Cidadeverde.com
Entretenimento

Motorista particular de Kim Kardashian é um dos presos por assalto

Imprimir

Fonte: Instagram


Esposa de Kanye Weste teve joias roubadas em 3 de outubro de 2016

 


O episódio do assalto que Kim Kardashian sofreu em 2016 ganhou um novo capítulo. O motorista particular da socialite está entre as 17 pessoas que foram presas na última segunda-feira (9).


O condutor de veículo trabalhou para uma empresa de luxo que prestava serviços à família da famosa quando algum parente da esposa de Kanye West estava em Paris, na França.


Segundo o jornal "Daily Mail", as autoridades francesas confirmaram que o rapaz teria conhecimento de toda a rotina da estrela do reality "Keeping Up With The Kardashians", do canal E!, durante a viagem.


A polícia prendeu 14 homens e três mulheres, com idades de 23 a 73 anos, entre autores materiais do roubo e intermediários, que estariam envolvidos na revenda das joias roubadas de Kardashian.


Na ocasião, os bandidos levaram um anel e um cofre com joias. Este é considerado o maior roubo de joias da França em mais de duas décadas.


O assalto aconteceu na madrugada de 3 de outubro. Um grupo de homens armados e mascarados entrou na residência onde Kardashian se hospedava para participar da semana de moda.

 

 

Fonte: Famosidades

Imprimir