Cidadeverde.com
Política

Alepi homenageia fisioterapeutas, que pedem inclusão no PSF

Imprimir
Os fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais ganharam, hoje (16), homenagem em sessão solene na Assembleia Legislativa pelo seu dia (13 de outubro). Representantes da categoria pediram aos deputados estaduais apoio para inclusão dos profissionais no Programa Saúde da Família (PSF), a definição de um piso salarial e ampliação da rede de reabilitação estadual para todos os municípios piauienses.


O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (PMDB), que requereu a realização da sessão solene, convidou para a mesa de honra, dentre outros, o presidente do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 6a Região (Piauí e Maranhão), Ricardo Lotiff, o representante do Conselho Federal de Fisioterapia junto ao Conselho Nacional de Saúde, Marcelino Martins, e o secretário da Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid), Helder Jacobina.


Ao saudar os fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais, Themístocles Filho disse que foi com satisfação que requereu a realização da sessão solene. "Tenho apreço especial  pelos fisioterapeutas porque precisei dos serviços desses profissionais que souberam com competência aliviar o meu sofrimento", assinalou ele.


Themístocles Filho, que manifestou apoio às reivindicações da categoria, declarou que os fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais têm o reconhecimento da sociedade devido aos relevantes serviços prestados à população. Ele acentuou que "estaremos atentos para viabilizar o crescimento e o fortalecimento da rede de habilitação do Piauí, prestigiando essa categoria".


Em seguida, o fisioterapeuta Marcelino Martins disse que sua categoria realiza um magnífico trabalho, levando mais alegria aos lares piauienses e de todo o Brasil, minimizando os males que atingem a população. Ele pediu o apoio dos deputados para que todos os municípios do Estado ganhem centros de reabilitação.


A vice-presidente do Conselho Regional de Fisioterapia, Luciane Feijó, agradeceu a homenagem prestada pela Assembleia Legislativa e disse que no Brasil existe necessidade de 60 mil terapeutas ocupacionais, mas o país conta com apenas 13 mil profissionais.


O presidente do Conselho Regional de Fisioterapia, Ricardo Lotiff, declarou que os fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais precisam ter um piso salarial aprovado em lei e pediu aos deputados que lutem para que os profissionais sejam incluídos no Programa Saúde da Família (PSF). Ele agradeceu ao presidente Themístocles Filho e a todos os parlamentares a realização da sessão solene.


Fonte: Alepi
Imprimir