Cidadeverde.com
Diversidade

Quintura lança temporadas de espetáculos no Sobrado

Nossa cena artística vai ferver de Quinta à Domingo no Sobrado (Rua Darcy Araújo, número 2049, no bairro São Cristóvão). É o projeto Quintura que inicia nesta quinta -09/02- trazendo gratuitamente espetáculos de teatro, dança, performance e mostras de cinema que estarão  movimentando nosso circuito de arte durante dez semanas com programação ininterrupta nos meses de fevereiro, março e abril.

A cada semana uma criação artística estará em temporada nas salas do Sobrado durante 04 dias. De quinta à sábado os espetáculos começam às 21 horas e no domingo às 20 horas, garantindo que todo mundo possa em algum dia da semana acompanhar a produção local e também curtir um pouco da noite teresinense no Alquimia Café Bar, que fica no mesmo espaço.

O objetivo deste projeto realizado com o apoio do Instituto Punaré, Fundação Monsenhor Chaves e Prefeitura Municipal de Teresina é mostrar a produção local e apostar na realização de temporadas. É uma política de formação continuada de público através de uma programação semanal permanente, como ressalta uma das idealizadoras e artista de dança, Janaína Lobo.

“O Sobrado já se estabeleceu bem como espaço de exposição. Com o Quintura a gente quer trazer outro lado. É um projeto todo pensado para as artes cênicas, fomentando a cena local e mostrando o que está sendo feito”, explica Janaína, enfatizando que a cena teresinense está repleta de criações que merecem cada vez mais espaços e canais de circulação que estão sendo oportunizados pelo Sobrado através do projeto Quintura.

A abertura do Quintura acontece com FRANGO, de Zé Reis na quinta-feira (09.02) e segue até o domingo (12.02). Logo após apresentação, drinks e discotecagens vão garantir a comemoração na noite de abertura do projeto.

FRANGO é uma performance que dança com questões estéticas heteronormativas. Zé Reis é um artista piauiense que acredita no corpo como um potencializador de urgências humanas. Trabalha como ator, performer, diretor e preparador de elenco para teatro e cinema. Sua formação em teatro e dança contemporânea se divide entre Teresina, Brasília, Buenos Aires e Belo Horizonte

.No final de semana seguinte, de 16.02 à 19.02, o público terá acesso à performance Eólico de Samuel Alvis e de Ireno Júnior. Um projeto de criação independente e de resistência, por um fazer dança em Teresina que relaciona a tentativa como sinônimo de não desistência.

Fechando fevereiro, o carnaval do Quintura no Sobrado traz uma proposta diferenciada: em vez de folia e marchinha, o escurinho do cinema para quem prefere uma programação mais alternativa: Carnavalia com filmes como São Paulo em Hi-Fi sobre a noite gay paulistana entre 1960 e 1980, de Luffe Steffen e Supermemória do internacional piauiense, Danilo Carvalho . Em seguida o projeto volta com os espetáculos nos finais de semana seguintes, e toda a programação detalhada pode ser acompanhadas nas redes sociais do Sobrado.

O Sobrado abriu em 2016 com a proposta de proporcionar à cidade um espaço de circulação e discussão de arte contemporânea. O local, que já está consolidado como espaço de exposição e comercialização de obras de arte, agora desponta como um ambiente de articulação das artes cênicas locais, disponibilizando salas para espetáculos, bem como lançando curtas temporadas e outras ações de fomento ao cenário artístico piauiense.

SERVIÇO (mês de fevereiro completo):

- Lançamento do Quintura: 09/02/2017 (quinta-feira) às 20 horas com discotecagem de Mirton de Paula após a performance de abertura

- FRANGO, de Zé Reis (performance de abertura do Quintura): 09 (quinta-feira) às 20 horas; 10 e 11 de fevereiro  (sexta e sábado) ás 21 horas e domingo (12.02) às 20 horas.

-EÓLICO, de Samuel Alvis e Ireno Jr: 16, 17, 18 e 19 de fevereiro (quinta, sexta e sábado) ás 21 horas e domingo (12.02) às 20 horas.

          -QUINTURA DE CINEMA - MOSTRA DE CINEMA CARNAVAL (23, 24, 25 e 26 de fevereiro -quinta à domingo -todos os dias as 20h) com os filmes:

-SÃO PAULO EM HI-FI, Documentário, 101min, SP/Brasil, 2016. Dir. Luffe Steffen

-BAILÃO, Documentário, 16min, São Paulo, 2009. Dir. Marcelo Caetano

-MUNDO INCRÍVEL REMIX, Ficção, 24min, Minas Gerais, 2014. Dir.

Gabriel Martins

-METRÓPOLE, Ficção, 16’50, PE, 2013. Dir. Sócrates Alexandre????????????

-SUPERMEMÓRIAS, Documentário, Super8, 20min, CE, 2010. Dir. Danilo

Carvalho

-BOSSA NOVA BEACH, Documentário, 11min, DF/Brasil, 1965

 

-TUDO CABE, Documentário, Super8, 2:56s, Parnaíba, 2012. Direção

Camila Battistetti

-XINGU CARIRI CARUARU CARIOCA, Documentário, 92min, RJ. DIr BETH

FORMAGGINI

Fonte: ASCOM