Cidadeverde.com

Teresina reduz a frota de ônibus

Foto: Divulgação

Paralisação de caminhoneiros tira ônibus das ruas

 

Com o protesto dos caminhoneiros, muitas cidades estão reduzindo suas frotas de ônibus para evitar a paralisação total do sistema.

Teresina está entre elas, segundo anunciou ontem o Setut.

A paralisação dos caminhoneiros em todo o país entra hoje no quinto dia. O governo tenta de todas as formas acertar uma trégua com os caminhoneiros. Ontem, eles ganharam a adesão de taxistas e motoristas de Uber e também das transportadoras.

Movimento é forte

A preocupação maior do governo é por que o movimento se tornou rapidamente bem mais forte do que o esperado. E também porque o protesto dos caminhoneiros já provocou desabastecimento em muitas cidades. Em outras, os estoques estão no fim.

Ou seja, a situação está chegando a um ponto de gravidade elevada, com risco de desabastecimento geral em vários setores da economia, causando a paralisação da produção de muitas empresas.

Impostos

O protesto dos caminhoneiros é forte porque é espontâneo, portanto, sem patrocínio de partido político, e ganhou a adesão em massa da categoria.

O movimento ganha também a simpatia de grande parte da população, pois se trata de trabalhadores que estão sendo sacrificados pelas seguidas altas do preço do diesel.

No fundo, a população apoia o protesto porque também se sente espoliada pela política de aumentos sem freio dos preços dos combustíveis.

Ainda não está claro para grande parte dos consumidores que o maior problema para a elevação dos preços na bomba não é propriamente a periodicidade com que eles são disparados, mas a altíssima carga tributária, que chega a 52% no varejo.

E não são a Cide nem o PIS/Pasep que mais pesam no alto custo dos combustíveis, mas o ICMS, cobrado pelos Estados.

 

 

Acampamento

Nem a polícia nem a justiça. Quem teve força mesmo para desmontar o acampamento pró-lula em Curitiba foi a natureza. Mais especificamente o frio.

Os militantes petistas não suportaram o primeiro frio mais intenso de Curitiba, registrado no final de semana.

Com a baixa da temperatura, que já chega a 3 graus, com registro de geadas em algumas áreas da cidade.

Bye, bye!

Várias caravanas começaram a deixar o acampamento montado em solidariedade ao ex-presidente Lula nas imediações da sede da superintendência da policia federal, onde ele está preso.

A previsão é de temperaturas mais baixas para estes dias.

Os políticos que faziam tanto barulho na porta da PF foram os primeiros que desapareceram de lá.

Prestação de contas

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região determinou que a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, apresente os contratos, notas fiscais e demais documentos que compõem a prestação de contas da entidade, no ano de 2016.

  

 

 

* A missa de sétimo dia do escritor e acadêmico Herculano Moraes foi celebrada ontem à noite, na Capela do Edifício Paulo VI.

* O ex-deputado federal Aldo Rebelo, pré-candidato a presidente pelo Solidariedade, está no Piauí.

* E os ministros Moreira Franco e Antônio de Pádua cancelaram ontem a visita deles ao Piauí, para cumprir agenda em Teresina e Parnaíba.

* Também cancelou sua vinda a Teresina o senador Antônio Anastasia, que seria palestrante hoje à tarde no II Congresso de Estudos Políticos e Constitucionais, na OAB.

* O deputado Dr. Pessoa, pré-candidato a senador pelo Solidariedade, deu até o dia 30 para que o senador Elmano Férrer e o ex-senador João Vicente Claudino se definam sobre as eleições de 2018.

 

 

Desaparentado

Em seu segundo mandato no Palácio de Karnak, o governador Wellington Dias promoveu ontem reunião com os chefes dos demais Poderes para discutir o cumprimento da então recém-editada Súmula 13, que põe fim ao nepotismo no serviço público. Antes da entrevista à imprensa, ele brincou:

- Agora ninguém quer mais ser meu parente!

 

Ceará quer transposição do Parnaíba

Foto: Zig Koch/NaturezaBrasileira

Cearenses querem água da foz do Parnaíba


O Ceará planeja fazer a transposição das águas do rio Parnaíba para abastecer Fortaleza.Esta informação me foi repassada na semana passada, pelo ex-governador e ex-senador Freitas Neto, com o compartilhamento de uma página digital do jornal Diário do Nordeste, de Fortaleza, tratando sobre o assunto. Outros temas foram se impondo e acabei deixando o caso de lado.

O projeto é resultado de um estudo feito por pesquisadores da Universidade Federal do Ceará e da Universidade Estadual de Campinas, a Unicamp.

Os pesquisadores defendem que a transposição das águas do Parnaíba para o sistema de abastecimento de Fortaleza ocorra através de tubulação subaquática, movida por energia eólica.

A água seria captada na foz do Parnaíba, no Delta, daí percorrendo 400 km até a capital cearense, em dutos a serem implantados à margem do litoral.

Emergência

Enquanto os cearenses crescem o olho para as águas do Parnaíba, os piauienses fazem vistas grossas para as potencialidades do rio.

Suas águas são aproveitadas apenas pela hidrelétrica de Boa Esperança e no abastecimento de algumas cidades ribeirinhas, como Teresina.

O mais é desperdiçado, enquanto o Estado acaba de decretar emergência em quase 50 municípios por falta de água para abastecer as suas populações.

A questão está posta para a discussão dos interessados, se eles aparecerem.

.

Foto: Agência Brasil

Henrique Meirelles entra na campanha presidencial

Fala, Meirelles!

O ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, concedeu entrevista à Rádio Cidade Verde, de Brasília, pelo telefone, ontem, em seu primeiro dia de campanha depois de anunciado pelo MDB como pré-candidato do partido a presidente da República.

E demonstrou que está absolutamente seguro para a campanha.

Pesquisas

Ele disse que está muito bem nas pesquisas, apesar de aparecer com baixo índice de intenção de voto. E destacou que sua rejeição é pequena.

O ex-ministro acredita que à medida que for sendo mais conhecido da população seus índices de aceitação tenderão a aumentar.

Trombada

Henrique Meirelles não deu corda à trombada do presidente do Senado, Eunício Oliveira, com o presidente Michel Temer.

Ele argumenta que o MDB é um partido aberto e que esse tipo de divergência é que dá vitalidade democrática à sigla.

O pré-candidato disse que a hora é de diálogo, não de confronto.

Nordeste

O ex-ministro defendeu uma política diferenciada de desenvolvimento para o Nordeste.

Enfatizou, porém, que ela não foi possível no momento por que o governo estava quebrado e só agora começa a se reerguer.

Não deu

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), pré-candidato a presidente da República, quis faturar com o protesto dos caminhoneiros contra as seguidas altas do óleo diesel, mas não deu.

Eles recusaram a proposta de retirada da Cide do preço final do diesel, justificando que a contribuição representa apenas 1% dos impostos dos combustíveis.

30 anos da Carta

Começa hoje e vai até sábado, no auditório da OAB-PI, o II Congresso de Estudos Políticos - 30 anos da Constituição.

Entre os palestrantes está o senador Antônio Anastasia (PSDB-MG), que chega amanhã e faz palestra às 14 horas, no auditório da OAB.

São debatedoras as professoras Déborah Matos e a Maria Laura Nunes.

Na prisão

O ex-governador e ex-senador Eduardo Azeredo, de Minas Gerais entregou-se ontem e começou a cumprir pena de 20 anos e um mês.

Ele foi condenado em segunda instância no chamado mensalão mineiro.

Azeredo já presidiu o PSDB.

  

 

 

* O ex-ministro João Henrique Sousa é o nome do presidente Michel Temer na coordenação da campanha do ex-ministro Henrique Meireles.

* O governador Wellington Dias lança mais um livro na próxima segunda-feira, às 19h, no Cine-Teatro da Ufpi.

* Trata-se de “A melancia do presidente”, o seu segundo livro de “causos”.

* Os caminhoneiros continuaram seu protesto ontem. Eles alegam que somente este ano o preço do óleo diesel já subiu quase 20%.

 

 

Passando do ponto

Do deputado Robert Rios, ex-PDT e agora pré-candidato a senador pelo Democratas, sobre a pré-candidatura do ex-ministro Ciro Gomes a presidente da República e o estilo político do ex-correligionário:

- O Ciro é como o cachorro do Almir, um amigo que tinha um cachorro tão bom que passava da caça.

 

Impostos dos combustíveis passam de 50%

Os impostos representam mais da metade dos preços dos combustíveis. Somente de tributos federais, o consumidor paga na bomba mais de 48%. No ano passado, o Governo do Estado aprovou dois aumentos da alíquota de ICMS dos derivados de petróleo e hoje ela chega a 31%. Apenas o diesel ficou fora do último aumento de 2% na alíquota.

O governo alega que as constantes altas nos preços dos combustíveis têm a ver com a política de paridade com os valores do petróleo no mercado internacional. Foi a maneira que a Petrobras encontrou para recuperar os preços dos combustíveis.

Além da política de reajustes baseada no câmbio e no preço do barril de petróleo no mercado mundial, também contribuiu para a alta nos preços dos combustíveis o aumento do PIS/Cofins.  Outro fator que empurrou os preços para cima foi o rombo na Petrobras.

Também encarecem os combustíveis os aumentos de impostos nos Estados. No Piauí, o ICMS dos combustíveis subiu duas vezes este ano. Entram ainda nessa ciranda os custos que os postos têm com segurança para conter os assaltos que se multiplicaram incontrolavelmente com o  avanço da violência.

Protesto

Diante do protesto dos caminhoneiros, que se alastrou por todo o país nos últimos dois dias, o presidente Michel Temer convocou reuniões de emergência com auxiliares para analisar a questão e procurar saídas.

Não existe, porém, uma solução boa à vista para o problema. Falou-se em redução de impostos e também em uma intervenção na Petrobras. No governo Dilma, houve as duas medidas e elas custaram 40 bilhões de dólares à Petrobras.

Mas algo precisa ser feito. A situação não pode continuar como se encontra. Somente este mês, os combustíveis já tiveram seus preços elevados 11 vezes.

E, se o governo não pisar no freio, novos aumentos serão disparados.

.

Foto: Divulgação

João Henrique mostra as realizações do governo Temer em evento nacional do MDB

Balanço

O ex-minisrro João Henrique fez a apresentação das realizaçoes do governo Temer nos estados e municipios, durante o 'Encontro com o Futuro', evento do MDB em Brasília.

No evento,  foi lançado o nome do ex-ministro Henrique Meirelles como pré-candidato do partido a presidente.

Temer lança Meireles

O presidente Michel Temer jogou, enfim, a toalha quanto ao seu projeto de concorrer ao Planalto nas próximas eleições. E abraçou a candidatura do ex-ministro Henrique Meireles, lançado pelo MDB.

Faz 20 anos que o partido não tinha coragem de lançar um candidato a presidente da República.

Meireles não é um histórico no MDB. Tem tudo para ser largado na primeira esquina.

Osmar Júnior no páreo

O nome do ex-deputado federal Osmar Júnior passou a frequentar a bolsa de especulações como uma opção para a vice na chapa de reeleição do governador Wellington Dias.

Osmar entraria como um tertius, no caso de se criar um impasse entre os aliados na indicação do vice.

Ele já foi vice-governador no segundo mandato de Mão Santa e no primeiro de Wellington Dias.

Foto: Divulgação/Alepi

Dom Jacinto recebe título de cidadania do presidente da Assembleia, Themístocles Filho

Título

Em sessão solene concorrida, a Assembleia Legislativa fez ontem a entrega do Título de Cidadão Piauiense ao arcebispo metropolitano de Teresina, Dom Jacinto Brito Sobrinho, que é natural de Babacal, Maranhão.

A proposta foi apresentada pelo deputado Luciano Nunes (PSDB).

Chapa imexível

O deputado Robert Rios (Democratas), pré-candidato a senador, garante que a chapa da oposição está montada com Luciano Nunes na cabeça, e com ele e Wilson Martins concorrendo ao Senado.

O parlamentar garante que nem o Dem nem o PSB vão criar dificuldade para o candidato a vice-governador de Luciano Nunes.

Foto: Pablo Cavalcante/RCV

Lançamento - O advogado, escritor e acadêmico José Ribamar Garcia lança hoje em Teresina o seu 14º livro, “Contos Selecionados”, publicado no Rio de Janeiro pela Litteris Editora. O lançamento de hoje será na Livraria Entrelivros, a partir das 19h. Os textos foram escolhidos pelo professor e escritor Cunha e Silva Filho, doutor em Literatura.

  

 

 

* Na fila de candidatos a vice-governador, por indicação do PTB, a deputada Janaina Marques sofre a segunda condenação na Justiça.

* No ano passado, ele teve outra condenação por improbidade administrativa quando prefeita de Luzilândia. Cabe recurso.

* No Maranhão, o governador Flávio Dino (PCdoB) está botando para quebrar.

* Ele anunciou que paga os salários dos servidores públicos maranhenses relativos a maio no próximo dia 30.

 

 

Quem faz o Brasil

Do Barão de Itararé:

- O Brasil é feito por nós. Está na hora de desatar esses nós.

 

Uma nova farra de criação de municípios

Haja a crise que houver, e o Brasil não abre mão de uma farra com o dinheiro público. A Câmara dos Deputados aprovou, na semana passada, o caráter de urgência do Projeto de Lei Complementar (PLP) 137/2015, que muda as regras para a criação de novos municípios.

A aprovação do caráter de urgência ocorreu com o voto favorável de 337 parlamentares, e o contra de 36 deputados, contando ainda duas abstenções.

Com isso, não haverá uma discussão do assunto nas comissões da Câmara dos Deputados. Nem o texto pode ser modificado. A votação do projeto é o destaque na votação na Câmara já a partir de hoje.

E a crise?

As chances de sua aprovação são reais, pois existe uma mobilização em todas as bancadas a favor. Por enquanto, só o PSol está contra.Segundo os políticos que defendem o projeto, a aprovação pode contribuir para a criação de até 400 novos municípios.

Ocorre que atualmente os municípios já existentes passam por uma crise profunda. A esmagadora maioria deles, sobretudo no Nordeste, vive quase que exclusivamente de repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).  E estão em situação de penúria financeira.

Ou seja, esses municípios não conseguem se sustentar, andar com as próprias pernas, e os prefeitos vivem permanentemente de pires na mão.

Gastança

A situação do país não recomenda, pois, a criação de novas estruturas de poder que serão bancadas pela já minguada receita pública, dividindo os escassos recursos existentes.

Cada novo município a ser criado terá ainda as câmaras de vereadores – que juntas somarão mais de 3 mil parlamentares –, dez secretários para cada prefeitura e milhares de cargos comissionados. Multiplicam-se as possibilidades de corrupção na gestão pública.

Trata-se, portanto, de um projeto que vai totalmente na contramão do esforço do Estado brasileiro para controlar os gastos públicos.

E, no final, todos os brasileiros pagam mais essa conta

.

 

Gasolina sobe mais

Os preços do diesel e da gasolina voltam a subir nas refinarias a partir de hoje. Segundo informações do site da Petrobras, a gasolina subirá 0,9% e o diesel 0,97%.

Com a alta, o preço da gasolina passará a custar R$ 2,0867, enquanto o do óleo diesel sobe para R$ 2,3716.

Este é o 11º aumento do preço da gasolina nos últimos dezessete dias.

Erivan reeleito

Com 17 dos 20 votos da Corte, o desembargador Erivan Lopes foi eleito ontem em chapa única para um mandato tampão de sete meses como Tribunal de Justiça.

A eleição contou com as abstenções dos desembargadores Edvaldo Moura e Paes Landim, atual presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Na chapa de Erivan Lopes foi eleito o vice-presidente o desembargador José James Gomes Pereira, o corregedor Ricardo Gentil e o vice-corregedor Luiz Gonzaga Brandão.

Valorizando o passe

Vários dos 11 partidos chamados emergentes que anunciaram apoio à eventual candidatura do ex-senador João Vicente Claudino (PTB) ao Governo do Estado já estão num pé e noutro para aderir ao governo.

Encostaram no ex-senador apenas para valorizar o passe.

Pesar

A Assembleia Legislativa aprovou ontem dois votos de pesar apresentados pelo deputado Wilson Brandão (PP). Eles homenageiam o escritor e a acadêmico Herculano Moraes e o ex-vereador Antônio Doca, de Valença, falecidos na semana passada.

Homenagem

Será realizada hoje, a partir das 10h, a sessão solene da Assembleia Legislativa para entrega de título de Cidadão Piauiense ao arcebispo metropolitano de Teresina, Dom Jacinto Brito.

A proposição foi apresentada pelo deputado Luciano Nunes (PSDB).

Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

100 anos da APL - O Congresso Nacional realizou ontem, no plenário do Senado, uma sessão em homenagem aos 100 anos de fundação da Academia Piauiense de Letras (APL). Requerente da sessão, o senador Elmano Ferrer (Pode-PI) presidiu a sessão e destacou que a cultura é o maior patrimônio de uma sociedade, e que a APL tem o reconhecimento da população do Estado pelo papel que cumpre na preservação e divulgação de sua literatura e pela atuação marcante que possui no ambiente cultural piauiense. 

 

 

 

* O Dia Nacional da Adoção, 25 de maio, será lembrado pelo Centro de Reintegração Familiar e Incentivo à Adoção (Cria) com a segunda edição da Caminhada da Adoção de Teresina.

* O evento acontecerá no dia 27 de maio. O percurso será da Ponte Estaiada até o Parque Potycabana.

* O presidente Michel Temer está decidido a lançar o ex-ministro Henrique Meireles à sua sucessão.

* O nome do ex-senador Freitas Neto passou a ser citado ontem como candidato a vice na chapa encabeçada pelo deputado Luciano Nunes.

 

 

Na vanguarda

O presidente da Academia Piauiense de Letras, Nelson Nery, destacou ontem, no Congresso Nacional, na homenagem pelos 100 anos da APL, o papel de vanguarda da instituição já em 1918. Segundo o acadêmico, naquela época a APL realizava eventos sobre o anticlericalismo, a Revolução Russa e o marxismo, além da emancipação dos direitos das mulheres. Ele ilustrou:

— Amélia Bevilácqua foi uma das primeiras acadêmicas da APL, numa época em que a Academia Brasileira de Letras não admitia sequer que as mulheres concorressem a alguma vaga existente.

 

PT aprendeu muito com o velho PFL

Segue a queda de braço entre o PT do Piauí e os partidos aliados em torno da chapa proporcional para as eleições deste ano. Os aliados querem o famoso chapão, com todos os partidos juntos. Os petistas bateram pé e querem marchar com chapa pura. A posição dos companheiros deixou o governador Wellington Dias entre a cruz e a espada.

Em função do impasse, foi adiada deste último final de semana para os dias 20 e 21 de julho o encontro regional do PT que baterá o martelo sobre a formação da chapa para a eleição de deputado. Ou seja, a decisão final sairá já na véspera da convenção, que será realizada no dia 22 de julho.

O PT tem três cadeiras na Assembleia Legislativa, ocupadas pelos deputados Francisco Limma, Fábio Novo e Flora Izabel. O partido calcula que com a chapa única saltará para cinco ou mesmo seis cadeiras no parlamento estadual.

PFL foi bom nisso!

A posição dos petistas, nesta questão, lembra muito o que houve na eleição de 2002 no Piauí. O governador Hugo Napoleão (PFL) concorria à reeleição. Em seu curto governo, prestigiou a Assembleia, chamando seis deputados do partido para o seu secretariado.

Acontece que, na hora da campanha, os deputados queriam ainda mais espaço no governo. Hugo foi firme: “Todos já estão muito bem locupletados”.

E continuaram assim. Hugo foi derrotado e todos os deputados que ocuparam secretarias renovaram seus mandatos.

Outro caso

Antes, nas eleições de 1994, os deputados do governo também focaram em suas próprias eleições e o inesperado aconteceu: o então ex-prefeito de Parnaíba, Mão Santa (PMDB), se elegeu governador, impondo uma vexatória derrota ao imbatível PFL.

Naquelas eleições, os pefelistas, com a máquina na mão, fizeram os dois senadores e 22 dos 30 deputados estaduais, mas perderam o governo. Humberto Reis da Silveira, decano da Assembeia Legislativa, saiu-se com esta:

- Fizemos o acessório e perdemos o principal.

Em sua defesa, o PT dirá que hoje os tempos são outros!

 

 

Tempo fechado

O governador Wellington Dias cancelou sua presença na Expoeiras, que será realizada de 25 a 27, no próximo final de semana.

A informação já foi divulgada na cidade e dá conta que a suspensão da visita tem a ver com a tensão política no município em função das costuras das alianças para as eleições deste ano.

Ceir faz 10 anos

O Centro Integrado de Reabilitação (Ceir) realiza hoje, a partir das 7h30, solenidade comemorativa dos 10 anos de atendimentos.

Na ocasião, será lançado o livro "Um lugar no Céu" e serão entregues 25 cadeiras motorizadas, totalizando R$ 125.000,000 de recursos investidos pelo Sistema Único de Saúde.

Até fevereiro deste ano, o Ceir realizou 1.215.995 atendimentos em reabilitação físico-motora, intelectual e auditiva.

Foto: Divulgação

Seminário tucano leva lideranças a Parnaíba

Luciano vai à luta

O deputado Luciano Nunes (PSDB) esteve no final de semana em Parnaíba e em Picos, buscando fortalecer a sua pré-campanha de candidato a governador.

O parlamentar participou do seminário “O Piauí Pode dar Certo”, planejado pelo PSDB para divulgação de suas propostas.

A fina flor do tucanato e do DEM participou do evento nos dois municípios.

Segurança na Copa

A Associação de Moradores do Conjunto Saci – AMOS, a União das Entidades Comunitárias da Zona Sul Urbana e Zona Rural de Teresina – Unecost e um representante dos Bares e Restaurante do Saci estiveram reunidos com o coronel Meneses, comandante do 6º BPM na Zona Sul de Teresina.

O objetivo do encontro foi planejar e organizar a segurança no bairro durante os jogos da Copa do Mundo.

Foto: Divulgação

Nas bases - O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (PMDB), participou de reunião política no sábado com sua base no município de Barras. Participaram do encontro o vice-prefeito, Dr Júnior; o ex-prefeito e ex-deputado Cabelouro; Nize Rego, ex-deputada; Manin Rego, ex-prefeito e ex-deputado; Chico Marques, ex-prefeito; além dos vereadores Vinicius Marques e Maurício Rego e lideranças comunitárias locais.

 

 

 

* O Congresso Nacional presta homenagem hoje à Academia Piauiense de Letras, nas comemorações de seu centenário.

* A sessão conjunta do Senado e da Câmara será às 11 horas, por proposição do senador Elmano Férrer (Podemos) e do deputado Paes Landim (PTB).

* Muitos piauienses fizeram ontem as provas do concurso público promovido pela Prefeitura de Caxias, com 1.100 vagas para diversos cargos.

* O Tribunal de Contas do Estado concluiu a auditoria sobre os empréstimos consignados de servidores estaduais.

 

 

Bom demais!

Do ex-deputado e ex-governador Carlos Lacerda:

- O momento culminante de minha vida pública foi chegar ao poder. O poder é muito bom. Não adianta querer enganar.

 

Maio trouxe e maio levou um sonhador

Foto: APL

Herculano Moraes, jornalista, poeta e ensaísta

Um homem profundamente identificado com o jornalismo e a literatura. Fez dessas duas atividades a sua razão de viver.

Uma longa militância na imprensa e nas letras. Ocupou vários cargos em entidades culturais. Foi diretor do Theatro 4 de setembro, da Casa Anísio Brito (Arquivo Púbico Estadual) e do Museu do Piauí. Foi também secretário de Comunicação do Estado.

Antes, no início dos anos 70, foi vereador de Teresina, pelo MDB.

Semeador de academias

Levou ao pé da letra a lição de Monteiro Lobato de que “um grande país se faz com homens e livros”.

Fundador de academias de letras. Via nessas iniciativas um incentivo aos amantes das letras que não pertenciam a academias tradicionais, como a APL.

Ultimamente, dedicava-se também à fundação de academias de letras nas escolas, com o objetivo de formar leitores e futuros escritores. Uma delas funciona com destaque na Escola Nossa Senhora da Paz, na Vila da Paz (rede pública).

Outra está instalada no Colégio Pro Campus (rede privada). Seus jovens membros já participaram de bienais de livros realizadas em vários Estados e mantiveram contato com os principais autores vivos do país.

Em seu trabalho missionário pela valorização e difusão da cultura, não buscava qualquer remuneração, a não ser a satisfação do espírito. E, sem apego a bens materiais, ele não apenas semeou livros, mas academias de letras.

Animador da cena cultural

Acolhia a todos com muita atenção e muito afeto, especialmente aos jovens jornalistas e escritores. Acreditava no potencial de cada um deles.

Sempre tinha uma palavra de estímulo aos mais jovens, especialmente aos iniciantes.

Sua intensa e estreita relação com a juventude e com os educadores, matinha a Academia Piauiense de Letras sempre cheia de estudantes e professores, conhecendo de perto a Casa de Lucídio Freitas, entrevistando acadêmicos e participando de palestras e lançamentos de livros.

Mas ele era, antes de tudo, uma pessoa que marcava pela gentileza. Era incapaz de um gesto grosseiro com quem quer que fosse.

Sempre disponível, prestativo, de coração aberto e generoso.

Amou intensamente, entregando-se de corpo e alma às suas paixões.

Mestre e amigo

Pelas suas mãos, muitos no Piauí se tornaram jornalistas ou escritores. Em 1980, ele lançava dois sobrinhos no jornalismo. Um de sangue, Paulo de Tarso Morais, que nos deixou em plena juventude, quando se formava em Filosofia.

O outro, um sobrinho adotivo, que mal completava 18 anos. Este era eu, acolhido também nas redações de jornal pelo jornalista Francisco Leal, meu conterrâneo de Água Branca.

Ao longo destes 38 anos, foi “um amigo de fé, irmão, camarada”.

Um sonhador

Na quinta-feira passada, ele se despediu do mundo dos mortais e partiu para a eternidade.

Maio trouxe, no dia 2, e maio levou, 73 anos depois, no dia 17, um homem que era, antes de tudo, um sonhador.

Um homem que não desanimava com as duras provações da vida e o tempo inteiro sonhava com uma sociedade justa e fraterna, com o império da paz e do amor.

Este o Herculano Moraes, o querido mestre e amigo, que viverá com muita saudade em minha memória e em meu coração!

Foto: Kenard Kruel

Mestre e discípulo, em evento cultural

Deputados voltam de Brasília sem prazo para liberação de empréstimo da Caixa

Foto: Divulgação

Presidente da Cef recebe representantes do Piauí

 

Como previsto, o presidente da Caixa Econômica federal, Nelson Antônio de Souza, recebeu ontem a comissão de deputados estaduais do Piauí, mais membros da bancada federal, com água fria, cafezinho quente e conversa. Nada de concreto os parlamentares conseguiram sobre a liberação do empréstimo de R$ 315 milhões.

Para não deixar os deputados retornarem de mãos abanando, o presidente da Caixa garantiu à comissão agilidade na análise da prestação de contas da primeira parcela do Finisa I, mas não precisou uma data para conclusão desse trabalho.

Ele prometeu cumprimento imediato cumprimento da decisão do ministro Edson Fachin tão logo seja exarada a decisão sobre o Finisa II. Ou seja, a Caixa disse que está nas mãos do Supremo a ordem para liberação do financiamento.

Quem foi

A audiência de ontem na Caixa, articulada pelo deputado Fábio Novo (PT), contou com a presença dos deputados estaduais Hélio Isaias (Progressistas), Liziê Coelho (MDB), Ruben Martins (PSB), Georgiano Neto (PSD) e Ziza Carvalho (PT), além do senador Ciro Nogueira (Progressistas), deputados federais Assis Carvalho (PT), Paes Landim (PTB), Iracema Portela (PP) e Júlio César (PSD).

O deputado Júlio César informou que a Caixa tenta viabilizar a liberação do empréstimo em parcelas. O repasse inicial seria de R$220 milhões. Ele confirmou que a liberação dos recursos depende do STF.

Já o senador Ciro Nogueira destacou que esses recursos são importantíssimos para o Piauí.

Resumo da ópera: de pouco ou quase nada adiantou a ida dos parlamentares ao gabinete do presidente da Caixa. A liberação dos recursos está, como sempre esteve, nas mãos do ministro Edson Fachin, do STF.

 

 

Foto: Divulgação

Temer libera recursos para Teresina

Saneamento

O presidente Michel Temer liberou R$ 78 milhões destinados a obras de saneamento em Teresina.

Segundo ele, é a terceira liberação que faz para o setor em todo o país em 5 meses.

Drenagem

O senador Ciro Nogueira disse que um problema antigo de drenagem de Teresina será solucionado com esses recursos: “Batalhamos muito pela liberação desses recursos junto ao Ministério das Cidades e ao Governo Federal, pois com eles já vamos conseguir iniciar as obras na região do Portal da Alegria.”

Será?

O senador informou que também serão realizadas obras de saneamento e urbanização em bairros na região do Parque Lagoas do Norte.
A conferir. As obras da tal galeria da zona Leste começaram em 2012 e quase não saíram do lugar.

Dos 7 mil metros da galeria, não foram feitos nem 700, em 6 anos. A obra vive mais parada do que andando.

Foto: Divulgação

Salipi 2018 - A 16ª edição do Salão do Livro do Piauí foi lançada na quinta-feira, na Universidade Federal do Piauí, em ato que contou com a presença da vice-governadora Margareth Coelho, do reitor Arimatéia Dantas, do presidente da Fundação Quixote, Kássio Gomes, de estudantes e da comunidade. Um dos destaques da programação deste ano será Gabriel o Pensador, conhecido por suas críticas sociais em forma de música. A 16ª edição do Salipi e o 21º Seminário Língua Viva serão realizados de 1º a 10 de junho no Complexo Cultural Rosa dos Ventos, na Ufpi. Este ano, o Salipi 2018 vai homenagear o escritor A. Tito Filho.

 

 

 

* O deputado Dr. Pessoa anunciou para o próximo dia 25 a visita ao Piauí do presidenciável Aldo Rebelo, do Solidariedade.

* A agenda ainda não foi definida, mas o encontro do pré-candidato a presidente com as lideranças políticas do Piauí será na APPM.

* O PT fechou a sua chapa proporcional com dez candidatos a deputado federal, incluindo os dois que já têm mandato: Assis Carvalho e Rejane Dias.

* Começou ontem em Fortaleza o Congresso Brasileiro de Estratégias Eleitorais e Marketing Político. Lázaro do Piauí fala no evento sobre jingles eleitorais.

 

 

Fora de tempo

Do Marquês de Maricá:

- Os homens são como os relógios: uns atrasam, outros adiantam e outros não regulam.

A pressão de deputados na CEF

Foto: Divulgação/Alepi

Deputado Fábio Novo lidera comissão de parlamentares 

 

Conta-se que, no tempo em que os bichos falavam, espalhou-se pela floresta a notícia de que haveria uma festa no céu. Só foram convidados, porém, os animais que voam. 
Um sapo muito malandro, que vivia no brejo, lá no meio da mata, ficou com muita vontade de participar da festança. Como não foi convidado, resolveu que iria de qualquer jeito. E acabou subindo para a festa escondido no saco da viola do urubu.

A bancada do governo na Assembeia Legislativa, como os bichos da floresta, espalhou com muita euforia que irá hoje a Brasília para brigar na Caixa Econômica Federal pela liberação do empréstimo de R$ 315 milhões do Governo do Estado.

Carona

Sentindo-se o sapo rejeitado, a bancada da oposição, liderada pelo deputado Robert Rios (DEM), começou a espernear na Assembleia Legislativa que também queria ir para Brasília e ontem acabou ganhando uma vaga na comitiva.

O representante da oposição da comissão de parlamentares estaduais que irá pedir ao presidente da Caixa, Nelson Antônio de Souza, a liberação dos recursos dos empréstimos será o deputado Rubem Martins (PSB).
A inclusão dele na delegação foi autorizada pelo presidente da Assembleia, deputado Themístocles Filho (MDB).

A comissão já sabe o que vai conseguir em Brasília com o presidente da Caixa, que, por sinal é piauiense: água fria, café quente e cartões de visita. E direito a umas poses para fotografias que inundarão a imprensa local e as redes sociais.

Nada além, como diria o velho compositor.

 

 

Encontro do PT

O PT fará o seu encontro estadual para definir suas oposições para as eleições deste ano no Piauí aos 45 minutos do segundo tempo, ou seja, nos dias 19 e 20 de julho, véspera da convenção, marcada para o dia 21.

Além das alianças, no encontro o partido baterá o martelo sobre as questões da chapa pura para a eleição proporcional e da candidatura da senadora Regina Sousa à reeleição.

A favor

O líder da oposição na Assembleia Legislativa, deputado Robert Rios (DEM), garante que sua bancada nunca foi contra a liberação dos recursos do empréstimo para o Piauí.

“O que nós queremos é que os recursos sejam aplicados corretamente e não desviados com outros objetivos”, avisou.

Já o deputado Rubem Martins (PSB), também afirma que a oposição é a favor do empréstimo, mas defende que o Tribunal de Contas fiscalize a aplicação dos recursos.

Delegação

O deputado Fábio Novo (PT), autor do requerimento para a viagem a Brasília, disse que convidou parlamentares de todos os partidos para integrar a comissão que falará hoje com o presidente da Caixa, em Brasília.

Além de Fábio Novo e Rubem Martins, integrarão a comissão os deputados Georgiano Neto (PSD), Liziê Coelho (MDB) e Hélio Isaias (PTB).

Porta errada

Se os deputados não querem perder a viagem a Brasília, eles devem dar uma passadinha no Supremo Tribunal Federal e montar guarda no gabinete do ministro Edson Fachin.

Está nas mãos dele a decisão de liberar ou não o empréstimo.

Com a questão judicializada, a Caixa, já acusada de politizar a questão, não se adiantaria no repasse dos recursos para o Governo do Piauí sem uma ordem judicial.

 

 

 

* O presidente do Sesi, João Henrique Sousa, integrou ontem a comitiva do presidente Michel Temer na viagem a Santa Catarina.

* No atual cenário político, o ex-ministro Ciro Gomes faz o papel antitudo. Até de anti-Ciro.

* Portanto, anote aí: a subida nele nas pesquisas de intenção de voto é só uma questão de tempo.

* O presidente Temer, em baixa, deve estar com inveja mesmo é do vigor dos preços dos combustíveis, que em seu governo não param de subir.

 

 

Um erro atrás do outro

Do Barão de Itararé:

- O mal do governo não é a falta de persistência, mas a persistência na falta.

Dois anos de Michel Temer

Foto: Divulgação/Planalto

Presidente Michel Temer: balanço do governo

 

Sem bolo de aniversário, o presidente Michel Temer completa dois anos de mandato. A sua situação política é dramática, pois ele chega ao segundo ano de governo como o presidente mais impopular da história, sem condição política de realizar o seu sonho de se apresentar como candidato às eleições de 2018 e com extremas dificuldades até para ser aceito como cabo eleitoral.

Nestes dois anos, Michel Temer foi golpeado duas vezes pela Procuradoria-Geral da República (PGR), com devastadoras denúncias de  envolvimento nos desvios de recursos da Petrobras e de obstrução de Justiça.

A Câmara dos Deputados não autorizou as investigações pelo Supremo Tribunal Federal. E ele sobreviveu a duras penas.

Trama

Não ficou clara a participação do presidente no esquema denunciado pelo Ministério Público Federal. As acusações só serão efetivamente esclarecidas quando ele deixar o mandato e a investigação for retomada e concluída.

O que ficou evidente, nas duas denúncias, especialmente na primeira, foi a trama para derrubá-lo, como mostraram depois os fatos.

O presidente não caiu, mas não se refez do baque, e toca o seu mandato politicamente desidratado.

Por isso, ele ficou sem condição de aprovar a reforma da Previdência, apontada como necessária por todos. Como ele mesmo adianta, logo ela se tornará tema obrigatório na campanha eleitoral em todos os níveis – nas disputas para presidente da República, governador e parlamentares em geral.

Foco na economia

Em dois anos, Temer se concentrou na recuperação da economia do país, na redução da taxa de juros, na queda da inflação e no equilíbrio das contas públicas.

De junho 2016 a março de 2018, a taxa básica de juros da economia, Selic, caiu de 14,25% para 6,50%, de acordo com dados do Banco Central.

No mesmo período, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a taxa oficial da inflação, desabou de 9,32% para 2,76%.

Paralelamente à redução dos juros e da queda da inflação, o governo conseguiu aprovar, em dezembro de 2016, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Teto de Gastos.

A reforma trabalhista, aprovada em julho de 2017, também considerada importante pelo governo, alterou mais de 100 pontos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Sem  perspectivas alvissareiras, porém, resta ao presidente cumprir tabela e abraçar o desafio de, até o final de seu mandato, insistir na aceleração da retomada do emprego.

Daí, então, é aguardar o julgamento da justiça e da história.

 

 

Sem prorrogação

O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Erivan Lopes, para segunda-feira, dia 21, eleição para mandato complementar de sete meses para os cargos de presidente, vice-presidente, corregedor e vice-corregedor do TJ.

Isso depois que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu, em sessão de ontem, à unanimidade, considerar nulo o Art. 2º da Resolução 85/2017, do Tribunal de Justiça do Piauí, que prorrogou o mandato dos atuais dirigentes do Tribunal.

Reeleição no TJ

O CNJ decidiu, ainda, por maioria de votos, permitir a realização de eleição para mandato complementar.

O desembargador Erivan Lopes lá se apresentou como candidato à reeleição, com mandato encurtado.

É certa a sua recondução ao cargo.

Empréstimos

O deputado Robert Rios (DEM) disse ontem que a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil suspenderam as operações de crédito consignado para servidores públicos do Estado.

Segundo ele, a medida foi tomada porque não foi repassado aos bancos os descontos compulsórios feitos pelo governo nos contracheques dos servidores.

Emenda

O deputado federal Rodrigo Martins (PSB-PI) aproveitou a entrega de novos equipamentos no Hospital da Polícia Militar, pelo governador Wellington Dias, para tirar uma casquinha com o governo.

Ele disse ter destinado, através de emenda parlamentar, R$ 1 milhão dos R$ 2 milhões que foram empregados na compra dos equipamentos.

Pai da criança

Rodrigo Martins disse que, mesmo assim, o governo o acusa de trabalhar contra o Estado.

O presidente Themístocles Filho (MDB) disse que esteve presente ao hospital e ouviu o governador Wellington Dias citar a emenda do deputado Rodrigo Martins.

Foto: Pablo Cavalcant/RCV

Campanha  -  A advogada Geórgia Nunes (foto), coordenadora da Academia Brasileira de Direito Eleitoral, calcula que os tetos estabelecidos para os gastos de campanha, nas eleições deste ano, chegam a ser inferiores aos de 2014 em vários Estados, como é o caso do Piauí. Mesmo assim, ela acredita que o país segue firme no caminho para realizar eleições sem a contaminação do poder econômico.

 

 

 

* O deputado Gustavo Neiva (PSB) congratulou-se com os produtores rurais do Piauí pelo sucesso da Exposoja, no município de Nova Santa Rosa.

* Já o deputado Francisco Lima Lula (PT) comunicou que participou da Exposição Capritânia, no município de Betânia.

* O parlamentar relatou que no evento conheceu animal de uma nova raça de caprinos, que chega a 1,10 metro de altura.

* O ex-senador João Vicente Claudino participa de uma feira em Fortaleza representando o seu grupo empresarial.

 

 

Negociação em Brasília

Foi-se o tempo em que as negociações nos escalões de Brasília se davam com esperteza, mas sem malandragem. Um prefeito do sertão do Piauí bateu em gabinete ministerial para tentar destravar um projeto que estava enganchado na burocracia oficial. Adentrou ao gabinete de um técnico graduado em companhia de um deputado federal. Conversa vai, conversa vem, o técnico botando sempre dificuldade para liberar os recursos. O prefeito, já quase no desespero, apelou:

- Doutor, pelo amor de Deus, libere esse dinheiro que eu lhe dou um bode!

Empréstimo da Caixa: agora vai!

Foto: Divulgação

Presidente da Caixa com Ciro Nogueira

 

De pouco adiantou o esforço do presidente nacional do Progressistas, senador Ciro Nogueira, para demonstrar no Piauí que tem prestígio político em Brasília.

Foi em vão o seu empenho para indicar ministros, abrir portas no Planalto e trazer praticamente quase toda semana um ministro ao Piauí, puxado pelo braço, para anunciar a liberação de recursos federais para o Estado e para os municípios.

Da mesma forma, foi inútil também, para o Piauí, o seu partido indicar o presidente da Caixa Econômica Federal, Nelson Sousa, com quem ele despacha toda semana.

Audiência pública

É possível se chegar a estas conclusões com o anúncio de que uma delegação de deputados estaduais do Piauí vai a Brasília, na próxima quinta-feira, especialmente para destravar o empréstimo de R$ 315 milhões do Governo do Estado que empacou na Caixa Econômica.

O aviso da visita foi feito ontem pelo deputado Fábio Novo (PT), da tribuna da Assembleia Legislativa. Ele convidou os demais colegas para participarem de uma audiência pública com o presidente da Caixa Econômica Federal, Nelson Sousa.

Pressão

O objetivo da comissão de deputados estaduais em Brasília, segundo o deputado, é pedir ao presidente da Caixa agilidade na liberação do empréstimo.

Fábio Novo disse que quer repetir o que fez na semana passada, em Teresina, ao levar 20 deputados da base do governo para uma reunião com os conselheiros do Tribunal de Contas do Estado, a quem foram pedir pressa no andamento do processo sobre o empréstimo.

Se não funcionou a pressão do presidente do Progressistas pela liberação do financiamento, agora vai, com a revoada de deputados estaduais para Brasília!

 

 

Foro privilegiado

A restrição ao foro privilegiado já começou a mudar o andamento dos processos contra parlamentares.

Sete ministros do Supremo Tribunal Federal já encaminharam para instâncias inferiores da Justiça 66 casos penais que, no entendimento deles, não têm relação com o mandato parlamentar.

Tem mais

Outros processos devem ser remetidos nos próximos dias, uma vez que os ministros continuam analisando os casos que não preenchem mais os requisitos para permanecer no Supremo.

Caberá a magistrados de primeira e segunda instância, a depender de cada caso, dar andamento às ações penais ou investigações.

Do Piauí

Entre os parlamentares que já tiveram casos enviados para instâncias inferiores da Justiça estão sete senadores.

Os deputados federais com ações no Supremo até agora remetidas para instâncias inferiores totalizam 44. 

O deputado Heráclito Fortes (DEM-PI) e a deputada Rejane Dias (PT-PI) aparecem nessa lista com um processo, cada.

Vaquinha

A partir de hoje, o eleitor que quiser fazer doações em dinheiro para seu candidato já pode acessar os sites de “vaquinha online”.

As doações começam, como se vê, antes mesmo do registro das candidaturas.

Caso o pré-candidato desista da disputa, o valor doado será devolvido.

As doações

Pessoas físicas poderão doar até 10% do valor de seus rendimentos brutos no ano anterior. Cada eleitor poderá repassar até R$ 1.064 por dia. O site precisa atualizar os dados, inclusive com nome e CPF dos doares, imediatamente.

Então, é isso: se você acredita em seu candidato e tem dinheiro sobrando no bolso ou na conta, chegou a hora de ajudar a campanha dele através dessa vaquinha on-line.

Bate-rebate

O deputado Robert Rios (DEM) não gostou nada do que ele considerou “um achicalhe” do ex-secretário de governo, Merlong Solano, que acusou a oposição de pregar a política do “quanto pior melhor”, no caso do empréstimo da Caixa Econômica.

Robert se disse a favor do empréstimo, mas espera que o governo não faça como fez com o empréstimo anterior, que prestou contas de obras fantasmas.

 

 

 

* O deputado Luciano Nunes (PSDB) se despediu da presidência da União Nacional dos Legislativos Estaduais (Unale).

* Foi durante a 22a Conferência Nacional da Unale, realizada no Rio Grande do Sul, no último final de semana.

* O Piauí ganhou dois cargos na nova diretoria da Unale. Marden Menezes (PSDB) foi eleito para o Conselho Fiscal e Severo Eulálio (MDB), para a primeira Secretaria.

* E são tantos os candidatos a presidente da República que dão para fazer um álbum de figurinhas como o da Copa do Mundo.

 

 

O Caneco é nosso!

Do presidente Michel Temer, pelas redes sociais, sobre a convocação da Seleção Brasileira, ontem:

- Já temos a Seleção para a Copa do Mundo na Rússia. Agora, Tite e equipe, com todo respeito aos nossos anfitriões e amigos russos, e com humildade, por favor, tragam o Caneco para casa.

Posts anteriores