Cidadeverde.com
Eugenio Fortes

Capoeira infantil

Todas as vezes que passo na sala onde está o Professor Sangiorgi trabalhando, paro alguns minutos para admirar a arte da capoeira sendo praticada por crianças. Os movimentos ritmados de grandes amplitudes e em bases que desafiam a gravidade ,atraem minha atenção e de quem mais passar.

Uma alegria natural das crianças, organizada numa roda disciplinada pela vontade de aprender, de descobrir o quanto é rica nossa cultura. As mãos tomam o lugar dos pés, os pés viajam no ritmo do berimbau, a esquiva deixa a luta dança intermitente. As músicas contam a história. As crianças se divertem e se tornam mais autoconfiantes e gentis.

E eu passo três, quatro vezes me orgulhando de ver um colega de profissão se reslizando como trabalho que escolhemos para nossas vidas.