Cidadeverde.com

Central de Flagrantes de Parnaíba registra nova fuga

Enfrentando um grave problema com a superlotação, que se intensifica com o aumento da violência na cidade, a Central de Flagrantes de Parnaíba hoje é uma verdadeira bomba relógio. Na madrugada desta quinta-feira, três presos conseguiram escapar ao serrarem as grades de uma das celas na terceira ocorrência do tipo neste ano. Equipes da Polícia Militar realizam buscas aos fujões.

Os presos fugiram durante a madrugada, mas a ausência só foi percebida no início da manhã, quando foi feita a contagem. Em uma das celas, os policiais observaram que a grade da cela coletiva 1 foi serrada. Apenas três deles fugiram: Bruno Maciel Mariano, Francisco Lima Santos e Joelson Gomes Ribeiro. Outros presos ocupavam o mesmo espaço, mas permaneceram.

Equipes da Polícia Militar foram acionadas no início da manhã e fizeram buscas na região, mas não conseguiram localizar os fugitivos.

Esta não é a primeira vez que isso acontece na Central de Flagrantes de Parnaíba. Com a estrutura frágil e superlotação, os detentos reclamam das condições e da demora. No início do mês, ao serem proibidos de receberem visitas dos familiares, os presos promoveram um motim e atearam fogo em papelões. A PM foi acionada para conter os manifestantes.

Em fevereiro, outros dois detentos provisórios do local também fugiram. Eles serraram uma das grades do banheiro para escapar. Um deles já foi localizado.

Da Redacão
Redacao@cidadeverde.com