Cidadeverde.com

Você pode sugerir temas para o nosso blog!

O blog VIDA completa dois meses com um sucesso inesperado de acessos. Uma média mensal de 10 mil cliques, de várias partes do Brasil. Isso se deve ao estarmos inseridos dentro do portal de maior credibilidade do Piauí (cidadeverde.com) e por discutimos temas super atuais, que interessam todos os segmentos sociais. Eu, particularmente, fico feliz pela repercussão e pelo carinho recebido por meio das redes sociais e pelo próprio "Fale com o colunista", na barra do nosso blog. E você pode contribuir nos enviando sugestões de assuntos relacionados à saúde. Sobre o que você gostaria de ler? Que dúvida você tem sobre uma determinada doença? Para isso, basta clicar em "Fale com o colunista" e eu receberei a sua mensagem diretamente no meu e-mail. Farei questão de pesquisar e conversar com especialistas sobre os assuntos sugeridos para serem publicados aqui. Um grande abraço e muito obrigado!

(Marcelo Fontenele)

Veja como deduzir gastos com a saúde ao declarar o imposto de renda

Falta menos de uma semana para encerrar o prazo de apresentação da declaração do imposto de renda à Receita Federal. A expectativa é que 27,5 milhões de brasileiros declarem o imposto. Mas, muita gente ainda está em dúvida sobre as deduções de saúde. E o blog VIDA quer dar uma força para você nesse sentido, então seguem alguma orientações da própria Receita Federal.

Tudo que esteja relacionado aos tratamentos de saúde pode ser deduzido. Além de gastos comprovados com consultas, tratamentos médicos e planos de saúde, o contribuinte pode deduzir os gastos feitos com dentistas, fisioterapeutas, fonoaudiólogos e psicólogos. Alguns exames também podem entrar nessa lista, como raio-x e coleta de sangue. É preciso ter atenção com os dados, que devem ser detalhados com muita atenção. Além das informações sobre o profissional, é necessário constar o endereço da clínica, consultório ou hospital.

No caso da prescrição e aquisição de aparelhos ortopédicos ou ortodônticos, os custos com os mesmos podem ser deduzidos. Porém, o declarante precisa ter o laudo médico que comprove a necessidade do aparelho e a comprovação da compra por meio de nota fiscal.

Outras dúvidas sobre a declaração do imposto de renda podem ser esclarecidas no endereço eletrônico: http://idg.receita.fazenda.gov.br/sobre/perguntas-frequentes

Alerta para os pais que beijam a boca dos filhos

É comum encontrarmos nas redes sociais imagens de mães ou pais dando selinho (beijo) na boca de seus filhos pequenos. E ao andar pela rua, a cena também pode ser vista. Uma forma de carinho que pode trazer danos para a saúde do pequeno. Pelo menos, é o que diz o presidente da Associação Odonto-Criança, Daniel Korytnicki. O especialista explica que uma das consequências de beijar o filho nos primeiros dias de vida é a transmissão de bactérias, pois os bebê ainda não possui defesa.

Além da cárie, o chamado "estalinho" pode transmitir herpes simples, micoses e outra infecções causadas por vírus. Os sinais podem até passar despercebidas ao olho nu, mas provocam indisposição física e devem ser controlados com medicamentos. Muitos profissionais de saúde são contra o beijo na boca de criança, assim como contra adultos se alimentarem na mesma colher e assoprar a comida. Até a psicologia interfere nesse gesto que parece inofensivo, já que isso pode refletir no comportamento da criança, se ela julgar que esse costume familiar é natural e querer repetir o beijo com outros adultos que tiverem contato.

AVC não atinge apenas idosos. Conheça os sinais da doença!

Está completamente enganado quem pensa que o Acidente Vascular Cerebral - AVC atinge apenas pessoas idosas. A cada dia mais jovens são acometidas da doença e or inúmeros motivos cansavelmente divulgados em forma de alerta: Sedentarismo, uso de cigarro e ingestão de comidas gordurosas. É possível identificar os sintomas e se proteger melhorando o estilo de vida.

CONHEÇA OS SINAIS DE UM AVC:

1) Fraqueza facial, dificuldade para sorrir. Olho ou canto da boca com aparência de caído.

2) Dificuldade para falar, entender e ser entendido.

3) Fraqueza nas pernas, de um lado do corpo.

4) Perda de visão, especialmente se for num olho apenas

5) Dificuldade para caminhar

6) Dificuldade de mover os braços

7) Desequilíbrio e tontura

8) Quedas sem motivos

9) Forte e insistente dor de cabeça

10) Dificuldade para engolir

PI supera média nacional e registra aumento de 85% nos casos de suicídio

Os números são alarmantes e só comprovam como o suicídio é questão de saúde pública e precisa ser visto como algo que precisa de ações emergenciais. Dados do Instituto SANGARI, que compreende o período entre os anos de 2002 a 2012, mostram que o número de suicídios no Brasil aumentou 33,06%. No Piauí, a situação é bem pior e supera a média nacional, com aumento de 85%. Entre as capitais, Teresina, ocupa a 2ª posição com maior taxa de suicídio do país, perdendo apenas para Florianópolis.

Preocupada com esse mal, a vereadora Teresinha Medeiros (PPS) vai apresentar no dia 13 de maio, na Câmara Municipal, um projeto de lei que visa realizar ações de prevenção ao suicídio. O assunto será discutido durante uma audiência pública com representantes da sociedade e profissionais de saúde. Segundo o psicólogo clínico e suicidólogo Carlos Henrique Aragão Neto, devemos sim falar sobre o suicídio da maneira correta. O especialista vai apresentar na audiência resultados de últimas pesquisas mostrando que a prevenção é a melhor e mais correta maneira de evitar o problema.

Vereadora Teresinha Medeiros (PPS)

Posts anteriores