Cidadeverde.com
Geral

Polícia Civil continua buscas a prefeito acusado de pedofilia

Imprimir
O Delegado Geral da Polícia Civil, James Guerra, informou ao CidadeVerde.com que a polícia piauiense está em busca do prefeito da cidade de Sebastião Barros, Geraldo Eustáquio Machado, o Geraldo Mineiro. Ele foi condenado por ter abusado de uma garota que trazia a Teresina para fazer o tratamento de leucemia em 2009. 


De acordo com Guerra, o prefeito, que está foragido desde o último sábado (10) ainda não foi encontrado. O mandado de prisão foi expedido pelo desembargador Sebastião Ribeiro Martins.

Geraldo foi condenado a oito anos de prisão em regime semi-aberto, pelo crime de pedofilia. “Ele está sendo procurado, mas ainda não é considerado foragido”, diz James Guerra. 

Segundo o desembargador Sebastião Ribeiro Martins, essa é a segunda ação movida contra o prefeito pelo crime de pedofilia. Os dois processos ações são do ano de 2009 e em ambas ele foi condenado a oito anos em cada. “Na primeira ação, a 2ª Câmara Criminal autorizou  que ele recorresse em liberdade. Na segunda condenação, a liberdade foi negada”, conta. 

Sebastião Ribeiro Martins acredita que Geraldo Mineiro deve estar tentando um habeas corpus em Brasília. “Mas quando ele for encontrado, esteja onde estiver, será trazido em Teresina para cumprir pena na colônia agrícola Major Cesar”, assegura o magistrado. 





Imprimir