Cidadeverde.com

Secretário reafirma que convocará até 100 novos agentes em 2017

O secretário de Justiça, Daniel Oliveira, reafirmou à Coluna Economia & Negócios, do Cidadeverde.com, que, ainda em 2017, deverão ser convocados entre 75 e 100 novos agentes penitenciários. Para o próximo ano, no entanto, não há garantias de chamamento dos concursados, mas a possibilidade também não está descartada. 

"Com a inauguração do presídio de Campo Maior, ainda neste ano, vamos chamar entre 75 e 100 agentes, para poder completar o quadro. A ideia é redistribuir os agentes atuais e encaixar os novos em todos os presídios. Depois disso, no próximo ano, poderemos chamar mais, só que vai depender da situação fiscal do Estado, por isso não podemos falar em números", esclareceu o gestor.

O concurso para agentes penitenciários da Sejus já está na fase dos recursos contra o resultado da prova escrita. O resultado desses recursos será divulgado, segundo o cronograma, no dia 9 de maio, e a lista oficial da 1ª etapa será divulgada dia 15. 

O resultado final do concurso está previsto para o dia 26 de setembro. Como o edital não prevê um número de "aprovados" - pelo fato de o concurso ter sido realizado exclusivamente para formação de cadastro reserva - os 400 primeiros lugares deverão fazer o curso de formação. E, de acordo com o secretário, até 100 terão contratação imediata. 

O prazo para chamamento dos agentes concursados é de dois anos, prorrogáveis por mais dois anos. 


 

Saúde abre seleção para estudantes de Enfermagem

Estão abertas até o próximo dia 5 de maio as inscrições para o processo seletivo de acadêmicos de enfermagem que desejam participar da Liga de Busca Ativa da Organização de Procura de Órgãos e Tecidos (OPO), que funciona no Hospital Getúlio Vargas (HGV).

A inscrição é gratuita e pode ser feita no Núcleo de Educação Permanente (NEP) do HGV, nos horários da manhã e tarde; sendo exigida a apresentação declaração de matrícula e período em curso. Podem participar alunos de universidades públicas e de faculdades particulares conveniadas com o HGV que estejam cursando a partir do sétimo período.

Após a etapa de entrevistas, dez candidatos serão selecionados para disputar as cinco vagas oferecidas. 

IBGE lança segundo edital com mais 1.173 vagas para o Piauí

 

O IBGE lançou hoje o segundo Edital para contratação de servidores temporários para o Censo Agropecuário 2017. Nesta etapa estão disponibilizadas 24.984 vagas para todo o Brasil, sendo 1.173 delas para o Estado do Piauí, tanto para nível médio, como para nível fundamental de escolaridade. 

A remuneração dos servidores mensalistas varia de R$ 1.600,00 a R$ 1.900,00. Já os Recenseadores ganharão por produtividade. Segue, abaixo, um resumo das principais informações do segundo edital do concurso, bem como as funções e o quantitativo de servidores a ser contratado no Piauí. 

Período de inscrição: de 24/04 a 23/05/2017
Inscrição no concurso: acessar o endereço eletrônico da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Dia/hora de realização das provas: 16 de julho de 2017, das 13 às 17 hs, pelo horário oficial de Brasília.

Funções disponíveis no Piauí (com a escolaridade exigida):
Agente censitário municipal (nível médio)
Remuneração: R$ 1.900
Taxa de inscrição: R$ 39,50
Vagas: 55
Agente censitário supervisor (nível médio)
Remuneração: R$ 1.600
Taxa de inscrição: R$ 39,50
Vagas: 189
Recenseador (nível fundamental)
Remuneração: por produção
Taxa de inscrição: R$ 22,00
Vagas: 929

 

Direitos assegurados aos servidores contratados:

• Auxílio-alimentação

• Auxílio-transporte

• Férias e 13o. Salário

Duração dos contratos (previsão):

• Agente Censitário Municipal – até 07 meses

• Agente Censitário Supervisor – até 07 meses

• Recenseador – até 05 meses

Jornada de trabalho:

- Para as funções de Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor: 40 horas semanais

- Para a função de Recenseador: no mínimo 25 horas semanais

Resultado final do concurso: 31 de agosto de 2017.

Clique aqui para ver o primeiro edital, que ainda está com inscrições abertas.

Últimos dias de inscrição para concurso do TJ; salário até R$ 6 mil


Serão encerradas na próxima semana o período de inscrição do concurso público do Tribunal de Justiça de São Paulo. O salário oferecido é de até R$ 6.010,24.

São 206 vagas voltadas a quem tem ensino superior e divididas em dois editais. As vagas são para assistente social e psicólogo judiciário. Os aprovados vão trabalhar em São Paulo e Grande São Paulo, Araçatuba, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, e Sorocaba.

As inscrições vão até o dia 25. A Fundação Vunesp é a organizadora do certame. Clique aqui para ver o edital e fazer a inscrição. 

Buriti dos Lopes reabre inscrições para seleção que oferece 96 vagas

 
A Prefeitura de Buriti dos Lopes retoma, nesta segunda-feira (17), o andamento do processo seletivo destinado ao preenchimento de 96 vagas em seu quadro de pessoal, por prazo determinado. A prefeitura já definiu o novo cronograma e reabriu as inscrições de hoje até dia 23 de abril. As provas objetivas serão realizadas em 7 de maio. Já o resultado final, anteriormente previsto para ocorrer no dia 22, será divulgado no dia 30 de maio de 2017.

Vagas e Inscrição
A carga horária varia de 20h a 40 horas semanais e a remuneração de R$ 937 a R$ 1.149,90. As vagas são para os seguintes cargos:

- Motorista B (3), Motorista D (4), Operador de Máquinas Pesadas (3), Merendeira (3), Auxiliar de Serviços Gerais (6) e Vigia (7); Professor de Ensino Infantil (24), Professor dos Anos Iniciais de Ensino Fundamental - 1º ao 5º Ano (11) e Instrutor de Informática (1); e Professor de Português (5), Professor de Matemática (6), Professor de Ciências Naturais (4), Professor de História (6), Professor de Geografia (3), Professor de Inglês (5) e Professor de Educação Física (5), divididas entre os níveis Fundamental, Médio e Superior.

Clique aqui para ver o edital e fazer a inscrição. 

A taxa de inscrição é de R$ 45,00 (Nível Fundamental); R$ 55,00 (Nível Médio) ou R$ 70,00 (Nível Superior), e pode ser feita no site www.institutolegatus.com.br.

Entenda a polêmica

O certame, iniciado no mês de fevereiro, havia sido suspenso liminarmente pelo Juízo da Comarca de Buriti dos Lopes, sob a alegação de existência de candidatos aprovados e ainda não convocados em concurso realizado em 2016.

Em recurso apresentado junto ao Tribunal de Justiça, a Prefeitura Municipal alegou que o processo seletivo se destinava à contratação temporária de alguns cargos para os quais não houve concurso público, bem como para a substituição, por tempo determinado, de servidores efetivos afastados de suas funções em virtude de licenças, férias, ou ainda para a ocupação de cargos cujos titulares estão, no momento, exercendo outras funções na Administração, como diretorias escolares e outros cargos comissionados. Dessa forma, o Tribunal de Justiça, em decisão publicada na última terça-feira (11) no Diário da Justiça, reformou a decisão proferida em primeiro grau, sustando todos os seus efeitos.

UFPI oferece vagas em Bom Jesus com salário até R$ 9,5 mil

A Universidade Federal do Piauí (UFPI) abriu concurso público de provas e títulos para preencher quatro vagas no curso de Licenciatura em Educação do Campo, no campus de Bom Jesus.

As vagas são para as seguintes áreas:
- Desenvolvimento e Organização Social do Campo
- Filosofia
- Pedagogia
- Sociologia

Os salários básicos variam de R$ 2.236,29 a R$ 4.446,51, mas podem chegar a R$ 9.570, dependendo da titulação.

As inscrições já estão abertas e se encerram no dia 15 de maio. As taxas são de R$ 215 para Classe A- DE, R$ 108 para Classe A - TI 40, e R$ 63 para Classe A - TP 20

A prova escrita está prevista para ser aplicada dia 25 de maio. O resultado final sai a partir do final de junho. 

Clique aqui para ver o edital e aqui para ver outras informações.

Concursos: Veja dicas para 'acelerar' os estudos nesse feriado

Quem está se preparando para concurso público não terá todo o feriado da Semana Santa somente para descanso. Com a prova da Polícia Militar já marcada para o dia 21 de maio, aproveitar o feriado para "relaxar" está longe da realidade dos candidatos. Para o professor de Informática e coach de concursos, Márcio Lima, quem vai tentar concursos que ainda não têm edital lançado deve, sim, descansar, já que precisará de todo o fôlego e energia para acelerar os estudos no próximo semestre. 

Mas quem já tem prova marcada, o jeito é focar nos estudos. Veja as dicas do professor:

- Faça um planejamento específico para o feriado
Como a rotina muda (os familiares marcam almoços, visitas, etc), é importante fazer um planejamento de horário voltado para essas mudanças.

- Planejar o pós-feriado
É importante reorganizar os horários de estudo para depois da Páscoa, porque os candidatos do concurso da PM entrarão na reta final dos estudos. É preciso selecionar novas questões também.

- Responda questões
Com toda a família viajando ou curtindo o feriado, existe uma tendência para o desânimo. Por isso, o ideal, segundo o professor, é responder questões e fazer uma leitura teórica das matérias que o candidato mais gosta.

- Não deixe de descansar
Apesar da necessidade de estudo, é fundamental tirar algumas horinhas para descansar um pouco mais que o habitual. Essa também é uma forma de dar gás para a reta final, pós feriado.

- Divirta-se com a família
Vá ao cinema, ao barzinho, à casa de amigos. Estar com pessoas próximas é fundamental para se sentir apoiado.

Para quem precisa de um empurrãozinho a mais nessa jornada, o CEV Concursos montou uma maratona de três dias de estudo e resolução de questões voltadas para a prova da PM. O concurso oferece 480 vagas e salário inicial de R$ 3.100. As aulas começam amanhã (13) à tarde e vão até domingo.

Correios fazem alerta sobre falso concurso público em 2017

Os Correios divulgaram em seu site oficial um alerta sobre uma notícia falsa de concurso público na estatal. Segundo a nota, estão sendo divulgadas notícias inverídicas sobre uma seleção ainda para este ano. A empresa informou que não publicou nenhum edital nesse sentido. "Reiteramos que, sempre que existirem novidades sobre certames, a empresa dará ampla divulgação em seus canais oficiais", diz a nota.

MP recomenda nova suspensão do concurso da Sejus por problema em gabarito

O Ministério Público do Estado do Piauí recomendou a suspensão do concurso público para agentes penitenciários da Secretaria da Justiça. O documento foi encaminhado ao secretário da Sejus, Daniel Oliveira, e ao Nucepe, que é a instituição organizadora do certame. 

A promotora Leida Diniz pede a anulação da prova de noções de informática, por acreditar que tenha havido violação aos princípios constitucionais da administração pública. Ela argumenta que foram cometidos erros na correção da prova e que o gabarito divulgado é similar à prova aplicada antes - que foi anulada por constatação de tentativa de fraude. 

Leida acrescenta que os problemas geram dúvidas por parte dos candidatos pela falta de transparência do certame somadas aos problemas de fraudes ocorridas na primeira fase deste e outros concursos realizados no Piauí e que tiveram o Nucepe como banca organizadora. 

Críticas ao Nucepe

A promotora avalia que o Nucepe demonstra clara incapacidade para condução de um concurso de tamanha relevância e, que os erros cometidos violam os princípios da transparência, moralidade e eficiência. "Na administração pública não há espaço para dúvidas. Tudo deve ser claro e transparente", argumenta Diniz. 

Os gestores têm o prazo de 10 dias, a contar do recebimento da recomendação administrativa, para apresentar ao Ministério Público Estadual as providências tomadas para o cumprimento das medidas elencadas na recomendação.

A Coluna tentou contato com o secretário Daniel Oliveira e com o presidente do Nucepe, Jorge Filho, mas as ligações não foram atendidas. 

IBGE lança edital com 41 vagas no Piauí e salário até R$ 4 mil

O IBGE lançou nesta segunda-feira (10) o primeiro Edital para contratação de servidores temporários para o Censo Agropecuário 2017. Nesta etapa estão disponibilizadas 1.038 vagas para todo o Brasil, sendo 41 delas para o Piauí - tanto para nível superior, como para nível médio. 

As inscrições vão de 10 de abril a 9 de maio deste ano, e podem ser feitas pelo site da FGV (clique aqui). As provas estão previstas para o dia 2 de julho, das 13h às 17h (horário de Brasília). O resultado do certame sai dia 10 de agosto de 2017.

Para o Piauí, estão disponíveis as seguintes vagas:

- Analista censitário (nível superior)
Vagas: 4
Remuneração (R$): 4 mil 
Taxa de inscrição (R$): 78,00 
Duração do contrato: até 13 meses

- Agente censitário regional (nível médio)
Vagas: 15
Remuneração (R$): 2,5 mil 
Taxa de inscrição (R$): 41,00
Duração do contrato: até 9 meses

- Agente censitário de informática (nível médio)
Vagas: 6
Remuneração (R$): 1,7 mil 
Taxa de inscrição (R$): 42,50
Duração do contrato: até 7 meses

- Agente censitário administrativo (nível médio)
Vagas: 16
Remuneração (R$): 1,5 mil 
Taxa de inscrição (R$): 27,00
Duração do contrato: até 10 meses

As vagas para analista censitário estão disponíveis em três áreas:

01 vaga para agronomia: os requisitos são curso superior completo com graduação em Agronomia, Engenharia Agronômica, Engenharia Florestal, Engenharia Agrícola, Engenharia Ambiental, Ciências Agrárias ou cursos correlatos. 

01 vaga para ciências contábeis: os requisitos são curso superior completo com graduação em Ciências Contábeis, com registro no Conselho da categoria profissional.

02 vagas para gestão e infraestrutura: o requisito é curso superior completo (qualquer área).  

Além da remuneração, os contratados terão direito a: 
• Auxílio-alimentação 
• Auxílio-transporte 
• Férias e Décimo Terceiro.
• Salários proporcionais 

Posts anteriores