz Rodrigo Alaggio Ribeiro, da 1ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública, revogando a liminar que anulou o exame psicológico do então candidato ao concurso da PM, Aldo Luís Barbosa Dornel.

Ele é o policial suspeito de atirar na menina Emily Caetano, no dia 25 de dezembro, durante uma abordagem ao carro da família dela, na avenida João XXIII.

A sentença do magistrado foi prolatada no dia 6 de setembro de 2016!

No tapetão

Aldo ingressou na PM por força de uma liminar e já deveria ter sido desligado, mas a PM alega que não havia sido notificada.

Agora o governador Wellington Dias tem em mãos o documento que faltava para determinar a expulsão do policial dos quadros da PM.

Foto: Divulgação

Novo Palácio da Cultura - O Palácio da Cultura, sede da Secretaria de Cultura do Piauí - Secult, foi totalmente revitalizado e agora recebe apresentações gratuitas e abertas à população. O primeiro espetáculo que abre a temporada no Teatro Sulica é o “Geração Trianon”, com estudantes da Escola Técnica de Teatro Gomes Campos, na próxima sexta-feira (12), a partir das 12h. O projeto visa movimentar o cenário cultural da cidade e dar oportunidade aos novos artistas em apresentações dentro da própria Secult, afirma o secretário Fábio Novo.

 

 

* O presidente da Assembleia, Themístocles Filho, receberá hoje a visita do presidente da APPM, Gil Carlos (PT), acompanhado de outros prefeitos.

* Sim, pelo menos 12 secretários do governador vão sair em abril para concorrer às eleições deste ano.

* Mas cada um deles deixará um preposto sentado em sua cadeira com a caneta cheia.

* O ministro Gilberto Kassab faz hoje à tarde o terceiro lançamento do programa Internet Para Todos no Piauí.

 

O pior adversário

Do deputado federal Heráclito Fortes (Sem partido), citando seu avô Jayme Fortes como autor da máxima que ele carrega em sua atividade política:

- O pior adversário é o que tem dinheiro, tem coragem e não tem princípios. 

Eleição tira dinheiro da educação e da saúde

O fundo eleitoral bilionário criado para bancar as campanhas políticas com recursos públicos retirou R$ 472,3 milhões originalmente destinados pelos parlamentares para educação e saúde no orçamento federal deste ano.

Deputados federais e senadores, quando aprovaram a destinação de verbas para as eleições, haviam prometido poupar as duas áreas sociais de perdas.

Levantamento feito pelo jornal "O Estado de S. Paulo" mostra que o fundo receberá R$ 121,8 milhões remanejados da educação e R$ 350,5 milhões da saúde.

O valor corresponde à transferência de dinheiro das emendas de bancadas --que seria destinado a esses setores-- para gastos com as campanhas eleitorais deste ano.

Distribuição

O fundo, aprovado em 4 de outubro do ano passado, é uma alternativa à proibição das doações empresariais e receberá, no total, R$ 1,75 bilhão. Desse montante, R$ 1,3 bilhão sairá das emendas de bancada, cujo pagamento é obrigatório pelo governo, e R$ 450 milhões da isenção fiscal que seria concedida a rádios e TVs para veicular programas partidários.

O dinheiro será distribuído aos partidos de acordo com o tamanho de suas bancadas na Câmara e no Senado.

Então, fica assim: os que tiram dinheiro da educação e da saúde para a campanha eleitoral vão aparecer nos palanques defendendo mais recursos para a educação e a saúde!

 

 

Sucessão

O deputado federal Átila Lira (PSB) avalia que a oposição andou bem no Piauí na virada do ano.

Ele calcula que até o carnaval estarão montadas as chapas majoritárias de oposição que enfrentarão o governador Wellington Dias na campanha e nas urnas.

Átila disse que o governador é forte, mas não é imbatível.

Novidade

O parlamentar está animado com a receptividade da candidatura do deputado Luciano Nunes a governador, pela oposição.

Átila observou que o prefeito Firmino Filho seria um nome com mais densidade para a disputa, porém ele tem se mostrado arredio à candidatura ao governo.

Ministra fica

O presidente Michel Temer decidiu ontem que, apesar do tiroteio que o governo vem sofrendo, manterá o convite para que a deputada federal Cristiane Brasil assuma o Ministério do Trabalho.

O governo espera derrubar em outras instâncias da Justiça a decisão do TRF-2 suspendendo a posse da nova ministra.

Toga

A estas alturas, com todo o desgaste que o episódio ainda possa acarretar, é o melhor que o governo faz.

Somente diante de um governo fraco tantos magistrados se arvoram de tomar a caneta do presidente como estão fazendo agora.

Se o presidente abrir mão de sua prerrogativa constitucional de nomear e exonerar ministros – arcando, naturalmente, com as consequências das escolhas – o seu governo acaba bem antes do fim.

Prejuízo

Apenas durante o ano passado, o sistema de transporte coletivo de Teresina perdeu 12 milhões de passagens, ou seja, um milhão de passagens a cada mês. O levantamento foi feito pela Strans.

A redução na quantidade de passageiros é um dos itens observados na fixação do valor da tarifa.

Quanto mais passageiros, menor a tarifa.

 

 

* O deputado Luciano Filho (PSDB) vai tomar a rota do litoral, para um encontro político com o prefeito de Parnaíba, Mão Santa.

* O tucano quer trocar idéias com o prefeito sobre sua pré-candidatura a governador pelas oposições.

* O novo contrato para a retomada das obras da galeria da zona Leste de Teresina será de R$ 53 milhões.

* Seis construtoras estão disputando o contrato na nova licitação aberta pela Prefeitura.

* As três empreiteiras que venceram as primeiras licitações entregaram o serviço e abandonaram o canteiro de obras.

 

Heráclito fez escola

Do coordenador da bancada federal do Piauí, Átila Lira (PSB), sobre a reclamação do deputado Heráclito Fortes (Sem partido) de que o senador Ciro Nogueira (Progressistas) está fazendo festa com as emendas dos colegas de bancada:

- No passado, o Heráclito era o Ciro!

Posts anteriores