Cidadeverde.com
Economia

Veja 10 dicas da Fundação Estudar para alavancar sua carreira

Imprimir


foto divulgação

Muitos trabalhadores enfrentam dificuldades para manter seus empregos e também para gerenciar e potencializar a sua carreira. Com menos vagas e mais pessoas procurando emprego, muitos profissionais conseguem apenas "sobreviver" no mercado. O grande desafio nesse momento é pensar grande e buscar o sucesso profissional.

No livro "Cultura de excelência", o jornalista David Cohen conta histórias de jovens que passaram pela Fundação Estudar e como eles conseguiram ir atrás de seus objetivos e se destacar na carreira. O livro também conta um pouco da história da própria Fundação Estudar e seus valores.
A Fundação Estudar é uma organização sem fins lucrativos que oferece programas de desenvolvimento de carreira para jovens e financia seus estudos em universidades de primeira linha no exterior.

A fundação foi criada há 26 anos pelos empresários Jorge Paulo Lemann, Beto Sicupira e Marcel Telles. Os três estão entre os cinco brasileiros mais ricos e são acionistas de empresas como Ambev, Burger King, Lojas Americanas e Kraft Heinz.

A instituição dissemina a cultura que levou o trio de empresários a conquistar o sucesso no mundo dos negócios. Ter foco e objetvos, saber pedir ajuda e ser protagonista são algumas das ideias valorizadas pelos fundadores da Fundação Estudar e que estão reunidas por Cohen no livro.


O empresário Jorge Paulo Lemann valoriza meritocracia e metas ambiciosas; ele é o 1º do ranking de bilionários brasileiros (Foto: Felipe Rau/Estadão Conteúdo/Arquivo)

Veja abaixo 10 dicas reunidas do livro para alavancar a sua carreira:

1) Tenha metas ambiciosas

É preciso descobrir qual o seu propósito de vida e carreira – algo que requer autoconhecimento e reflexão. E este propósito deve ser traduzido em um objetivo de longo prazo, com estabelecimento de metas e prazos definidos para cada uma delas. Isso significa ter um sonho grande e persegui-lo.

2) Mantenha o foco em metas

Elas devem ser consideradas as estacas que te permitirão avaliar se você está trilhando o caminho que havia planejado anteriormente. Importante que, ao estipular estas metas, elas devem ser ousadas – mas não impossíveis.

3) Trabalhe duro

Para atingir a excelência, é preciso ser obstinado em seus esforços. Embora todo caminho tenha obstáculos, é preciso persistir. Afinal, estar sempre um pouco satisfeito nos leva à ação, ao trabalho e, consequentemente, ao resultado.

4) Encontre gente boa para te acompanhar

É preciso ter um bom time, isto é, pessoas que te complementem em suas habilidades e compartilhem dos mesmos valores. E lembre-se das trocas: é natural buscar ajuda, mas também ajudar – construindo assim relações de longo prazo.

5) Seja ético em tudo o que faz

Relações de confiança são construídas com transparência e integridade. Atalhos morais acabam levando a becos sem saída.

6) Busque gente melhor que você

Ao invés de se sentir ameaçado por pessoas com habilidades superiores à sua, conte com isso para crescer. Afinal, se não há ninguém para tomar o seu lugar, você pode ficar estagnado a ele. Quem não pode ser substituído não pode ser promovido.

7) Invista em conhecimento

Mas lembre-se que o conhecimento não deve ser um fim em si mesmo: deve, na verdade, ser uma ferramenta para a ação. E lembre-se: inovar é bom, mas antes é preciso buscar os modelos já existentes e aprender com eles.

8) Amplie suas habilidades

Não ter embasamento sobre determinado assunto não é motivo para não fazer algo. Pelo contrário: é o primeiro passo para ampliar suas habilidades. É fazendo que se aprende.

9) Seja protagonista

Atue sempre com espírito de liderança, independente do cargo que ocupa. Se é liderado, tenha espírito de dono e proponha caminhos. Se está liderando, faça isso pelo exemplo, promovendo a autonomia do time. E sempre assuma suas responsabilidades e tenha foco.

10) Provoque impacto
Só vale a pena gastar energia em coisas que ajudam a deixar sua marca, seu legado. O resultado válido é aquele que tem longo alcance, é a obra que fica de pé sem depender da sua presença.

 

Fonte: G1 

Tags: dicasemprego
Imprimir