Cidadeverde.com
Economia

Governador recebe comissão de alfandegamento da Receita Federal

Imprimir

Na manhã desta quinta (20), o governador Wellington Dias esteve reunido com o superintendente da Receita Federal João Batista; o presidente da Comissão Regional de Alfandegamento, Jesus Ferreira; o secretário do Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, Nerinho; para tratar sobre o alfandegamento da ZPE de Parnaíba.

“A ZPE de Parnaíba já é uma realidade do ponto de vista estrutural. As obras estão próximas de seu final e chega o momento da Receita Federal fazer o processo de alfandegamento, que é a autorização de utilização de benefícios fiscais do Governo Federal na questão da exportação. 

Então é importante agora esse momento em que a ZPE demonstre que já está pronta para receber o selo de alfandegamento da receita e as empresas poderem passar a utilizar esses benefícios fiscais tão importantes”, destacou o superintendente João Batista.

O pedido de alfandegamento da ZPE já está na Receita Federal, mas o processo deve ser devolvido para reanálise para a ZPE de Parnaíba para que sejam verificadas se todas as exigências foram cumpridas. Se tudo estiver de acordo e houver uma concordância da Receita, com a aprovação de todos os requisitos, o próximo passo será o alfandegamento.

“Nós acertamos um cronograma com o desejo de concluir a última etapa da Zona de Processamento para Exportação em Parnaíba. Já temos empresas instaladas produzindo mas ainda precisa ser com os benefícios próprios da ZPE e o alfandegamento. A presença da Receita Federal é fundamental”, afirmou o chefe do executivo.

Na mesma reunião ele trataram sobre a criação de uma Redex (Recinto Especial para Despacho Aduaneiro), em Picos. A ideia foi apresentada pelo governador, reconhecendo o polo de Picos como um dos maiores resultados da receita no estado. “Queremos ampliar nossa capacidade e atingir 1 bilhão de dólares de exportação. Tudo isso gera emprego e renda”, declarou Wellington Dias.

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Imprimir