Cidadeverde.com

6ª Parada da Igualdade de Picos acontece em setembro

A 6ª Edição da Parada da Igualdade de Picos já tem data definida, será dia 23 de setembro, fazendo o mesmo trajeto de anos anteriores. Este ano a Parada de Picos comemora a entrada nos calendários oficiais de eventos do Estado e a novidade serão os dois palcos com bandas e DJs,  para encerrar a parada.


Algumas artistas já são presença confirmada todos os anos.  Na semana anterior a parada, acontece também o seminário de Direitos Humanos, desta vez com inscrições totalmente gratuitas e carga horária de 60h. 


Também acontece este ano a Festa Pré Parada no dia 22 de setembro. Além da Tenda Voadora no dia 15 de setembro na praça Josino Ferreira com DJs e shows de Drag Queens.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Idosos e crianças serão vacinados contra gripe

Idosos, gestantes, crianças menores de dois anos e os profissionais da saúde serão vacinados contra a influenza A. A campanha de vacinação acontece entre os dias 05 e 25 de maio e estará disponível em todos os postos de saúde de Picos e também na zona rural.


Para 2012 a campanha traz ainda uma novidade. Os presidiários farão parte do grupo de imunizados ao final da campanha, segundo Luana Luz, coordenadora da secretaria de saúde de Picos.

A meta da coordenadoria é que 10.817 pessoas sejam vacinadas neste ano, sendo 7.229 idosos, 949 profissionais de saúde, 1.760 crianças menores de 2 amos e 880 gestantes.


Fonte: Jornaldepicos

Professores da rede estadual retomam as aulas nesta quinta-feira (26)

Os professores da rede estadual de Picos encerraram o movimento grevista que mantinham desde o dia 27 de fevereiro. Com manifestação na Praça Félix Pacheco, realizada na manhã desta quarta-feira (25), no Centro de Picos, eles comunicaram à população o retorno das aulas e a insatisfação com representantes públicos estaduais, em especial o governador Wilson Martins.


Sob o comando da professora Gisele Dantas, presidente do Sinte Regional de Picos, a categoria ressaltou que o fim da greve é uma decisão tomada pensando nos alunos, “para não inviabilizar em 100% o ano letivo e levá-los ao sacrifício”. Escolas devem funcionar normalmente a partir desta quinta-feira (26).

Os professores também apresentaram à população uma nota de repúdio direcionada ao governador Wilson Martins e aos deputados da Assembleia Legislativa do Piauí – Alepi, que aprovaram nesta segunda-feira (23) o projeto que estabelece o piso salarial dos professores da rede estadual com reajuste de 22% apenas para professores que não possuem curso superior.

A presidente do sindicato em Picos afirma que o projeto é irregular e garante que categoria vai na lutar na Justiça pelo cumprimento da Lei do Piso. “A segunda-feira ficou marcada na história dos professores como o dia do massacre, da humilhação, o dia em que o governo do Piauí com deputados ‘fantoches’ aprovou um projeto que trouxe a desvalorização do professor”, lamenta.

Apesar dos quase dois meses contínuos de paralisação, as reivindicações não foram atendidas, ainda assim grevistas afirmam não se sentirem derrotados. “A volta às aulas não é uma derrota para os professores, é uma derrota para a Assembleia Legislativa. Estamos voltando com a cabeça erguida”, ressalta Gisele Dantas.

Estado de greve permanece

Durante o ato público os manifestantes aproveitaram para lembrar o nome dos deputados da região de Picos que votaram a favor do projeto enviado à Alepi pelo governador Wilson Martins. “Eles assinaram com o próprio punho a traição”, comenta Gisele.

“A partir de agora a nossa arma é a Justiça. O fato de voltarmos à sala de aula não indica que estamos derrotados, mas mostra que estamos mudando a estratégia de luta e enfrentamento a esse governo”, diz a professora Glácia Lopes. Ela ressalta a decepção com os deputados estaduais Belê Medeiros, Tadeu Maia e Kléber Eulálio, todos da macrorregião de Picos. “Todos os deputados da região votaram contra os professores”, lamenta.


Fonte: Riachaonet

Mulher é atropelada e condutor foge sem prestar socorro

Uma senhora identificada como Luísa Elidia dos Santos, 55 anos,  foi atropelada e morta às margens da BR 316 em Picos. O condutor do veículo, ainda não identificado, fugiu sem prestar socorro.  

Policiais militares acionaram uma guarnição do Corpo de Bombeiros que realizou os procedimentos iniciais. 

A vítima ainda foi removida para Pronto Socorro do Hospital Regional mas não resistiu ao impacto provocado pelo acidente. 

De acordo com informações de populares, Dona Luísa, como era mais conhecida, havia se deslocado de sua residência para levar alimentação a um familiar internado no Hospital Dr. Oscar Osvaldo


Fonte: Riachaonet

Professores promovem manifestação de protesto

O Sinte Piauí Regional de Picos convocou educadores, alunos e pais de alunos para uma manifestação nesta quarta-feira (25) , na sede do sindicato.
 
                    Foto: Jornal de Picos

Os educadores protestam contra o governador Wilson Martins (PSB) e os deputados estaduais que aprovaram a mensagem do governo de conceder o reajuste do piso salarial apenas para parte dos professores, acabando com a gratificação da regência.
 
A categoria aguarda agora o julgamento da representação encaminhada pelo Ministério Público ao Tribunal de Justiça do Piauí, exigindo o cumprimento da lei do piso e de fiscalização dos recursos do  Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação(Fundeb). 


Fonte: Jornaldepicos

Perdas na safra 2012 são discutidas durante reunião

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) realizou na manhã desta terça-feira (23) uma reunião para apresentar pesquisa que revela a queda significativa da safra 2012. O encontro aconteceu na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Picos e reuniu agricultores da região, representantes do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Piauí (Emater) e da prefeitura do município.


Segundo Manoel Silva, inspetor de pesquisa do IBGE, os resultados foram demonstrados de forma  comparativa. “Foram repassados números da safra de 2010 a 2012. Os números não agradam, pois com a falta de chuva, as safras estão com o nível muito baixo. Esperamos que daqui pra frente chova na região para os agricultores cultivarem seus produtos e manterem seus rebanhos”, ressaltou.

Ainda de acordo com o inspetor de pesquisa todos os grãos cultivados na região tiveram perdas, principalmente o arroz. “O arroz teve a perda de 100%, o feijão e o milho de 80%, ou seja, tivemos grandes perdas”, frisou acrescentando que a alta nos preços desses alimentos é fruto dos prejuízos provocados pela estiagem.

Com informações Riachaonet
cidades@cidadeverde.com

Picos perde em Campo Maior e despenca na tabela

Com desfalque do zagueiro Roni, que cumpriu suspensão automática, a Sociedade Esportiva de Picos perdeu a segunda partida consecutiva no Campeonato Piauiense de Futebol Profissional e despencou na tabela de classificação com apenas três pontos ganhos e saldo negativo de um gol. Com este resultado o time está, momentaneamente, fora da zona de classificação para a fase final da competição.

 
O time, que mesmo jogando em casa havia sido derrotado para o Parnayba na quarta-feira (18) voltou a perder, desta vez para o Comercial, no Estádio Deusdeth de Melo, em Campo Maior. O resultado foi 2 a 0 para os donos da casa, que assumiram a vice-liderança com seis pontos ganhos.
 
Com o domínio completo do jogo, o Comercial construiu a vitória ainda no primeiro tempo. Aos 7 minutos o artilheiro Zé Rodrigues abriu a contagem. Dez minutos depois Ismael chutou cruzado e deu números finais à partida. Comercial 2 e Picos 0.
 
O time picoense ainda tentou uma reação, mas não soube aproveitar as oportunidades surgidas e mais uma vez saiu de campo sem marcar. O árbitro Antônio Dib ainda anulou o que seria o terceiro gol do Comercial, atendendo irregularidade apontada pelo assistente José Nilton. No segundo tempo, Lanlan, de Picos, chutou uma bola na trave, enquanto que Jefferson Pipoca, do Comercial, concluiu jogada de cabeça, mas a bola também bateu na trave
 
Com a vitória o Comercial atingiu 06 pontos ganhos, igualando-se a Flamengo e Parnahyba na vice-liderança da competição, um ponto atrás do 4 de Julho. O Parnahyba tem um jogo a menos que os demais que estão na zona de classificação. A terceira rodada será concluída na noite desta segunda-feira (23) quando Parnahyba e River estarão jogando a partir das 20h, no Estádio Mão Santa, no litoral.
 

Fonte: Jornal de Picos

Diocese de Picos realiza concurso que premia melhores matérias sobre saúde pública

Para comemorar o 46º Dia Mundial das Comunicações Sociais, a Diocese de Picos lançou no último dia 16 de abril, o edital para o 3º Concurso Cultural da Pascom e a programação para o 2º Seminário Diocesano da Pastoral da Comunicação.

Jornalistas na comemoração do Dia Mundial das Comunicações em 2011
 
A inscrição para o 3º Concurso Cultural da Pascom é gratuita e segue aberta até o dia 14 de maio, este ano o concurso tem como temática “Saúde Pública e sua realidade” e vai premiar as duas melhores matérias do jornalismo online, a primeira colocada com um Tablet, e a segunda com um Gravador Digital.
 
De acordo com o Pe. Carlos Danilo, Coordenador do Setor Diocesano de Comunicação, a finalidade deste concurso é estimular práticas jornalísticas que provoquem transformações sociais e maior reflexão sobre a realidade da Saúde Pública, contemplando também a Campanha da Fraternidade 2012, que tem como tema “Saúde Pública e Fraternidade”.
 
O Edital e Fichas de Inscrição para o 3º Concurso Cultural da Pascom e 2º Seminário Diocesano estão disponíveis no site da Diocese de Picos.
 
Estão credenciados a participar do 3º Concurso Cultural da Pascom jornalistas, profissionais e estudantes da área de comunicação e agentes da Pascom que residam nos municípios que integram a Diocese de Picos. Podem concorrer ao prêmio às matérias veiculadas no período de 16 de abril a 14 de maio de 2012 em portais, sites e blogs que estejam em funcionamento há pelo menos quatro meses. A premiação acontece no dia 19 de maio, após a missa em ação de graças aos comunicadores.
 
Na mesma data também será realizado o 2º Seminário Diocesano da Pastoral da Comunicação, que tem como público alvo os agentes da Pascom das Paróquias e Áreas Pastorais, além de estudantes de comunicação. O evento será realizado durante o dia no Centro de Treinamento Diocesano – CTD com as oficinas de Web Rádio e Web TV, de Blogs e Mídias Sociais, de Produção de Notícia, e de Rádio.

Fonte: Jornal de Picos

Construção do Mercado do Produtor de Picos beneficiará ambulantes

Ambulantes que comercializam nas ruas de Picos serão beneficiados com a construção de um mercado público. Ainda sem previsão para entrega da obra, serão investidos cerca de R$ 12 milhões.


O Mercado do Produtor de Picos funcionará no centro do município e contará com sete blocos, praça de alimentação, estacionamento  e local para atividades artísticas. 

“Este mercado vai retirar todos os comerciantes das ruas beneficiando tanto produtores quanto consumidores”, diz a deputada estadual Tasmânia Medeiros (Belê), que participou da solenidade de assinatura do convênio, junto com o diretor da Empresa de Gestão de Recursos do Estado do Piauí (Emgerpi), Gilberto Medeiros,  e o prefeito Gil Paraibano.

A obra será executada em parceria  entre a prefeitura de Picos, através da secretaria de infraestrutura,  e o governo do Estado. 


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Vereador solicita construção de maternidade

Durante solenidade realizada nesta quinta-feira (19) na Câmara Municipal de Picos, o vereador Hugo Victor (PMDB) defendeu a construção  de uma maternidade no município. 


O parlamentar justificou a solicitação citando um caso ocorrido semana passada. “Nosso município abrange uma macrorregião que depende daqui. Na semana passada uma mulher veio de Santa Cruz, não teve como o parto ser feito aqui, ela foi encaminhada pra Teresina e também não teve como o parto ser feito e a criança veio a falecer. Nós temos que ter uma maternidade em Picos. Quantas crianças nós vamos perder até ter essa maternidade?”, indagou.

Hugo Victor ressaltou ainda que esse é um requerimento que outros vereadores já fizeram, porém hoje segue assinado por dez vereadores. “Está sendo construído um novo hospital, então não que se tenha que usar a estrutura antiga do hospital, mas pelo menos o terreno que é do Governo do Estado”, sugeriu o peemedebista.


Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Posts anteriores