Cidadeverde.com

Muro é construído para evitar fuga de presos em Esperantina

Está sendo construído na penitenciária de Esperantina um muro subterrâneo para evitar a fuga dos presos. A previsão para a conclusão da obra é de 25 dias.

Segundo o gerente da penitenciária, Agnaldo Lima, será feito uma espécie de paredão subterrâneo que substituirá a calçada do presídio. “O muro terá 2 metros e meio de profundidade por 80 de largura e 30 metros de comprimento e será construído em no máximo 25 dias”, disse.

O gerente disse ainda que o muro será construído no pavilhão localizando no fundo do presídio, que é onde é registrado o maior número de tentativas de fuga, pela facilidade do terreno.  “O atual material da parede do fundo do presídio facilita a tentativa de fuga por meio de túneis, por isso, a construção do muro subterrâneo tornará mais difícil a fuga dos detentos”.

A Penitenciária de Esperantina tem capacidade para 157 presos, mas atualmente mantém 397 detentos na unidade.

Fonte: portalesp
cidades@cidadeverde.com