Cidadeverde.com
Geral

Empresário da banda Top Gun sofre AVC e tem morte cerebral confirmada

Imprimir

Atualizada às 18h30

O produtor musical Marco Veloso, de 45 anos, empresário da banda Top Gun, teve a morte cerebral confirmada no início da tarde deste domingo (18).

Ele sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) na madrugada e foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital São Paulo. O velório acontece na residência dos pais de Marco a partir das 20h deste domingo, localizado na praça do prefeito, bairro São Cristovão. O sepultamento ocorrerá nesta segunda-feira, dia 19, a partir das 10h no cemitério Jardim da Ressurreição.  

Segundo informações obtidas pelo Cidadeverde.com, Marco Veloso participou de uma festa junina na noite de ontem, onde se queixou de uma forte dor de cabeça, ao aferir a pressão percebeu que estava 19 por 11 e resolver ir descansar em casa. Na madrugada sofreu o AVC. Já internado, o produtor sofreu uma parada cardíaca. 

O produtor teria tido uma hemorragia sub-aracnóidea de grande extensão. A morte cerebral foi detectada por volta das 13 h e agora os médicos devem cumprir o protocolo exigido. Há informação de que o empresário era doador de órgãos e alguns devem passar pelo procedimento. 

Marco Veloso é casado com a jornalista Mônica Craveiro e deixa três filhos. Apaixonado por música, ele já foi empresário das bandas Bali e Luau e atualmente gerenciava a carreira da banda Top Gun e trabalhava com o pai o empresário Luís Antônio Veloso, proprietário das Lojas Dragão.

Nas redes sociais, artistas e amigos de Marco Veloso lamentam a morte e deixam mensagens de força à família do empresário. Veja alguns depoimentos:

 

 


Caroline Oliveira
carolineoliveira@cidadeverde.com

Imprimir