Cidadeverde.com
Geral

Alunos do Programa Cidade Olímpica farão lançamento de foguetes neste sábado (20)

Imprimir


Créditos: ascom/semec


Estudantes de escolas municipais de Teresina estão participando da 20ª edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), que desafia jovens de escolas públicas e privadas de todo o país. A turma também está inscrita na 11ª Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG), com lançamento de foguetes construídos pelos alunos marcado para este sábado (20), no Estádio Lindolfo Monteiro, às 8h.

 Tanto a OBA quanto a MOBFOG incentivam o estudo da astronáutica e da astronomia, premiando com certificados e medalhas os alunos com os melhores desempenhos. As provas foram aplicadas nas escolas esta semana. Em Teresina, os estudantes do Programa Cidade Olímpica Educacional responderam as questões no Centro de Formação Odilon Nunes. A expectativa é de superar a marca de 74 medalhas conquistadas na Olimpíada do ano passado.

 Os primeiros colocados representarão o Brasil nas olimpíadas Internacional de Astronomia e Astrofísica e Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica de 2018. Além disso, os participantes também irão concorrer a vagas nas Jornadas Espaciais de São José dos Campos, em São Paulo, onde podem participar de palestras e recebem material próprio.

As unidades de ensino também organizaram com os alunos o lançamento dos foguetes da Mostra. O grupo do Cidade Olímpica lançará, amanhã (20),  mais de 40 foguetes produzidos com material descartável, em busca de alcançarem as maiores distâncias para elevar a pontuação.

“É muito bom ver os jovens interessados na área, pesquisando, produzindo e se destacando em meio a estudantes das maiores escolas do país. Estamos com boas expectativas quanto ao resultado das provas. O lançamento dos foguetes também é um momento único, mostra na prática o que aprendemos em sala de aula”, comenta a coordenadora de Astronomia do Cidade Olímpica, Francisca Regina Ibiapina.


Da Redação
redacao@cidadeverde.com 

Imprimir