Cidadeverde.com

Conselho Nacional de Saúde prevê colapso no SUS

O Conselho Nacional de Saúde  vê risco de colapso no atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) devido ao aumento das restrições ao orçamento do SUS . Para contrapor essa situação será lançada no próximo dia 28, em Brasília, a Frente em  Defesa do SUS. Os cortes nos recursos do SUS vão triplicar em três anos, passado de R$ 3,8 bilhões em 2014 para R$ 16,6 bilhões em 2016.

 

 

Veja a íntegra da nota:

Saúde brasileira em colapso

O Brasil corre o risco de entrar como a Europa numa ciranda em que o ajuste fiscal reduz o crescimento, o que derruba a arrecadação e leva a pressões por um arrocho cada vez maior. Para contrapor a esse quadro, será lançada a a Frente em  Defesa do SUS, no dia 28 de outubro.

Neste cenário, a luta histórica para garantir o valor necessário para cumprir com o Sistema Único de Saúde constitucional e as estratégias de valorização da atenção básica deve ser intensificada, com a perspectiva de dificuldade para manter o padrão de atendimento que já existe.

O ajuste fiscal tirou da saúde R$ 3,8 bilhões em 2014 e R$ 5,9 bilhões em 2015. A previsão para 2016 é de R$ 16,6 bilhões, considerando que qualquer percentual de redução da produção da economia vai gerar uma queda percentual ainda maior na receita para o SUS.
Isso significa um duro golpe nos recursos para a saúde, depois de um processo de crescimento moderado verificado nos últimos anos.

Contenção de gastos na saúde fatalmente reduz ou interrompe serviços como vacinação, consultas e exames, atenção básica e especializadas, cirurgias, terapias, oncologia e desabastecimento de medicamentos.

A manutenção da atual política macroeconômica leva o SUS a essa espiral de queda (veja quadro abaixo). Assim, além das cinco alternativas para dar sustento às metas de universalidade e integralidade do SUS o Conselho Nacional de Saúde propõe:

• Apoiar a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 01-A/2015, que corrige a Emenda Constitucional 86/2015, que reduziu o valor da aplicação mínima da União no SUS.

• Defender os projetos que tramitam no Congresso Nacional para a criação de uma contribuição sobre as movimentações financeiras (nos moldes da CPMF) e a taxação sobre grandes fortunas como novas fontes para a Seguridade Social e compartilhada entre União, Estados, Distrito Federal e os Municípios.

• Cobrar do governo federal a mudança da política econômica de caráter recessivo, com o início imediato da redução da taxa de juros, e o foco no crescimento econômico com inclusão social, que demonstrou ser uma estratégia macroeconômica vitoriosa entre 2004 e 2013.

 

CONAFISION reúne os melhores fisioterapeutas do país em palestras online

Começou desde o dia 05 e vai até o dia 11 de outubro o Congresso Nacional de Fisioterapia Online - CONAFISION. As inscrições foram gratuitas e as palestras acontecem online, pela internet. Entre os convidados, estão seis dos maiores fisioterapeutas do Brasil, que abordam diferentes temas referente às suas áreas de atuação. Essa foi uma oportunidade única e sem custo para aprimorar os conhecimentos. Entre os palestrantes, está o piauiense Dr. Oseas Moura. Ele falou sobre a Terapia Neural no tratamento das disfunções álgicas, inflamatórias, degenerativas e irritativas musculoesqueléticas.

Dr. Oseas Moura é graduado em fisioterapia pela UNIFOR, com especialidades em Fisioterapia Cardiorrespiratória, Gestão Hospitalar, Fisioterapia Neurofuncional e Fisioterapia Pneumofuncional. Ele é mestre em terapia intensiva e atualmente doutorando em Engenharia Biomédica.  O profissional integra grupos de pesquisas sobre fáscia na Alemanha e nos Estados Unidos. Dr. Oseas Moura também faz parte de seleto grupo de pesquisadores sobre terapia neural na Colômbia, Espanha e Turquia. 

Prefeitura de Teresina convoca 36 classificados em concurso da área da saúde

A Prefeitura de Teresina está convocando 36 classificados no último concurso realizado em 2011 para tomarem posse nos cargos. São 15 técnicos administrativos, 10 enfermeiros plantonistas, 4 enfermeiros, 1 fisioterapeuta e 1 programador para o quadro da Fundação Hospitalar de Teresina (FHT), além de 3 técnicos administrativos, 1 médica e 1 enfermeira para o quadro da Fundação Municipal de Saúde (FMS). De 2013 até agora já foram 2.607 convocados.

 

O concurso foi realizado por meio da Universidade Estadual do Piauí (Uespi) em 2011 e o prazo de validade foi prorrogado pelo prefeito de Teresina, Firmino Filho. Os profissionais que tomarem posse irão exercer as atividades nas Unidades Básicas de Saúde e na rede hospitalar da Prefeitura de Teresina que é composta por 10 hospitais localizados nos bairros, o Hospital de Urgência de Teresina Prof. Zenon Rocha (HUT), as maternidades municipais, o Centro Integrado de Saúde Lineu Araújo e pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Renascença. “A rede de saúde de Teresina será reforçada com a chegada dos novos profissionais.

 

O prefeito Firmino Filho tem garantido a convocação dos concursados para atender as necessidades da população que procura os serviços de saúde do município”, ressalta o Secretário Municipal de Saúde, Aderivaldo Andrade. Os convocados devem comparecer na sede da Fundação Hospitalar de Teresina (FHT), localizada na Rua Desembargador Freitas, 1599, Centro-Norte, na sala do Núcleo de Qualificação Profissional e na sede da Fundação Municipal de Saúde (FMS), que fica na Rua Artur de Vasconcelos, número 3015, no bairro Aeroporto e procurar o Núcleo de Qualificação Profissional. O atendimento é de segunda a quinta-feira, das 08h às 12h30. Confira a lista em: http://portalpmt.teresina.pi.gov.br/admin/upload/documentos/f18f19dbaa.pdf

Exposição Outro Olhar reúne fotos de crianças com Síndrome de Down

Não há desculpas para não prestigiar! A exposição é gratuita e acontece até o dia 13 de outubro, na praça de eventos do Teresina Shopping. As fotos são da fotógrafa Paula Moreira e registram crianças portadoras de Síndrome de Down em momentos de descontração e lazer. É um olhar diferente da síndrome com o objetivo de provocar a inclusão social dessas pessoas que ainda hoje sofrem muito preconceito.

Paula Moreira dedica seu trabalho fotográfico voltado para crianças há cinco anos. Em três deles, ela focou nos pequenos com síndrome de down e o resultado foi excelente. As imagens substituem palavras e tocam corações. A exposição foi batizada de "Outro Olhar" e as fotos foram selecionadas de 50 ensaios. 

Fotos: Paula Moreira

CEIR realiza hoje atividades lúdicas pelo Dia da Criança

O universo infantil invadiu o Centro Integrado de Reabilitação (Ceir). A instituição preparou uma programação de atividades lúdicas em alusão ao Dia das Crianças, comemorado em 12 de outubro. Entre as atividades estão sessão de cinema, espaço literário com narração de histórias infantis, distribuição de livros infantis, apresentações artísticas e exposição de fotos. O primeiro encontro do evento acontece nesta quarta (7), em dois horários, às 10h e 15h. Os próximos encontros acontecem nos dias 14 e 21 deste mês. O evento é uma realização do setor de Voluntariado do Ceir. "É uma oportunidade para oferecermos para as crianças que fazem tratamento no Ceir, um motivo a mais para sorrir. E, principalmente, comemorarmos o Dia das Crianças com reabilitação, inclusão e acessibilidade", afirma Nazaré Bezerra, coordenadora do setor de Voluntariado do Ceir.

Posts anteriores