Cidadeverde.com

Rede Cegonha leva UTIs Neonatal para Floriano

A Rede Cegonha terá sua primeira etapa no Piauí no município de Floriano. Nesta sexta-feira (27), foi publicada no Diário Oficial portaria do Ministério da Saúde destinando R$ 7,41 milhões para custeio das primeiras ações do programa no Estado. 

Os recursos são destinados para atender a região do Vale dos Rios Piauí e Itaueiras, que irá ganhar um Centro de Parto Normal e uma Casa da Gestante, Bebê e Puérpera, além da criação de oito leitos de Gestação de Alto Risco, 10 leitos de UTI Neonatal Tipo II, 20 leitos de UCI Neonatal e três leitos de UCI Canguru.


“Este montante vai permitir que o estado qualifique e amplie a rede de assistência à mulher e ao bebê”, destaca a coordenadora da área técnica da Saúde da Mulher do Ministério da Saúde, Esther Vilela.

O projeto foi lançado no ano passado e fortalece o modelo de atenção com reforço do planejamento familiar até a confirmação da gravidez, passando ainda pelo pré-natal, parto, pós-parto e os dois primeiros anos de vida da criança. 

“O plano define os primeiros passos para a implantação da Rede Cegonha no estado e tem a participação ativa do Governo Federal, estados e municípios”, explica a coordenadora. A portaria autoriza a transferência de recursos do Fundo Nacional de Saúde para os fundos de saúde do Estado e municípios da Rede de Assistência, após habilitação de todos os serviços previstos no Plano de Ação.

As ações previstas na estratégia Rede Cegonha visam qualificar, até 2014, toda a rede de assistência, ampliando e melhorando as condições para que as gestantes possam dar à luz e cuidar de seus bebês de forma segura e humanizada. “Temos que construir um ambiente acolhedor para que a mulher se sinta mais segura nesse momento e, para isso, é necessário a qualificação do espaço físico e a mudança das práticas”, enfatiza Esther Vilela.

Com informações do Ministério da Saúde
cidades@cidadeverde.com

Floriano e mais 4 cidades tem pior geração de empregos no mês de junho no Piauí

Floriano, Pedro II, Piripiri, Barras e Esperantina, completam a lista dos municípios com mais de 30 mil habitantes no Piauí, que obtiveram saldo negativo na evolução de empregos formais no Estado. A constatação é segundo o Cadastro Geral do Emprego (CAGED), do Ministério do Trabalho e Emprego do Governo Federal.


União, levou o 1º lugar em geração de empregos com 983 empregos formais. Segundo os dados, a cidade de Campo Maior, é a quinta do Piauí em saldo de empregos formais do Estado no mês de junho. Picos obteve apenas 12 empregados de saldo e José de Freitas ficou apenas com 10.

O 2º lugar fica com Teresina, que saldou 278 vagas. Ficando em 3º lugar ficou Oeiras com 37 pessoas empregadas formalmente e a cidade de Altos ficou na 4ª posição somando 31 empregos de carteira assinada. Campo Maior teve um saldo de 16 vagas de empregos firmadas no mês de junho.

Campo Maior cresceu uma posição com relação aos outros relatórios de evolução de empregos formais no Piauí, passando de 6º para 5º lugar e a tendência que o município melhore o desempenho ainda mais, uma vez que há uma exepectativa de que o saldo de empregos formais tenha uma evolução ainda mais positiva com a contratação de trabalhadores de carteira assinada nas obras do IFPI e também na drenagem do Rio Surubim.

Rayldo Pereira
com informações da APPM
rayldopereira@cidadeverde.com

Aeroporto de Floriano será inaugurado no início de setembro

O aeroporto Cangapara, no município de Floriano, a 244 quilômetros da capital, já possui data para começar a operar em pleno vapor. Segundo o secretário estadual dos Transportes, Avelino Neiva, a inauguração do aeródromo deve acontecer no dia 7 de setembro, às 20h, com o pouso de um avião de grande porte. A obra encontra-se em estágio final, restando apenas a pavimentação da pista de pouso, bem como alguns acabamentos.

Foto: Francisco Leal

“O aeroporto de Floriano será a maior alternativa de pouso e decolagem do Extremo Sul do Piauí, pois sua pista será maior que a do aeroporto de São Raimundo Nonato”, ressalta Avelino Neiva, ao comentar que a execução da obra se deve ao esforço do governador Wilson Martins, que durante os últimos meses tomou as medidas necessárias para viabilizar a entrega do aeroporto.

A obra no aeroporto Cangapara contempla a reforma da pista de pouso e decolagem, construção de uma pista para taxiamento das aeronaves, pátio para estacionamento de aeronaves com capacidade para comportar três aviões de grande porte, cerca de proteção e balizamento noturno, possibilitando que os aviões realizem pousos em qualquer horário do dia. O aeroporto de Floriano possui uma extensão de 1800 x 30 m². A reforma e ampliação da área custaram aos cofres estaduais um investimento de aproximadamente R$ 7,8 milhões.

Além das obras no aeroporto, a Secretaria Estadual dos Transportes (Setrans) também está viabilizando a pavimentação asfáltica da rodovia que liga o trecho da BR-343 e a PI-140, com extensão de aproximadamente 4,2 quilômetros. A estrada será pavimentada em concreto betuminoso usinado a quente e custará ao Governo do Estado um investimento de aproximadamente R$ 5 milhões. É válido ressaltar que a pavimentação da via será uma forma de facilitar o acesso ao aeroporto Cangapara.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Mais de 150 mil metros de pavimentação asfáltica serão entregues em Floriano

Além do aeroporto Cangapara, a população de Floriano, localizada a 244 quilômetros, também será contemplada com 26 ruas e avenidas pavimentadas com concerto betuminoso usinado a quente. Segundo informações do Departamento de Engenharia da Secretaria Estadual dos Transportes (Setrans), 60% da obra já está concluída e deve ser entregue no início do mês de setembro. Ao todo serão pavimentados 155 mil metros quadrados das principais vias da cidade.

Foto: Francisco Leal / Ccom

George Everson, engenheiro responsável pela obra, ressalta que as obras de pavimentação das ruas e avenidas fazem parte do projeto de urbanização de Floriano, que visa melhorar o tráfego de veículos, além de facilitar a locomoção da população. “Nosso intuito é entregar as obras de pavimentação das vias juntamente com a reforma do aeroporto e para isso estamos trabalhando em ritmo acelerado”, comenta.

Para a lavadeira Maria dos Remédios, a melhoria das vias repercute diretamente na qualidade de vida dos moradores, visto que a implantação do asfalto acaba com a poeira das antigas ruas de chão batido. “Estou achando ótima essa ideia, pois moro na cidade há muito tempo e sempre reclamávamos das condições em que as ruas e avenidas estavam”, afirma a moradora.

Compartilhando da mesma opinião, o aposentado Sandoval Freire Leal relata que as obras de pavimentação das ruas são de grande valia para o município, pois com o tempo, a deterioração das vias é um fato inevitável. “Tinha muita poeira e buraco. Mas já estamos percebendo a diferença e é para melhor”, conta.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Primeiro Porto Seco do Piauí será construído em Floriano

O primeiro porto seco no Piauí será construído em Floriano. As informações foram asseguradas pelo secretário estadual dos Transportes, Avelino Neiva, em reunião com cerca de 50 empresários piauienses. 

Reunião do Porto Seco em Floriano (Foto:Francisco Leal)

O município, localizado a 244 km de Teresina, foi escolhido para sediar o primeiro porto seco devido a condições favoráveis de localização. Várias BR's recortam o município e existe a proximidade de Floriano com quase todas as capitais do Nordeste, assim como com as principais rotas comerciais do mundo.

O empreendimento tem como objetivo nacionalizar produtos importados e internacionalizar produtos locais, devendo estes serem escoados por via ferroviária ou rodoviária ao seu destino final. Com a construção do porto, além da redução dos encargos envolvendo os produtos, as mercadorias também devem chegar com até 90 dias de antecedência, pois deixará de enfrentar as filas e a burocracia de outros portos.


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Secretaria Estadual de Educação afasta diretor flagrado em motel com aluna

A Secretaria Estadual da Educação e Cultura, por meio de sua assessoria jurídica divulgou no Diário Oficial do Estado o afastamento temporário de Florisvaldo Nunes de Almeida, do cargo de diretor  de uma escola municipal de Floriano.

Alunos da escola fazem protesto em Floriano

No texto da publicação consta a obrigatoriedade da secretaria em proceder  no afastamento preventivo, levando em consideração a denúncia de assédio sexual, a qual o diretor responde.

O Ministério Público manteve a denúncia que relata o caso de suposto assédio sexual contra uma adolescente, de 14 anos, em Floriano. O caso aconteceu no último dia 29 de maio, quando o diretor foi flagrado dentro de um motel com a aluna. O suposto 'caso amoroso', não foi consumado e se daria em troca da aprovação da estudante.

 A medida é preventiva e afasta o diretor do cargo temporariamente, por apenas 30 dias.

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Confira como foi a agenda dos candidatos no fim de semana em Floriano

Coligação "Fé no homem, fé na vida, fé no que virá (PSDB)"

O candidato Enéas Maia e a candidata a vice Ana Cleide (PSDB), estiveram na noite de sábado (21), participando da 7ª Marcha para Jesus, em Floriano. Em entrevista a reportagem de portal local, o bioquímico e a vereadora falaram sobre a caminhada política que o PSDB está realizando no município.

Fotos: Floriano News

“Estivemos no torneio de futebol na Rua Sete, fizemos algumas visitas, participamos da Marcha para Jesus, visitamos outros eventos na zona rural e estamos caminhando pela cidade”, informou Enéas Maia.

Para a candidata a vice-prefeita, “A caminhada está muito boa, positiva e onde chegamos podemos ver que estão aceitando essa candidatura que é para Floriano, em benefício da nossa cidade e do nosso povo”, considerou Ana Cleide. 


Neste domingo (22), Enéas e Ana Cleide estiveram visitando o Mercado Público Central.

Coligação "Floriano Seguindo em Frente (PTB)"

Na noite de sábado (21), o candidato a vereador pelo PTB, Maurício Bezerra, da coligação Floriano Seguindo em Frente ressaltou sobre a caminhada que o partido vem realizando na zona urbana e rural do município. 


“Estamos na luta pelo PTB, buscando e visitando todas as comunidades. Já percorremos todas as localidades nas proximidades do município de Jerumenha, em vários bairros de Floriano e vamos continuar a luta, vamos percorrer toda a cidade e comunidades em busca de levar ao conhecimento da população o trabalho que nós realizamos e buscar a aprovação desse trabalho", afirmou o candidato.

Coligação "Floriano! Agora é Você (PSB)"

O candidato Gilberto Júnior e o vice-candidato Salomão Holanda (PSB) estiveram participando de vários eventos desde a noite do último sábado (21), no município de Floriano. 


Em entrevista a um portal local, Salomão Holanda falou sobre seus compromissos de campanha e sobre os objetivos para a cidade de Floriano.

"No sábado participamos da Marcha para Jesus e tivemos reunião no bairro Vila Leão. Neste domingo participamos da abertura do festejo de Nossa Senhora do Rosário, no bairro Riacho Fundo, visita ao Mercado Público Central, almoço na zona rural, além de outras visitas em bairros que fomos convidados a participar. Juntos com o povo estaremos atendendo a todos esses convites que estão sendo feitos, ou seja, vamos estar junto com o povo onde o povo estiver", afirmou o candidato.

A cobertura completa das eleições no Piauí você confere no Cidadeverde.com.

Rayldo Pereira
Com informações do Floriano News
rayldopereira@cidadeverde.com

IFPI Floriano realiza Curso de Aperfeiçoamento para Professores

O Instituto Federal do Piauí, campus  de Floriano, realizou nesta última semana o 3º módulo do Curso de Aperfeiçoamento para Professores de Matemática do Ensino Médio. O evento com a carga horária de 40h teve início na última segunda-feira (16), na referida instituição de ensino e contou com a participação de 190 professores da região sul do estado do Piauí, além de estudantes do próprio IFPI, de Angical, Uruçui, São Raimundo Nonato e alguns professores e alunos da Universidade Estadual do Piauí de Marcos Parente, Landri Sales e Antônio Almeida.


De acordo com o professor Odimógenes Soares, o evento ocorre a cada seis meses e este foi o 3º módulo, a continuidade do curso acontece em janeiro de 2013.

O evento foi encerrado com um café da manhã na sexta-feira (20).


Fonte: Florianonews

Sindicato pede proibição de carros de som em campanha no centro de Floriano

O Sindicato do Comércio Varejista de Floriano e Região, encaminhou ofício à Justiça Eleitoral, solicitando a proibição da circulação de carros de som com a propaganda eleitoral em alguns pontos do centro comercial de Floriano.


De acordo com as alegações apresentadas pelo Presidente do Siconflor, Sr. Conegundes Gonçalves, diz que no centro comercial já há um volume acentuado de serviço de som para o anúncio dos produtos e serviços oferecidos pelas empresas, além disso comentou o Presidente: “As pessoas que estão no centro comercial, na sua quase totalidade são oriundas dos bairros ou de cidades vizinhas. A propaganda eleitoral deve se dirigir, portanto, para os bairros, onde vivem e moram os eleitores. Para as pessoas que advém de cidades vizinhas, a propaganda eleitoral dos candidatos de Floriano não interessa aos mesmos.”

O Sinconflor aguarda um posicionamento dos juízes eleitorais de Floriano sobre esta solicitação.

Fonte: Florianonews

Eneas Maia propõe descentralização da saúde e educação em tempo integral

O candidato a prefeito de Floriano pelo PSDB, Eneas Maia, afirmou que, se eleito, criará Unidades de Pronto Atendimento para descentralizar o serviço médico e odontológico no município. O candidato da oposição disse ainda que pretende implantar a educação em tempo integral.


"A cidade precisa de renovação, de novas ideias, de novos projetos. Queremos fazer Floriano ter a mesma força que teve anos atrás e para isso, o esporte e a cultura são aspectos importantes. Vamos utilizar nosso plano de governo e trabalhar com a verdade", enfatizou o bioquímico.

Eneas Maia criticou a atual gestão do município e prometeu dar mais atenção às áreas da Educação e da limpeza pública. "A atual gestão não é satisfatória. Eles tiveram oito anos, mas deixaram muito a desejar, principalmente em infraestrutura e desenvolvimento do município. Boa parte das nossas crianças estão fora das salas de aula. Queremos melhorar essa questão, vamos trabalhar para colocar a escola em tempo integral. Na área da limpeza pública, pretendemos fazer com que os próprios moradores fiscalizem o trabalho dos zeladores", disse.


Questionado sobre as dificuldades enfrentadas por ser um candidato jovem, Eneas disse que sua condição só o favorece, mas que sente o preconceito de algumas pessoas. "Há quem ache que não temos experiência. Mas, vamos trabalhar ao lado de pessoas muito experiente, como a nossa candidata a vice, Ana Cleide, que é vereadora. Além disso, a juventude favorece novas ideias", destacou.

Jordana Cury
redacao@cidadeverde.com

Posts anteriores