Cidadeverde.com
Destaques da TV

Alunos relatam medo após constantes assaltos na UFPI

Imprimir

Os estudantes da Universidade Federal do Piauí (UFPI) estão inseguros diante dos constantes assaltos que estão ocorrendo em paradas de ônibus do campus Ministro Petrônio, na zona Leste de Teresina.

O universitário Abimael de Moura Costa é uma das vítimas recentes de roubo de celular dentro do campus. "Em menos de dois minutos assaltante pediu meu celular e depois foi embora", conta o estudante.

Até quem nunca foi assaltado tem medo de esperar ônibus na universidade. "A gente sempre fica com receio", relata Andrea Soares.

Dados apontam que houve 42 ocorrências de roubo de celular somente em 2016 na Ufpi. Para coibir a situação, a universidade pretende aprimorar o monitoramente eletrônico do campus em 2017.  

No campus há 55 câmeras de segurança instaladas e mais 25 devem ser fixadas na universidade neste semestre. O chefe de Divisão de Vigilância da Ufpi, José de Ribamar Silva, conta que no campus há guardas e seguranças motorizados.

"Estamos monitorando, 24 horas, tudo que acontecer no campus

Os estudantes afirmam que o monitoramento não impede a ação dos assaltantes e pedem mais segurança. 

"Os seguranças ficam recuados e alegam que só resguardam o patrimônio", argumenta o universitário Pablo Rodrigues. 
 

Com informações da TV Cidade Verde
redacao@cidadeverde.com 

Imprimir