Cidadeverde.com

Quadrilha é presa repassando dinheiro falso para clientes de lanchonete


Parte do dinheiro apreendido com o grupo (foto: Polícia Militar)


Um grupo foi preso por distribuir dinheiro falso no município de Parnaíba, a 338 km de Teresina (PI), ontem (03). Um dos integrantes, o funcionário de fast food delivery, que trabalhava na entrega dos lanches, trocava o dinheiro verdadeiro pelo falso.

“O proprietário do estabelecimento estava falando das constantes reclamações dos clientes ao dizer que estavam recebendo o troco com dinheiro falso. Fui até o local. Após eu fazer a abordagem no funcionário, descobrimos que ele estava com uma quantia de dinheiro falso no bolso. Com o apoio de uma viatura, ele nos conduziu até um local onde tinha mais umas quatro pessoas.  Todas foram levadas para a Delegacia da Polícia Federal em Parnaíba”, destacou o sargento da Polícia Militar, Fabriciane Monteiro.

O sargento explicou que o dinheiro encontrado no bolso do funcionário estava em cédulas de R$5, R$10 e R$20. “Esses valores ajudava a dar o troco aos clientes, a disfarçar, muitas vezes o cliente confiava, recebia o dinheiro e já colocava no bolso, só percebiam depois porque o local funciona 24 horas, e a entrega ocorria também de madrugada”, acrescentou.

Além disso, o policial ressaltou que o proprietário já chegou a trocar o dinheiro falso pelo verdadeiro, pois alguns clientes foram até o seu estabelecimento cobrando a reposição. 

O Funcionário tinha cerca de R$ 400 reais em cédulas falsas no momento da abordagem. No local onde os demais foram presos, os policiais encontraram aproximadamente  R$ 1 mil em cédulas verdadeiras.  “Acreditamos que esse dinheiro verdadeira seja o dinheiro que ele trocava”. 

"O proprietário nos informou que esse funcionário já trabalhou no local outras vezes, mas essa seria a primeira vez que teria ocorrido. Nas outras vezes que ele trabalhou, não tinha feito esse tipo de crime", complementou  o sargento. 

 

Aguarde mais informações 

 

 

Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com 

Hospital de Parnaíba realiza Mutirão de Cirurgias Pediátricas

Meninas e meninos de 02 a 12 anos de idade foram atendidos pelo Governo do Piauí, no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda), em Parnaíba, nesse fim de semana, com procedimentos do Mutirão de Cirurgias Eletivas Pediátricas, realizado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi). Esta é a segunda etapa do mutirão que deve atender, somente com cirurgias, 80 crianças.

De acordo com a diretora do hospital, Adrizia Fontenele, durante todo o mês de maio, o Heda dará prosseguimento aos agendamentos, consultas e à realização de exames, para que, em junho, ainda mais crianças sejam contempladas com novas cirurgias. A diretora informou também que, além da busca ativa dos agentes comunitários de saúde, a população que precisar do atendimento pode ir diretamente ao Heda, às sextas-feiras, no horário das 08h às 11h.

Para dona Sara Cardoso, mãe do Felipe Vinícius, de 7 anos de idade, o mutirão de cirurgias foi uma ótima ideia e uma grande oportunidade, principalmente porque, desta vez, atende às crianças. Sara disse ainda que, tão logo seu filho começou a sentir dores, ela procurou o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde e foi prontamente atendida, sem burocracias e que hoje, poucos dias depois, está feliz porque o filho passou por dois procedimentos cirúrgicos: um de fimose e outro de hérnia, e que, certamente, sua família não poderia arcar com as despesas, se não fosse o mutirão.

As cirurgias foram realizadas pela equipe médica de cirurgias pediátricas, tendo à frente a médica Priscila Favorito, residentes e equipe de enfermagem do Heda, que foi especialmente composta para atender a população nos mutirões de cirurgias. A equipe de Enfermagem fez todo o acolhimento das crianças, interagindo o tempo inteiro com atividades do Grupo Riso da Vida, formado por acadêmicos do curso de Medicina da Universidade Federal do Piauí (UFPI) em Parnaíba e  acadêmicos de Fisioterapia da mesma instituição de ensino superior, que levaram atividades lúdicas para os pequenos.

De acordo com a enfermeira Nazaré Escócio, mães, pais e, principalmente, as crianças estão sendo beneficiadas com o Mutirão de Cirurgias Eletivas Pediátricas, uma vez que, por não tratarem-se de cirurgias consideradas de urgência, poderiam levar um pouco mais de tempo para o atendimento e que, dessa forma, a Secretaria de Estado da Saúde acelera os processos e acaba com as filas de espera.

Fonte: Ccom

Acusado de distribuir pornografia infantil fica preso em Parnaíba

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quinta-feira (26) a segunda fase da Operação #Underground 2, dando cumprimento a 10 mandados de prisão preventiva contra acusados de distribuição de pornografia infantil nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Goiás, Pernambuco, Acre e Maranhão, onde foi detido Francisco César da Silva Santos. A prisão aconteceu na cidade de Água Doce, distante cerca de 100 quilômetros de Parnaíba.

Por conta disso, o preso foi trazido para a sede da delegacia da Polícia Federal, localizada na Avenida São Sebastião na cidade de Parnaíba. Francisco César foi encaminhado para a realização de exame de corpo delito no posto avançado do Instituto Médico Legal (IML) e em seguida levado para a Penitenciária Mista Dr. Fontes Ibiapina. Com ele, a polícia aprendeu um computador com material pornográfico de conteúdo infantil, além de peças de roupa de crianças.

Segundo o apurado através das investigações, Francisco integrava uma quadrilha em que grande parte dos acusados abusava sexualmente de crianças registrando imagens. Em outro momento, o material era compartilhado via internet, sendo trocado ou vendido para outras pessoas. Algumas vítimas já foram identificadas, o que permitiu mostrar que o agressor, muitas vezes, é uma pessoa do convívio familiar ou até mesmo membro da família.

Em todos os estados onde a PF realizou a operação, foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão e 10 prisões. As imagens eram publicadas em um ambiente virtual conhecido como DEEPWEB, de acesso restrito, o que dificulta o trabalho de identificação dos suspeitos. O crime de divulgação de imagens de pornografia infantil prevê pena de 3 a 6 anos de reclusão. Já o crime de estupro de vulnerável prevê de 08 a 15 anos de prisão.

A delegada da Polícia Federal em Parnaíba, Milena Soares de Sousa Caland, apresentou o material apreendido com o suspeito de pedofilia identificado como Francisco César da Silva Santos, preso no município de Água Doce (MA) na manhã desta quinta-feira (26). 

Com ele foram encontrados dois notebooks, aparelhos de celular, mídias digitais como CD, pendrive e cartão de memória, duas agendas de contatos, além de peças de roupa íntima infantil. O material contém farto conteúdo de pornografia infantil produzido, recebido e divulgado por Francisco, acusado de abusar dos próprios sobrinhos de 11 e 12 anos de idade.

Segundo a delegada, o acusado residiu em São Paulo até o final do ano passado, quando acabou demitido da empresa que trabalhava. “Com isso, resolveu voltar a morar com os pais no Maranhão, mais continuou a cometer os crimes, juntamente com o restante da quadrilha que foi presa. As fotos e vídeos encontrados comprovam os abusos”, disse a delegada.

Morando em Água Doce, Francisco César passou a trabalhar como professor particular e dava aula para crianças. Por isso, a PF vai apurar a possibilidade de que o pedófilo tenha feito mais vítimas nos últimos meses.

Fonte: portalcostanorte

Percentual de partos normais no HEDA é acima da média nacional

O Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), em Parnaíba, realizou, em 2017, 2.855 partos, sendo que mais de 75%, ou 2.142, deles foram normais. Esse percentual está bem acima da média nacional e colocam a unidade piauiense como referência na assistência obstétrica no Estado como também no país, de acordo com certificação emitida pelo Ministério da Saúde, em 2015. No Brasil, dados do Ministério da Saúde apontam que 40,2% de todos os partos realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) são naturais.

Por mês, centenas de mulheres da região litorânea procuram o HEDA para ter seu filho com assistência adequada e humanizada, envolvendo uma equipe multiprofissional, que acolhe a paciente desde a entrada, durante todo o processo do parto, como também nos pós-parto, numa rede de assistência para trazer mais tranquilidade e conforto para o parto.

Mesmo sendo uma unidade de urgência e emergência, com grande fluxo de pacientes, o Hospital disponibiliza uma entrada diferenciada para as gestantes. De lá mesmo, é feito o acolhimento, onde a paciente é atendida primeiramente por um enfermeiro, que faz a Classificação de Risco. Em seguida, é feita a triagem médica, seja para atendimento clínico, caso haja alguma intercorrência, ou obstétrico.

Com as primeiras contrações, a paciente é assistida por uma equipe multiprofissional, como explica o enfermeiro Taylon Andrade, coordenador de Enfermagem. “Atuamos para que a mulher tenha um parto humanizado, aplicando as boas práticas obstétricas, conforme orientações da Organização Mundial de Saúde(OMS), como incentivando exercícios para redução não farmacológica da dor, agachamento, banho morno, sempre num ambiente favorável”.

Na sala de parto, segundo Taylon, os cuidados incluem o incentivo para o contato pele a pele, na primeira hora de vida da criança, reforçando o vínculo da mãe com o recém-nascido, além de orientação sobre aleitamento materno. Após o nascimento, o HEDA realiza o Teste da Orelhinha e já deixa agendado o Teste do Pezinho. A próxima conquista é realizar o Teste do Coraçãozinho.

Após 24 horas, mãe e bebê já recebem alta. 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Traficante é preso com várias porções de crack em Parnaíba

Uma abordagem de rotina culminou com a prisão de José de Ribamar Silva, 51 anos, mais conhecido “Manin do Oi Cego”, por volta das 11h30 desta segunda-feira (23/04) em frente a sua residência à Projetada 196, casa 1521, no Bairro Piauí, em Parnaíba. 

Ribamar Silva foi flagrado com 24 pedras de crack dentro do bolso. A ação foi resultado de uma abordagem do Sargento Farlon Machado, juntamente com o cabo José Maria e o soldado L. Machado.

Segundo Farlon, “Manin do Oi Cego” já é conhecido no mundo do crime, foi preso em 2015 e, por isso, foi interpelado. Os policiais apreenderam ainda R$ 1,05 e sacos plásticos para embalar a droga a ser vendida. 

Ribamar disse irritado ao que vende drogas há dois anos. O homem foi apresentado à Central de Flagrantes; mas deverá ser liberado por conta da greve das agentes de Polícia Civil. A droga ficou apreendida.

Fonte: parnaibapontocom

Suspeito tem carro incendiado por populares após atirar em pedreiro


Veículo ficou totalmente destruido (foto: Portal do Águia)
 
O carro do suspeito de atirar contra um pedreiro na noite de ontem (21) foi incendiado após populares presenciarem a cena. O caso ocorreu no conjunto Dom Rufino, em Parnaíba, no litoral piauiense.  
 
De acordo com o comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar do Piauí, coronel Antônio Pacífico, o pedreiro foi identificado como Francisco das Chagas, que foi socorrido e levado ao Hospital Estadual Dirceu Arcoverde. O quadro de saúde é considerado grave. 
 
Segundo o comandante, o suspeito de atirar contra Francisco foi identificado apenas como “Cicero” e está foragido.
 
“O Francisco e o Cicero tiveram uma discussão na rua, mas informaram que antes eles estariam em um bar. Em decorrência desse desentendimento, o Cicero teria atirado contra Francisco. Os populares não gostaram e atearam fogo no carro do suspeito, que estava do lado de fora da casa dele”, contou o coronel ao Cidadeverde.com.
 
O comandante confirmou que dois suspeitos de incendiaram o carro foram presos e conduzidos a Central de Flagrantes de Parnaíba. O veículo seria um buggy, que ficou completamente destruído. 
 
Populares relataram ao Portal do Águia que o pedreiro teria feito uma obra na residência do Cícero.  O proprietário teria reclamado do serviço. 
 
 
Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com  

Agespisa faz manutenção no sistema de abastecimento em Parnaíba

A Agespisa fará, nesta quarta-feira (18), serviço de manutenção no sistema de bombeamento de água bruta das Estações de Tratamento de Água I e III de Parnaíba.

Por essa razão, o fornecimento de água será interrompido nos bairros Nova Parnaíba, São José, Do Carmo e Centro. A manutenção está programada para ser realizada das 7h às 11h.

Após a conclusão do serviço, o abastecimento será regularizado gradativamente à medida que os reservatórios sejam reabastecidos. Caso o trabalho seja concluído antes do previsto, a regularização será antecipada.

Para mais informações, os moradores podem ligar 0800 086 8888. O serviço funciona 24 horas, inclusive aos feriados. A ligação é gratuita também de telefones celulares.

Fonte: Ascom

Mulheres são presas pela PRF e autuadas por tráfico de drogas em Parnaíba

Policiais Rodoviários Federais lotados na 5ª Delegacia de Parnaíba, abordaram por volta das 13h00 deste domingo, 15, no Km 33 da BR 343 – um veículo modelo HB20, que seguia em direção a capital procedente de Barra Grande, litoral piauiense.

Em uma busca no veículo, os policiais encontraram 22, 5 papelotes de LSD, além de um recipiente contendo uma porção de substância vegetal – tipo maconha, que estava em poder de Aridni Lourdes Moura Ferreira Correia, 30 anos.

Ainda foram apreendidos 05 comprimidos semelhante a anfetamina, um triturador e duas porções de uma substância vegetal, tipo maconha, que estava em posse de Lia Veras e Silva Batista, de 29 anos.

O caso foi encaminhado à central de flagrantes em Parnaíba, onde as conduzidas foram autuadas por tráfico de drogas. No veículo viajavam 5 mulheres. 

Fonte:parnaibapontocom e portaldocatita

Ambulância colide em animal e paciente fica ferida em Parnaíba

Na tarde deste domingo, 15, uma ambulância da cidade de Ilha Gran?e do Piaui se envolveu em um acidente na estrada da praia da Pedra do Sal, acesso a Parnaíba.

De acordo com a perícia  o veiculo seguia de Ilha Grande quando colidiu com um animal na pista. Na ambulância estavam seis pacientes, dentre eles uma criança de 10 meses.

Além do bebê que se encontrava na ambulância, uma senhora de 80 anos, identificada como Laura Gomes Véras  sofreu ferimentos sem gravidade.

As famílias foram socorridas pelos bombeiros e conduzidas até o pronto socorro de Parnaíba, mas não ficaram impossibilitadas de retornar para suas casas, uma vez que a ambulância que se envolveu na colisão não teria condição de deslocamento.

O motorista da ambulância foi identificado como  Carlos Antonio da Costa,  de 62 anos de idade.

Fonte: parnaibapontocom

Acusados de envolvimento com drogas são conduzidos à Central de Flagrantes em Parnaíba

Três acusados de envolvimento com o tráfico de drogas foram conduzidos à Central de Flagrantes em Parnaíba, após apreensão de entorpecentes na manhã desta quarta-feira, 11, no Bairro Frei Higino.

Uma guarnição do 2o BPM efetuava patrulhamento de rotina, quando fez abordagem a um adolescente que pilotava uma moto Honda / CG 150 Fan, de cor azul, placa de Parnaíba. Com o garoto foi encontrado uma porção de maconha. O jovem entregou para os policiais um homem  chamado Edmilson  com quem tinha adquirido a droga, e que tinha pago  R$ 4,00, mas que custava R$ 5,00.

Edmílson Carvalho da Silva, 47, negou vender drogas, embora tenham sido apreendidas mais sete pedras de crack e mais R$ 19,00 com ele. Por ocasião da abordagem, também foi conduzida Adriana Maria Carvalho da Silva, 44, irmã de Edmílson. Ela negou saber das atividades do irmão, embora tenha afirmado que ele já tem passagem pela penitenciária.

Com informações portalcostanorte

Posts anteriores