Cidadeverde.com
Bicharada

Cabrito de estimação é reencontrado em Teresina dois dias após sumiço

Sumiço do cabrito Agamenon mobilizou redes sociais (Foto: arquivo pessoal)

O sumiço do cabrito Agamenon mobilizou as redes sociais. O bichinho de estimação tem apenas três meses e é o xodó de duas crianças, de três e seis anos, filhos de Danillo Xavier, dono de um depósito de bebidas na zona Leste de Teresina. Foram dois dias de tristeza pelo desaparecimento do animal que foi levado ao sair para comer capim perto de casa, mas já foi resgatado  "sã e salvo". 

Por Agamenon, o pai das duas crianças chegou a oferecer recompensa de R$ 500. 

"O Agamenon foi vendido em frente à uma igreja evangélica no bairro São João e comprado por um pastor, que não sabia que ele tinha dono. Um taxista soube da história e comentou com uma mulher que tinha visto minha divulgação nas redes sociais. Ontem, nos encontramos, dividi a recompensa entre o pastor e o taxista e trouxe o Agamenon pra casa", conta Xavier.

Ele conta que não tinha mais esperanças de reencontrar o bichinho de estimação. 

"Nossa tristeza maior era imaginar que alguém já tinha matado ele e comido. Não o criamos para engordar e comê-lo. Ele é criado dentro de casa e meus filhos são muito apegados a ele. A gente consegue comprar um cabrito até por R$ 80 e resolvi oferecer uma recompensa maior pelo valor sentimental que o Agamenon tem pra nós e por fazer parte da nossa família. Vamos redobrar os cuidados com ele em 200%", brinca Danillo Xavier que tem como pets também um cão, um gato e um casal de coelhos.

Agamenon é considerado parte da família (foto: arquivo pessoal)

O carinho dos filhos de Danillo pelo cabrito é visível por meio de fotos. Ele chegou à família quando tinha apenas dez dias de nascido. O cabrito é  muito bem cuidado e adora tomar água de coco, comer o fruto, além de comer pizza. Ele também é a sensação do depósito de bebidas e, em algumas fotos, aparece posando com garrafas de cerveja.