Cidadeverde.com

Todo mundo no clima de Vancouver 2010

Corporal Colin Aitken


Todo mundo mesmo...

Esse aí é um muskox, bovino típico do ártico, posicionado no lobby do aeroporto pronto para receber turistas e delegações para os Jogos Olímpicos de Inverno. A festa começa em menos de um mês.

Mais nomes para o Parnahyba

O Parnahyba entrou em contato com o blog, que havia entrado em contato com a diretoria do clube, para ratificar e retificar as contratações.

"Até o momento apenas o atleta Leto, ex-América de Natal, meia-esquerda armador, assinou com o Parnahyba Sport Clube. Além dele, chegaram a Parnaíba e assinarão nesta sexta-feira (15): Marcelinho (meia-armador), vindo do Ferroviário de Fortaleza, e o goleiro Beto (ex-Flamengo), que chegou de Alagoas. Estão sendo esperados, nas próximas horas, os atacantes Belo e Da Silva, que já jogaram pelo Tubarão. Oito jogadores da base foram promovidos pelo técnico Oliveira Canindé, que vão compor o time com Totonho (volante), Gilmar Baiano (zagueiro), Idelvandro (meia/lateral) e Gilcley (atacante). Para fechar o elenco, ainda se espera um zagueiro e um meia de marcação."

Falei antes aqui em Erivaldo do futebol alagoano. Pois esqueçam, pelo menos por enquanto.

Obrigado ao Lee Cavalcante pelas informações mais precisas.

Mistério no Boca Juniors

Você sabia que o uniforme do Boca Juniors é azul e amarelo por conta de um navio sueco que ancorou em Buenos Aires na época de sua fundação, lá por 1905?

Pois bem. Nesta semana, na sala de imprensa da Bombonera, foi colocada uma caixa de madeira, com porta transparente e repleta de bolinhas azuis e amarelas, e a frase "Tome cuidado, Suécia" acompanhada do número 1905.

A marca da Nike discretamente posicionada, e a caixa do tamanho de um manequim, deixam claro que este segredo trancado com senha e tudo mais seja o novo uniforme do time. Há até promoção para quem acertar o segredo do cofre. O prêmio é uma camisa oficial do 105º aniversário do clube.

O mistério só termina na próxima quarta-feira, no clássico contra o River Plate. O fato é que torcedores na Argentina não aguentam esperar tanto, e especulações é o que não faltam sobre como será o novo uniforme vestido por Riquelme e companhia.



Goleiro Kapango rima com... Frango!

O jogo pela Copa Africana de Nações era Moçambique e Benin. Pouco mais de cinco minutos para o fim da partida, que está empatada em 2 a 2.

O goleiro João Raphael Kapango se abaixa para só agarrar a bola após um chute fraco, e tenta uma cambalhota capenga. E...



... E quase o Kapango leva um frango! Com rima e tudo!

Kapango tentou coisa que só o colombiano Higuita conseguiria, e está longe de aparecer alguém como ele.


Seis anos sem Zé Ribas e Assis

Passou batido pelo blogueiro, perdão.

No dia 12 de janeiro de 2004, o Flamengo e o futebol piauiense perdiam o atacante Zé Ribas e o meia Assis, em grave acidente na rua Magalhães Filho com a avenida Pernambuco.

Além da colisão com um ônibus, Assis foi atropelado por outro veículo semelhante. Os dois jogadores morreram na hora.

Na época, o então campeão piauiense Flamengo se preparava para disputar a Copa do Brasil. Perdeu os dois primeiros jogos para o Vasco.

Parnahyba terá ex-atacante do Barras

Os reforços começam a chegar ao litoral.

O goleiro Beto, campeão piauiense pelo Flamengo, chega na tarde de hoje.

 
Gilmar Baiano e Leto, dois dos nomes anunciados no Tubarão

Já estão com contrato assinado e sentindo o vento da praia os zagueiros Gilmar Baiano, remanescente da temporada passada, e Erivaldo, que vem do futebol alagoano.

Chegaram também o meia Leto, que defendeu a Portuguesa/SP e teve passagem recente pelo Guarany de Sobral/CE, e os atacantes Da Silva e Gilcley, que esteve no Barras em 2008, ano do primeiro título estadual.

Ciro Nogueira discorda da saída do River

Ex-presidente do River, deputado federal, torcedor presente em boa parte dos jogos do tricolor, Ciro Nogueira Filho não escondeu no Twitter a decepção com a saída do time do Campeonato Piauiense.



Ignorem o erro de digitação do deputado. Além de correria, é irritação pela notícia.

Perguntei a ele se concordava com a decisão da diretoria, e se havia sido consultado sobre tal posição. A resposta foi:



Ou seja, discorda dos colegas de clube, inclusive do colega de bancada, deputado Elizeu Aguiar (PTB). Mas sua opinião, agora, não resolverá nada.

Zilda Arns também foi atleta, e campeã

Márcio Rodrigues/Coca-Cola
A doutora Zilda Arns foi uma das condutoras da tocha olímpica de Atenas, quando a mesma passou pelo Rio de Janeiro em junho de 2004. Seu nome foi um dos que integraram a lista de convidados de um dos patrocinadores do evento.

- Foi uma oportunidade de levar o fogo do amor, da fraternidade, uma soma de esforços para a paz, por um mundo mais justo e solidário - declarou na época.

Zilda Arns também competiu quando jovem. Mais que isso, foi campeã. Ela revelou seus títulos em entrevista concedida para a revista Caras no ano de 2007.

- Nunca fui de ficar parada, desde a juventude. Fui campeã estadual de vôlei aos 16, 17 e 18 anos, e campeã de tênis de mesa.

O Comitê Olímpico Brasileiro divulgou nota de pesar nesta quarta-feira pela perda da fundadora da Pastoral da Criança, e três vezes candidata ao prêmio Nobel da Paz.

Deus me livre da lâmpada do Adriano...

Wander Roberto/Vipcomm


A queimadura que Adriano sofreu no final de novembro, que disseram ter sido de moto e ele afirmou ter sido provocada por uma lâmpada de jardim, até hoje pertuba o jogador.

Mais de um mês depois, a bolha no pé do cara ainda está desse jeito. Olha que troço feio! Eu, se fosse ele, tirava todas essas lâmpadas e deixavam o jardim no escuro mesmo...

Estrear contra o Duque de Caxias no campeonato estadual, neste domingo, nem pensar...

Posts anteriores