Cidadeverde.com

Presidente da FMS alerta população sobre perigo da proliferação da Febre Amarela em Teresina

O presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Sílvio Mendes, convocou a imprensa para fez um apelo à toda a população. Ele pede que todos façam limpeza em seus imóveis para evitar o acúmulo de lixo e água, que possam a vir gerar proliferação de mosquitos transmissores de doenças. 

Ao mesmo tempo ele ressaltou que se as pessoas não fizerem essa limpeza, a febre amarela pode acometer o cidadão teresinense e ser proliferada a partir da capital. O presidente da FMS configurou a questão de saúde pública com a “omissão e falta de educação” de proprietários de imóveis da limpeza para evitar os criadouros dos mosquitos. 
 
Sílvio Mendes destacou que a Prefeitura sozinha não consegue realizar todo trabalho de limpeza que a cidade precisa e a população pode ficar atenta, cuidando tanto dos seus imóveis como observando os locais onde pode haver criadouros para fazer denúncias. 

“Nós gastamos mais de R$ 6,5 milhões com limpeza de imóveis por mês, sendo que apenas 25% do território de Teresina é de via pública, ou seja, três quartos é de propriedade privada e é impossível, mesmo com todos os recursos, a Prefeitura dar conta de todo trabalho”, declarou. 

De acordo com Sílvio Mendes, mais de 300 agentes e 100 militares do Exército fazem trabalho de limpeza, percorrendo principalmente as áreas de maior risco, altos índices de proliferação de mosquitos e esse trabalho também é feito aos sábados. 

 

Flash de Lyza Freitas
Redação Caroline Oliveira
redacao@cidadeverde.com