Cidadeverde.com
Últimas

Por mês, 80 mil piauienses vão para Serasa por débito com a conta de energia

Imprimir

 

Por mês, a Eletrobras lança no cadastro do Serasa mais de 80 mil clientes ao mesmo tempo em que realiza 20 mil cortes no serviço. A inadimplência junto ao órgão chega a R$ 221 milhões, montante calculado até o mês de outubro. O valor equivale a 1,43 faturas em aberto para cada consumidor do Estado. 

Rafaela Moreira, assistente da Diretoria Comercial da Eletrobras, explica que antes da suspensão do fornecimento de energia, a empresa informa reiteradamente o débito ao consumidor. 

"Em primeiro momento, fazemos a telecobrança, ou seja, ligamos para os consumidores informando o débito. Também trabalhamos com a negativação junto aos órgãos de proteção de crédito, o Serasa e o Cadim. Em segundo momento, fazemos os cortes e em casos mais extremos, trabalhamos com ações de cobranças judiciais", disse Moreira. 

Ela ressalta ainda que, em caso de débitos, o consumidor deve procurar a Eletrobras para o parcelamento da dívida. 

"A empresa oferece o parcelamento da dívida com valores pequenos de entrada. Além disso, o consumidor pode parcelar o débito por meio do call center ligando para o 0800 086 0800 e fazer a negociação", finaliza assistente da Diretoria Comercial da Eletrobras.

Além dos consumidores residenciais, 27 prefeituras no Piauí tem faturas atrasadas totalizando mais de R$ 15 milhões. 


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com
Com informações Notícia da Manhã

Imprimir