Cidadeverde.com

Wellington Dias pode iniciar reforma no governo em janeiro

O governador pode aproveitar a renúncia do deputado estadual Joel Rodrigues (PP), que  assumirá a prefeitura de Floriano,  e iniciar a tão esperada reforma administrativa. A tendência é o governador optar pelo retorno de um secretário de Estado para a vaga de Joel Rodrigues e acomodar um aliado no primeiro escalão. PTC e PC do B deverão ocupar espaços na equipe de Wellington Dias. No PT, Florentino Neto e Paulo Martins, que deixarão as prefeituras de Parnaíba e Campo Maior, respectivamente, também devem assumir cargos no governo do Estado. PP e PSD buscarão mais presença na administração, e usarão como argumento o desempenho no pleito municipal, sobretudo  a sigla comandada pelo senador Ciro Nogueira. Outro desafio do governador será o tratamento a ser dispensado ao PMDB, partido que exerceu papel importantíssimo na aprovação da PEC dos gastos na reta final do ano legislativo. No Palácio de Karnak, a missão política é pavimentar o caminho para a reeleição de Wellington Dias em 2018. Qualquer atropelo na condução política do bloco governista implicará em ambiente favorável ao fortalecimento da oposição no Estado.