Cidadeverde.com

Transferência da ursa Marsha vai durar três dias e terá presença de Luisa Mell

Por Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Tudo preparado para o resgate da ursa Marsha que começará nesta sexta-feira (21) e vai durar três dias até a chegada a seu novo recinto no Santuário Ecológico Rancho dos Gnomos, situado entre São Paulo e Minas Gerais. Luísa Mell, uma das mais conhecidas ativistas da causa animal do país, também está a caminho do Piauí para acompanhar a transferência da ursa. 

Uma equipe formada por veterinários, biológos e representantes da Confederação Brasileira de Proteção Animal (CBPA), bem como a atriz Alexia Dechamps e Carolina Mourão, presidente da CBPA, também já embarcaram no avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que fará o transporte do animal.

Carolina Mourão e a atriz Alexia Dechamps

 

Pelo Instagram Stories, as ativistas que participarão do resgate falam da expectiva do resgate.

"Ela ficou conhecida como a ursa mais triste do mundo! Está literalmente morrendo de calor no Piauí(ontem lá fez 45 graus celsius) Depois se 20 anos explorada em circo, onde vivia em uma jaula minúscula, sob constantes maus tratos, ela foi transferida para um zoológico no Piauí! Imaginem uma ursa parda siberiana, com pelagem própria para aguentar o frio do Canadá, sob o sol escaldante doPiauí! Ela entrou em depressão profunda e as imagens de sua tristeza comoveram o país! Depois de mais um ano e meio de luta judicial, abaixo assinados, acordos políticos... finalmente conseguimos a libertação daMarsha e sua transferência para um Santuário! O @institutoluisamell construiu o Recinto no Rancho dos gnomos para recebe-la. Estamos embarcando agora para o Piauí nesta linda missão! Esta é uma conquista histórica! Só foi possível graças a união de muitas pessoas, ongs, poder público... meus agradecimentos para @caroldosanimais @ranchodosgnomos @alexiadechamps[..] a força aérea brasileira e claro cada um de vcs que divulgou, assinou, compartilhou e que ajuda o @institutoluisamell (graças a vcs conseguimos construir o recinto provisório e tenho certeza que vms conseguir melhorá-lo!)", postou Luisa Mell.

Em um dos vídeos, Luisa Mell diz que a viagem até a nova casa de Marsha é longa e pede orações. 

"É uma viagem longa e arriscada. Evidente que meu sonho era devolver para a natureza, mas isso é impossível depois de tantos anos de cativeiro, mas podem ter certeza que o lugar que ela vai ficar é incrível, o recinto tá maravilhoso, vocês vão se emocionar quando eu mostrar", disse Mell.

O início do resgate da ursa começará pela manhã no Parque Estadual Zoobotânico.

A transferência da ursa se arrastou por dois anos e virou motivo de mobilizações nacional e internacional com grande repercussão nas redes sociais. A idade do animal também foi um dos entraves para a transferência, mas especialistas atestaram que a saída dela de Teresina-PI era viável, bem como seu bom estado de saúde. As altas temperaturas foram fator determinante para a mudança para outro estado.