Cidadeverde.com
Esporte

UFC: Anderson Silva pede revanches contra Nick Diaz e Michael Bisping

Imprimir

Ao contrário do ex-rival Vitor Belfort, que avisou que a próxima luta será a última de sua carreira, Anderson Silva ainda pretende lutar por mais alguns anos. E o Spider já sabe quem pretende enfrentar em seus próximos dois combates.

Através de seu Instagram oficial, o brasileiro pediu uma revanche com Nick Diaz no UFC 212, que ocorre no dia 3 de junho no Brasil, e depois avisou que pretende lutar novamente contra Michael Bisping, independente do resultado da luta do inglês com Georges St. Pierre.

“Somos três grandes profissionais, o que faz mais sentido neste momento, não é a luta dele (Bisping) com qualquer outro, mas sim comigo, independente de cinturão. Independente do show, nós nos respeitamos, uma nova luta entre nós seria um grande combate de cavalheiros”, comentou Silva, postando uma foto do inglês usando uma camisa com seu nome.

Em relação a Nick Diaz, Spider explicou que pretende enfrentá-lo enquanto espera por Bisping, para tirar qualquer dúvida que ficou no primeiro duelo entre os dois, ocorrido no UFC 183, em janeiro de 2015.

Na ocasião, Anderson venceu por decisão unânime, mas foi flagrado no exame antidoping (Diaz também) e a luta acabou ficando oficialmente sem resultado.

“…Até porque com o Nick, foi um No Contest, temos história pra contar, te espero no Brasil. E aguardo você Sr. Bisping, depois da sua luta com GSP. Exterminar de uma vez por todas esta dúvida dos fãs sobre quem realmente venceu”, provocou.

No primeiro confronto entre Silva e Bisping, a vitória do inglês por decisão foi contestada após ele sofrer um knockdown no fim do terceiro round. Apesar de ter caído sem condições de luta, o árbitro resolveu seguir com o combate, mesmo após Anderson comemorar a vitória. No fim, o triunfo acabou sendo do atual campeão dos médios.


Fonte: Superlutas

Imprimir