Prefeito aposta em economia criativa para incentivar desenvolvimento

Prefeito Firmino Filho (Foto: Wilson Filho)

O município de Teresina também está focado em investir na economia criativa para driblar a crise e gerar mais emprego e renda. São vários os projetos desenvolvidos pela prefeitura da capital. O prefeito Firmino Filho (PSDB), destaca a Tecnologia da Informação como área promissora.

“A ideia é a partir da identidade local a gente conseguir criar um agregado econômico com aquilo que se produz. A gente já tinha essa perspectiva com a Secretaria Municipal de Economia Solidária e Criativa e espalha para outros setores, que estamos pensando em trabalhar. Eu destacaria não apenas os tradicionais, como o artesanato, mas o de TI (Tecnologia de Informação), que a gente tem tido uma preocupação muito grande e vai ser cada vez mais intensa nos próximos anos”, ressaltou.

A economia criativa na capital é o tema do programa especial da TV Cidade Verde em homenagem aos 165 anos de Teresina, que vai ao ar no dia 16 de agosto. Além da TI, Firmino citou exemplos como um projeto da Prefeitura que disponibilizou máquinas de costura para comunidades de Terreiros e ofertará cursos de capacitação, a fim de garantir e incentivar a produção de vestuário típico das religiões de matrizes africanas. De acordo com ele, é uma forma de Economia Criativa que agrega valor econômico e cultural.

“Busca justamente o diálogo com a comunidade de terreiros, por exemplo, para que a gente possa agregar valor cultural à produção local existente, basicamente colocando junto aos terreiros, máquinas de costura e cursos de qualificação para que aquelas vestimentas – vestuário que é típico, que é específico -, possam ser produzidos em larga escala e possam agregar valor econômico. E não apenas isso. São vários setores que vão desde o artesanato e chegam até a Tecnologia da Informação que podem ser enquadrados naquele setor”, concluiu.

Programa especial

O programa Teresina Criativa ouviu diversas histórias de pessoas que usam o conhecimento intelectual para gerar trabalho, renda e, com isso, também impulsionar o desenvolvimento local, regional e até mesmo nacional a partir do artesanato.  O Especial vai ao ar no dia 16 de agosto deste ano, a partir das 10h30.

Lyza Freitas
redacao@cidadeverde.com

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *