Cidadeverde.com

Parnahyba evita escolher adversário: 'a preferência é que a gente ganhe o turno'

O regulamento do Campeonato Piauiense já permite definir como será a final do 1º Turno. Se o River vencer o Altos, vai decidir o título com o Parnahyba fora de casa. Se der Jacaré, a decisão será em Teresina, onde o clube altoense tem mandado seus jogos. 

Além de decidir em casa, o clube mandante terá a vantagem do empate na prorrogação para ser campeão - placar igual nos 90 minutos provoca o tempo extra. 

Para o Parnahyba, pode parecer meio óbvio que seja melhor enfrentar o River em casa e ter a vantagem do empate do que voltar a Teresina precisando vencer o Altos. Mas na hora da pergunta, ninguém do Tubarão pensou assim. 

Fotos: Fábio Lima/Cidade Verde

Luciano entrou no segundo tempo contra o Flamengo

Quem encabeçou o discurso foi o experiente Luciano. 

- É complicado os dois. Não dá para escolher. Nem se pudessemos escolher, as duas equipes são adversários que impõem um respeito a nossa equipe. Todos dois são fortes. 

Autor do gol da Vitória, Gilmar também evitou sair do muro. 

- Qualquer um dos dois que vir vai ser um jogo bom, e eu tenho certeza que o Parnahyba está focado para essa final. (...) Eu acho que esse negócio de jogar em casa ou fora de casa, eu mesmo, particularmente, não tenho essa preferência. A nossa equipe está focada no campeonato para jogar dentro ou fora de casa.

O técnico Fernando Tonet endossou o respeito aos dois adversários, que contam com plantéis maiores que o do Parnahyba e se reforçaram para as disputas da Copa do Brasil e Copa do Nordeste. 

- A preferência é que a gente ganhe o turno, que vença. Independente do adversário, são dois adversários de muita qualidade. Basta ver a campanha do River na Copa do Nordeste e do Altos na Copa do Brasil.