Cidadeverde.com
Destaques da TV

Funcionário do metrô assassinado escapou de acidente há dois anos

Imprimir

O maquinista, assassinado durante um latrocínio na semana passada, havia escapado de um acidente há menos de dois anos. Aderson Luís Nascimento estava no metrô que colidiu com um trem em Teresina e deixou dois mortos, em 2015. 

Ele só conseguiu escapar porque pulou do metrô. Na época, Aderson declarou que 'foi salvo por Deus'. O vídeo após o acidente mostra ele ainda bastante assustado.

"Eu não vi nada. Foi de repente e eu pulei. Deus salvou a minha vida", disse após escapar do trágico acidente, em novembro de 2015. Ele escapou apenas com ferimentos no braço. 


Latrocínio

Aderson Luís foi morto com uma facada nas costas na última quarta-feira (05). Ele estava em um bar no Mocambinho, zona Norte de Teresina, quando dois criminosos chegaram e anunciaram o assalto. O crime ocorreu quando Aderson tentava subir na moto para ir embora. 

Em menos de 24 horas, um dos suspeitos de participação no caso foi preso. Inicialmente, ele negou as acusações, mas confessou a autoria do crime em depoimento. Já neste fim de semana, a polícia capturou o comparsa, um adolescente de 16 anos. 

Foto: Thiago Amaral

Colisão entre trem e metrô ocorreu em novembro de 2015, em Teresina

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Imprimir