Cidadeverde.com
Cidades

Tribunal de Contas bloqueia as contas de Redenção do Gurguéia

Imprimir
A Primeira Câmara do Tribunal de Contas(TCE) reprovou, durante sessão realizada na manhã desta terça-feira (22), as contas de Governo da Prefeitura de  Redenção do Gurguéia. O TCE determinou a aplicação de  uma multa no valor de 2 mil UFRs , ao ex-prefeito, Moaci da Rocha Amorim. O processo refere-se à prestação de contas do ano de 2010. Na mesma sessão, o TCE determinou a aplicação de multa de 200UFRs, por irregularidades nas contas de gestão, do mesmo período.


Em relação à Prefeitura de Redenção do Gurgueia, também foram aplicadas multas de 200UFRs,  após os conselheiros julgarem pela regularidade com ressalvas, as prestações de contas da FMS, FMAS, Hospital e  da Câmara de Vereadores. Já a prestação de contas do Fundeb foi julgada irregular e uma multa de 200UFRs foi aplicada a Maria Salvadora Ribeiro Barbosa, responsável pela gestão. Para o cálculo do valor das multas, é utilizada a UFR (Unidade Fiscal de Referência do Piauí), que  vale R$ 2,40.

Os processos de julgamento de contas de gestores da Superintendência de Desenvolvimento Urbano de Teresina(SDU) Marco Antonio Ayres e José Antônio Machado Sobral e da Prefeitura de Piripiri, foram adiados.


Fonte: TCE
Imprimir