Cidadeverde.com

Com meia e atacante, Flamengo já tem seis reforços para o returno

Fotos: Abdias Bideh

Paulinho Cearense e Gugu foram apresentados nesta quarta-feira (29)

Atualizada às 16h02

Com o prazo para inscrever jogadores no Campeonato Piauiense quase no fim, o Flamengo anunciou mais dois reforços. Nesta quarta-feira (29), chegaram ao clube o meia Paulinho Cearense e o atacante Gugu. 

Os reforços vieram do Maranguape (CE), eliminado na semana passada nas quartas-de-final do Campeonato Cearense. Eles já começaram a treinar e foram observados pelo novo técnico rubro-negro, Nivaldo Lancuna, apresentado também hoje pela diretoria do Leão. 

Com os dois jogadores, o Flamengo chega a seis reforços anunciados para o returno do Estadual. De todos eles, apenas o goleiro Evandrízio e o zagueiro Moisés foram regularizados até a publicação desta matéria, na tarde de hoje. Mas o clube estima que o registo de Paulinho Cearense e Gugu seja efetivado até amanhã (30).

O zagueiro Sadan e o atacante Júnior, anunciados na semana passada, assim como Paulinho Cearense e Gugu, precisam ser registrados até sexta-feira (31) não só para enfrentarem Picos no sábado (1º), mas para poderem jogar no Campeonato Piauiense, pois é quando acaba o prazo de inscrição do torneio. 

Hoje é a data final recomendada pela Federação de Futebol do Piauí (FFP) para que os clubes dêem entrada no registro de novos atletas para o Estadual, uma vez que os nomes dos jogadores devem aparecer no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) até sexta-feira (31), e a entidade dá prazo de até 48 horas para que os registros sejam efetivados.

Saídas
O Flamengo também anunciou que o goleiro Robson, titular na goleada de 4 a 1 sofrida para o 4 de Julho, e o volante Vitor Recife não fazem mais parte do grupo rubro-negro. Segundo o clube, os dois saíram por motivos pessoais. 

Nivaldo Lancuna assume o Flamengo: 'matar um leão por partida'

Foto: E.C. Flamengo-PI

O técnico Nivaldo Lancuna foi apresentado, na manhã desta quarta-feira (29), como novo técnico do Flamengo para a sequência do Campeonato Piauiense. Terceiro a ocupar o cargo em 2017, o treinador afirmou que o rubro-negro terá cinco finais pela frente - os cinco jogos que restam da fase classificatória do returno. 

Lancuna chega após a saída do técnico Cícero Monteiro, com a missão de fazer o Leão voltar a brigar pelo título - o que ficou difícil depois da atuação na derrota por 4 a 1 para o 4 de Julho, na última segunda-feira. 

- Aqui não vai se inventar nada, vai jogar quem estiver melhor. (...) O importa é que nós necessitamos do resultado. Na minha concepção nós vamos ter que matar um leão por partida. Nós estamos determinados para isso. 

É um leão por partida para o Leão não morrer na competição... 

Nivaldo Lancuna disse que já conhece maioria dos jogadores e veio para o Flamengo em razão do convite feito pelo presidente Tiago Vasconcelos. O treinador chega "emprestado" pelo Novo Horizonte, de Goiás, clube que irá defender a partir do segundo semestre. 

Para apresentar o treinador na manhã de hoje, no estádio Miguel Lima, em Timon (MA), o clube abriu uma exceção na "lei do silêncio" que já dura uma semana. Os jogadores seguem proibidos de dar entrevista. 

- Nós temos que nos empenhar bastante, nos posicionar. (...) Não é porque perdeu de quatro que nós vamos baixar a cabeça. Nós vamos trabalhar. 

River usará concentração para vencer o Vitória; Leão não mete medo

Foto: Victor Costa / River AC

- O futebol é um jogo que exige alta contentração. Na hora que você tem a bola, quando você não tem a bola. A equipe que tem um poder de concentração maior executa melhor todos os aspectos do jogo. 

É nessa concentração que o técnico Eduardo Hungaro aposta para aproveitar os detalhes e surpreender o Vitória (BA), hoje (29), às 19h15, no Lindolfo Monteiro. O River tentará fazer um bom resultado para levar vantagem no jogo de volta, marcado para o próximo sábado, em Salvador (BA). 

O Vitória embarcou na noite de ontem na capital baiana com um status no mínimo interessante: é o time de melhor aproveitamento na temporada do futebol brasileiro, segundo levantamento do site UOL. 

Em 18 jogos, a equipe comandada por Argeu Fucks venceu 15, empatou dois e perdeu apenas um - justamente na Copa do Nordeste, 4 a 2 para o agora eliminado Botafogo (PB). 

Dessas partidas, oito foram pelo Campeonato Baiano, torneio no qual o rubro-negro é o único time com 100% de aproveitamento. 

Junte isso a mais três vitórias e um empate na Copa do Brasil. 

O River pode temer o Vitória por outras coisas, não por isso. Estatísticas são boas no papel. 

Na prática, o adversário de maior expressão que o Vitória enfrentou foi o Vasco, pela Copa do Brasil. Nem o forte time do Bahia o rubro-negro enfrentou ainda - o que é bem diferente de fazer 6 a 1 no  Flamengo de Guanambi.

Ainda assim, é preciso mesmo ter concentração e aproveitar os detalhes contra um time que tem Cleiton Xavier e Kieza.

É possível cantar de Galo. O Leão não mete medo, mas é Leão. Todo cuidado é pouco. 

River x Vitória (BA)
Copa do Nordeste 2017 - Quartas-de-final (ida)
29/03/17 - 19h15 - Lindolfo Monteiro 

Ingressos:
Geral - R$ 20
Arquibancada - R$ 30
Cadeiras - R$ 50

Postos de venda:
Antecipado - Lojas Noroeste, SOS Farmácia, Eromed, Centro Musical e Sportiva.
No jogo - bilheterias do Lindolfo Monteiro após 12h

Troféu da zoeira: Rodrigo Tiuí é eleito o 'pior' do treino do River

Foto: Victor Costa / River AC

Véspera de jogo importante pela Copa do Nordeste e os jogadores do River poderiam estar tensos, pensando no confronto contra o Vitória (BA), na quarta-feira (29), no Lindolfo Monteiro. Mas o técnico Eduardo Hungaro inventou algo para descontrair o elenco tricolor. 

Pior para Rodrigo Tiuí, que virou alvo da zoação dos colegas de time. Após o treino recreativo da manhã de hoje (28), o artilheiro foi escolhido pelos outros jogadores para levar o troféu de pior do rachão. Todo mundo, é claro, levou na esportiva, inclusive o Tiuí.

Hungaro explicou a realização da brincadeira: 

- É importante criar um ambiente de alegria, de leveza nestes minutos que antecedem o jogo. (...) É uma brincadeira muito saudável que eles estão abraçando. Nem sempre vai ter rachão, nesse caso foi possível, mas muitas vezes em véspera de jogo eu não dou rachão, já expliquei para eles. E sempre que for possível vai ter isso. 

Agora se Tiuí fizer o gol da Vitória no jogo desta quarta, será ele que poderá tirar onda. Os riverinos estão torcendo por isso. 

Altos anuncia Paulinho Kobayashi como novo treinador

Foto: E5+

Kobayashi em 2013, quando comandou a Portuguesa Santista

Paulinho Kobayashi, ex-jogador do Santos e hoje treinador, foi anunciado como novo técnico da Associação Atlética Altos. Com chegada prevista para a noite de hoje, ele será apresentado aos jogadores no treino desta quarta-feira (29). 

Kobayashi estava no São José de Ribamar, disputando o Campeonato Maranhense. O time chegou a ser semifinalista do 1º Turno, mas foi eliminado pelo Cordino, que vai decidir o título com o Imperatriz. 

O acerto com o treinador foi confirmado pelo presidente do Altos, Warton Lacerda, que aguarda a chegada de Kobayashi por volta das 20h. Ele irá substituir Ruy Scarpino, que deixou do cargo após a derrota por 2 a 1 para o Parnahyba, na decisão do 1º Turno do Estadual. 

Dirigente comenta súmula do jogo
Warton Lacerda também comentou as citações feitas pelo árbitro da decisão do 1º Turno entre Altos e Parnahyba. Leonardo Marques escreveu que o dirigente foi ao vestiário da arbitragem e proferiu ofensas em tom de ameaça. 

- Ele colocou muita coisa na súmula. Fui duro e falei algumas coisas. Mas bola pra frente. Não vão voltar atrás. Já prejudicaram meu time. Pena que só o clube sai prejudicado. Já foram inclusive afastados, mas não voltam atrás. Estou muito triste com isso. Trabalhei muito e fazem isso. Mas vamos em frente. 

Altos estreia no returno do Campeonato Piauiense somente na quinta-feira, dia 30 de março, em Teresina, contra o Piauí. 

 

Atualizada às 17h34 para correção do jogo do Altos

Nivaldo Lancuna é o novo técnico do Flamengo

Foto: Wilson Filho

Apenas treze horas depois de demitir Cícero Monteiro, o Flamengo anunciou, na manhã desta terça-feira (28), a contratação de Nivaldo Lancuna como treinador para sequência do Campeonato Piauiense. A apresentação do novo técnico está marcada para amanhã (29). 

Lancuna estava sem trabalho desde pedir demissão da Sociedade Esportiva de Picos, no final de fevereiro, será o terceiro técnico do Flamengo na temporada. Na época, ele afirmou que iria aguardar propostas de outros clubes até maio, quando assumirá outro compromisso no futebol goiano. 

Cícero Monteiro deixa o Flamengo com um empate no Rivengo, vitória sobre o Altos, duas derrotas para o Parnahyba e uma para o 4 de Julho, ontem à noite, por 4 a 1. 

A estreia de Nivaldo Lancuna será contra seu ex-clube. O Flamengo encara Picos no sábado (1º), às 20h, no Helvídio Nunes. 

O mundo dá voltas
Lancuna foi vice-campeão piauiense com o Altos, em 2016, e fez a equipe avançar até a terceira fase da Série D do Brasileirão. 

Mas o treinador goiano fez fama no futebol do Piauí no comando do River, com o qual conseguiu uma série de 12 vitórias consecutivas em 2000 - duas delas contra o Flamengo. 

No mesmo ano, o treinador foi acusado pelos flamenguistas de abrir o jogo contra o 4 de Julho no triângular decisivo - o time tricolor vencia por 2 a 0 e perdeu por 3 a 2. O resultado eliminou o Flamengo. 

Comissão afasta árbitro e auxiliar da final do 1º Turno do Campeonato Piauiense

Foto: Wilson Filho/Cidade Verde

A Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol do Piauí (CEAF-PI) decidiu, ontem (27), afastar o árbitro Leonardo Marques Fortes e o auxiliar Mauro Evangelista Cézar Evangelista, que trabalharam na vitória do Parnahyba sobre o Altos, na decisão do 1º Turno do Campeonato Piauiense. 

A dupla foi protagonista de um dos últimos lances de perigo do jogo. O Parnahyba vencia por 2 a 1 e Joelson fez o gol que daria o empate para o Altos, mas o auxiliar apontou impedimento e o gol foi anulado. As imagens de TV mostram que um jogador do Tubarão dava condição de jogo ao atacante do Jacaré. 

Em nota, a comissão de arbitragem reiterou os esforços feitos na capacitação dos apitadores e que "confia na honestidade de todos os árbitros e não duvida da lisura desses profissionais nas suas atuações". Informou ainda que está de posse das imagens do jogo, que serão analisadas para "dirimir possíveis dúvidas ou questionamentos que geraram polêmicas."

"Até lá, o árbitro e o assistente nº 1 ficarão afastados", acrescenta a nota.

José Steifel, presidente da comissão de arbitragem, confirmou que os dois estão afastados por tempo indeterminado. Lembrou que os dois nomes estão entre os melhores do quadro piauiense e que houve investimento recente em capacitação dos apitadores. Mesmo assim, considera que houve uma "desatenção" no momento do lance.

Ouça a entrevista do presidente da comissão de arbitragem veiculada no Acorda Piauí, desta terça-feira (28).

 

River confirma acerto com atacante Rafamar e corre para inscrever jogador

Foto: Caldense FC

O presidente do River, Elizeu Aguiar, confirmou as negociações com o atacante Rafamar, que estava até semana passada na Caldense (MG). 

Segundo a imprensa de Poços de Caldas (MG), Rafamar não se firmou no time comandado pelo técnico Thiago Oliveira e estava infeliz no clube, que resolveu rescindir o contrato com o atacante. 

A preocupação do River na busca pelo reforço é a possibilidade de Viola desfalcar o time quando for suspenso com três cartões amarelos. Rafamar chega para ser o substituto do artilheiro do Galo na posição.

Elizeu Aguiar afirma que o clube tenta trazer o jogador a Teresina ainda hoje (28) ou no máximo até quarta-feira (29), quando o River enfrenta o Vitória (BA) pela Copa do Nordeste. Como não tem treinado com o grupo, ele não deve estrear agora. 

O River também corre contra o tempo para regularizar o jogador, que pode ser o último reforço para as competições em andamento. O prazo para inscrever atletas na Copa do Nordeste acaba hoje. Já para o Campeonato Piauiense, é preciso dar entrada no registro até quarta-feira, para que o nome possa ser publicado no boletim diário da CBF até sexta-feira (31), prazo final de inscrição.

 

Flamengo 1x4 4 de Julho - raio-x rubro-negro

Foto: Wilson Filho/Fla-PI

A análise sobre a situação do Flamengo é simples, muito simples. 

O time começou bem o Campeonato Piauiense. Demonstrava até forças para brigar pelo título. A equipe titular era boa. Faltavam opções no banco de reservas. 

O técnico Celso Teixeira, que voltou ao clube com o discurso de que tinha uma dívida com a torcida de sua passagem anterior, recebeu uma proposta do Treze (PB) e foi embora. Jogadores indicados por ele foram saíndo aos poucos. 

Quando você está na pré-temporada e os jogadores estão sem clube, fica mais fácil contratar. 

Quando você precisa buscar jogadores com os torneios em andamento, só encontrará os que já saíram por algum motivo - em alguns casos demitidos por não terem rendido o esperado. E time que quer ser campeão vai buscar mesmo bons jogadores - que em sua maioria estão empregados. 

Para contratar jogadores que já estão empregados, é preciso oferecer mais dinheiro - coisa que o Flamengo não tem. O clube já impôs um teto salarial ainda na pré-temporada. Difícil conseguir encontrar nomes mais baratos com qualidade. 

Parte dos reforços contratados só viu a partida de hoje nas cadeiras porque a regularização ainda não saiu. Nessa toada, o goleiro reserva tinha apenas 16 anos. 

Apresentado esse contexto, o Flamengo fez o que pôde contra o 4 de Julho. Fez muito, até. Teve chances de gol, correu, foi atrás. Acertou até bicicleta, mas parou no goleiro colorado. 

A inscrição de jogadores no Campeonato Piauiense termina nesta semana e o Flamengo não tem muito a fazer. Tem mais cinco partidas pela frente e ainda vai buscar um novo treinador para tentar arrumar o time. Se avançar para as semifinais nessas condições adversas, terá feito muito. 

Ao torcedor, ao rubro-negro de verdade, o melhor no momento é ajudar e entender ao invés de bater. O Flamengo faz o que pode com os recursos que tem. 

Arbitragem relata ter sofrido ofensa e ameaça do presidente do Altos: 'o seu tá guardadinho'

Fotos: Wilson Filho/Cidade Verde

Atualizada em 28/03/17, às 14h38

Após a vitória do Parnahyba sobre o Altos por 2 a 1, na decisão do 1º Turno do Campeonato Piauiense, o presidente do clube altoense, Warton Lacerda, teria partido em direção ao trio de arbitragem para agredí-lo e foi contido por policiais. É o que relatou em súmula o árbitro da partida, Leonardo Marques Fortes. 

A revolta de Lacerda se deu por conta de um gol mal anulado no final do segundo tempo. Joelson marcou e poderia ter empatado a partida, o que levaria a decisão para a prorrogação com vantagem do empate para o Altos. Mas o auxiliar Mauro Cézar Evangelista de Sousa marcou impedimento no lance. As imagens de TV mostram que um jogador do Parnahyba dava condição a Joelson. 

Leonardo Marques relatou na súmula que Warton Lacerda foi ao vestiário dos árbitros  "com a clara intenção de nos agredirnos" (sic). O juiz do jogo ainda citou ofensas que teriam sido ditas pelo dirigente ao auxiliar que assinalou impedimento no gol de Joelson, além de uma frase em tom de ameaça: "Mas eu sei o teu caminho pode aguardar que o seu tá guardadinho". 

Ainda de acordo com a súmula, o presidente só teria deixado as proximidades do vestiário com a chegada da polícia. 


Ao longo do jogo, era possível ver Lacerda em pé no alambrado do setor de cadeiras, em alguns momentos até subindo no batente para gritar com seu time. No fim da noite, após a derrota na final, o presidente reuniu a diretoria e decidiu demitir o técnico Ruy Scarpino. 

O Cidadeverde.com tentou falar com Warton Lacerda, durante a segunda-feira, mas os telefonemas não foram atendidos. Em seu perfil no Facebook, o dirigente escreveu ainda ontem:

- Assim não fica difícil, fica impossível! ! Será possível que todo ano temos que lutar contra tudo e contra todos?

O presidente comentou o assunto nesta terça-feira, ao anunciar o novo treinador. 

Invasão
Na súmula da partida, Leonardo Marques relatou ainda a invasão de torcedores do Parnahyba ao final do jogo. Um grupo pulou o alambrado e teve acesso ao gramado. Além disso, foi possível ver foguetes e sinalizadores no estádio, o que é proibido.

Posts anteriores