Cidadeverde.com

Judô: Reigiane é bronze; Marília fica em 5º e Dyego termina em 7º nos JUBs

A manhã de sábado (13) em Blumenau/SC não foi como os judocas piauienses esperavam. Quem não foi para o pódio, esperava mais. Quem medalhou, sentiu que podia mais.

Rodrigo Emanuel Philipps/Getty Images/COB

Estudante de Direito na Uespi, Marília Ramos (-57kg) é estreante em Olimpíadas Universitárias e não gostou do quinto lugar. Ela perdeu a disputa de bronze para Fabiana Oliveira, de São Paulo:

- Na primeira luta eu não esperava ter perdido. Peguei uma chave mais fácil. Acabei vacilando (perdeu na estreia para Tamaizo Cunha/DF). Depois, me recuperei na repescagem e fiz final com uma atleta muito forte. Poderia ser melhor (estreia em JUBs) - disse a judoca, que disputa o Brasileiro Sênior em Minas Gerais no fim do mês.

Dyego Brito (-66kg) é tão franco nas palacras como no tatame. Ele venceu a estreia, mas perdeu a luta seguinte contra Alex Pombo, de São Paulo, e a repescagem com Marco Mazzom, de Pernambuco. Em nenhum momento fugiu da luta:

Fábio Lima/Cudadeverde.com
 

- Treinar para mim é treinar de verdade. E não está dando para treinar (da forma ideal). Isso não é desculpa para a minha derrota. Mas tenho treinado mesmo duas vezes por semana - contou o judoca, que divide tempo ainda com o emprego e o curso de Administração na FAR. Ele teve a ajuda dos dois para viajar.

E mesmo estando fora do ideal, Dyego preferiu lutas francas a arrastar o confronto com atletas mais fortes para tentar um lance de sorte. Ele já se vê mais respeitado entre os atletas de outros estados:

- Já que enfreitei todas essas dificuldades para estar aqui, vamos de cara para ver no que dá. O espírito é esse!

Competindo pela Unisul, de Santa Catarina, a piauiense Reigiane Silva (-52kg) conquistou a medalha de bronze. Ela foi vice-campeã no ano passado, em Fortaleza/CE. A derrota para a adversária do Rio Grande do Norte foi considerada uma surpresa. 

Fernanda Araújo é prata nos 100 metros

Jânio Silva/Faep

Na pista de Timbó/SC, a velocista piauiense Fernanda Araújo conquistou a medalha de prata nos 100 metros rasos. A prova foi disputada na manhã deste sábado (13), e a medalha foi a terceira do Piauí nas Olimpíadas Universitárias 2010 - Hayssa Ewellin e Francinaldo Segundo conquistaram bronze no Judô.

Na decisão, Fernanda Araújo fez 12seg18 contra 12seg08 de sua principal rival, Bruna Jéssica Farias, de Alagoas. No ano passado, a piauiense perdeu a mesma prova para a alagoana, mas devolveu a derrota nos 200 metros. A revanche está marcada para a manhã de domingo. 

Fernanda Araújo ainda disputou provas do Heptatlo na manhã deste sábado. A atleta desistiu do esforço para se concentrar nos 200 metros rasos. 

Foi a sexta medalha da corredora em Olimpíadas Universitárias - três em 2008 e duas em 2009.

Na tarde de hoje, Iara Honorato, de Piripiri, disputa os 5 mil metros.

Este pé vai entrar no tatame hoje...

Foto: Fábio Lima/Cidadeverde.com
 

Ontem postei a foto de um pezinho devidamente protegido contra o frio de Blumenau/SC. A dona luta na tarde deste sábado (13) no ginásio Galegão, e fará sua estreia em Olimpíadas Universitárias.

Sarah Menezes (-48kg) é o principal nome do torneio deste ano. Bronze no Mundial de Judô disputado em setembro no Japão, ela é a sexta no ranking mundial. O currículo a coloca como destaque da competição acadêmica.

Além da bicampeã mundial Sub-20, que enfrenta Bruna Vilhena, do Pará, no primeiro confronto, luta na tarde de hoje Samuel Azevedo (-60kg). O piauiense encara Denis Nagahama, do Paraná, na primeira rodada.

Na categoria Absoluto (independente de peso), o sorteio foi realizado no final da tarde de ontem, após confirmação dos atletas inscritos. Bronze na acima de 100kg, Francinaldo Segundo encara Kléber Ramalho, do Paraná, que ontem faturou a mesma medalha. Já Hayssa Ewellin, bronze na até 70kg, enfrenta Luciana Mazetto, de Santa Catarina, bronze na acima de 78kg.

Camila Noronha faz final inédita na Natação

A nadadora Camilla Ravenna Noronha fez o terceiro melhor tempo dos 50 metros livre neste sábado (13). O resultado garantiu a piauiense na final da prova das Olimpíadas Universitárias hoje à tarde, na piscina da Fundação Universidade Regional de Blumenau/SC - FURB.

Camila Noronha foi a segunda colocada em sua série com 28seg62. As finais começam às 17h30min. Em 2009, ela disputou finais nos nado costa e borboleta.

A piauiense já esperava pelo seu tempo, mas acreditava que as adversárias nadassem na casa dos 27 segundos. O melhor tempo da sua carreira na mesma prova é de 27seg88, no ano passado. 

Se a posição de Camila se repetir na final, ela fica com a medalha de bronze. Ela sabe que muitas competidoras guardam suas forças para a decisão de medalha, mas promete se empenhar.

Max Sousa também nadou na manhã de hoje. Foi o quinto na classificatória dos 50m peito com 34seg28, tempo insuficiente para disputar a final.

Piauiense defende Santa Catarina no Judô

Foto: Fábio Lima/Cidadeverde.com

Reigiane Silva (-52kg) pode reencontrar antigos colegas de treino na tarde de ontem. Ela acompanhou as lutas do Judô no ginásio Galegão, em Blumenau/SC, onde irá competir neste sábado, e viu atletas da delegação piauiense, além de seu antigo técnico, Expedito Falcão.

A judoca piauiense foi prata nas Olimpíadas Universitárias de 2009, em Fortaleza/CE, defendendo a Unisul, de Santa Catarina, que lhe dá bolsa de estudos e estrutura completa para treinamentos. Agora, a atleta compete "em casa", se podemos assim dizer. Seus confrontos estão marcados para a manhã de hoje.

Marília e Dyego lutam neste sábado

Foto: Fábio Lima/Cidadeverde.com

Mais dois judocas entram no tatame neste sábado (12) no ginásio Galegão, em Blumenau/SC. Fora dos holofotes do torneio, Marília Ramos (-57kg) e Dyego Brito (-66kg) querem surpreender e subir no pódio das Olimpíadas Universitárias.

Estudante de Direito, Marília Ramos é estreante em Olimpíadas Universitárias. Ela detém várias medalhas nas edições dos Jogos Escolares, além de pódios em sul-americanos das categorias de base. 

Dyego Brito disputa os JUBs depois de não conseguir o mesmo pela FTC, da Bahia, onde ficou por dois anos. De volta ao Piauí, ele subiu uma categoria e pretende retomar posição de destaque na modalidade.

Fernanda Araújo fará a final dos 100m rasos

A velocista Fernanda Araújo obteve o segundo melhor tempo da classificatória para os 100 metros rasos - 12seg20 contra 12seg20 de Bruna Farias, de Alagoas, que disputou a mesma série. Na manhã de sábado (13), ela corre na pista de Timbó/SC em busca do título nas Olimpíadas Universitárias.

Fernanda Araújo ainda fará quatro provas do Heptatlo: 100 metros com barreiras, salto em altura, arremesso de peso e 200m rasos. Ela também está inscrita nos 200 metros rasos, prova marcada para domingo.

Detentora de cinco medalhas em Olimpíadas Universitárias, a principal atleta do Piauí em número de conquistas no evento poderá alcançar a marca de oito pódios em três participações.

Na tarde deste sábado, Iara Honorato, da Chrisfapi, de Piripiri, corre os 5 mil metros. 

É bronze: Hayssa perde a camisa, mas não a luta nas Olimpíadas Universitárias

Faep

O confronto contra Gliceuma Lima, do Mato Grosso do Sul, só foi resolvido no golden score, a luta de desempate. A judoca piauiense Hayssa Ewellin (-70kg) foi melhor nos cinco primeiros minutos, mas a luta temrinou empatada. Nos três minutos seguintes, ela aplicou um Ippon e venceu.

Só a camisa vai ficar no ginásio Galegão, palco do Judô nas Olimpíadas Universitárias, em Blumenau/SC. A blusa branca que a judoca usava debaixo do quimono rasgou durante a luta, e precisou ser trocada antes de iniciar o desempate.

Na semifinal, Hayssa Ewellin perdeu para a catarinense Ariana Alberti. Levou um yuko faltando cinco segundos para o fim e deixou para trás a chance do bicampeonato. Na disputa pelo bronze, venceu fácil Helda Paula Silva, de Pernambuco, com Ippon.

- A primeira luta eu fui mais ou menos. Dava para ser melhor. A segunda foi horrível. Não consegui fazer nada que eu queria fazer. Na terceira, a gente entra com tanta raiva depois de ter perdido... - disse Hayssa, estudante de Educação Física da faculdade Aliança, decepcionada com o resultado. 

Foi o segundo bronze do dia para o Piauí. Francinaldo Segundo (+100kg) conquistou a medalha pela manhã. Os dois serão os representantes do Estado no torneio Absoluto (independente de peso) na tarde de sábado.

Posts anteriores