Cidadeverde.com
Geral

HUT faz 1ª cirurgia plástica em paciente com queimadura grave

Imprimir

O Hospital de Urgência de Teresina Dr. Zenon Rocha realizou ontem(04), a primeira cirurgia plástica da Unidade de Queimados utilizando expansores de pele. O equipamento serve para a realização de enxerto de pele, principalmente, para os pacientes com queimaduras graves.

O paciente Edivan Ferreira, 34 anos, internado na Unidade de Queimados do HUT com 60% do corpo queimado, vítima acidente com gasolina, foi o primeiro a utilizar a nova tecnologia.
 

Segundo o gerente da Unidade de Queimados, Dr. Denyberg Santiago, os expansores de pele permitem a ampliação do tamanho da pele em até 300% e associado ao uso de um outro equipamento chamado dermátomo o profissional deixa de trabalhar com uma técnica artesanal para trabalhar com uma técnica de ponta.

“Antes sem o dermátomo a retirada da pele dos pacientes queimados era feita através de bisturi e lâmina, agora com este novo equipamento a retirada é feita em tiras, com maior rapidez e menor espessura chegando no máximo a três milímetros”.

Os expansores de pele permitem uma maior elasticidade da pele facilitando o trabalho da cirurgia plástica e beneficiando, principalmente, os pacientes vítimas de queimaduras de grandes extensões. “O tecido se transforma numa malha. Para se ter uma idéia com a retirada de 10% da pele da coxa de um paciente vítima de queimaduras conseguimos fazer o enxerto de 25% da região dorsal, as costa do paciente”, explicou o gerente.
 

Edivan foi o primeiro paciente a fazer a plástica utilizando os expansores de pele. "Depois dessa nova cirurgia plástica vou poder voltar pra casa mais rápido. Estou me sentindo bem melhor, pois grande parte das minhas queimaduras foram cobertas por conta desse novo equipamento”, ressaltou.

De acordo com o diretor geral do HUT, Evandro Hidd, os tratamentos no sçao voltados para proporcionar ao paciente uma recuperação mais rápida e consequentemente uma diminuição do período de internação. “Estamos permanentemente adquirindo novos equipamentos para facilitar o trabalho dos nossos profissionais de saúde e oferecer uma maior qualidade no atendimento, rapidez no processo de recuperação e uma redução no período de internação dos nossos pacientes, destacou o diretor acrescentando que o investimento feito na aquisição desses equipamentos foi de R$157 mil.
 
 
Da Redação
Tags:
Imprimir