Cidadeverde.com

Mais de 50 animais são resgatados em Brumadinho

(Foto: Ricardo Stuckert/ Fotos Públicas)

A Vale alugou uma fazenda para receber os animais resgatados após o rompimento da barragem em Brumadinho-MG e criou uma estrutura para acolher e tratar animais de pequeno e grande porte resgatados na região. O Hospital de Campanha tem baias e área para bovinos, piquetes para ovinos e suínos, gradil para cães, área para animais silvestres e uma piscina para acomodar peixes. A empresa montou uma central de alimentação e medicação, que estará disponível enquanto os animais estiveram abrigados.

“No setor de grandes animais, contamos com apoio de intensivistas e plantonistas que atendem por 24 horas. Além disso, temos um setor de lavagem para receber os animais e um estoque de ração, grãos e forragem fresca, que é oferecida diariamente”, disse a responsável pelo Hospital de Campanha, a veterinária Mirella D’Ellia. 

Até o fim desta quinta-feira (31), 57 animais foram resgatados, entre cães, gatos, galináceos, patos, aves silvestres e bovinos.

(Imagens: Reprodução Instagram/ CRMV Oficial)

"Além desses, temos quatro bovinos em processo de resgate, sendo dois por via aérea; alguns animais de campo sendo assistidos in loco; temos resgate também das áreas de lama. Todas as nossas equipes em campo e estamos tentando otimizar nosso trabalho", disse a veterinária Laiza Bonela, membro da Comissão de Desastres do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Minas Gerais.

Os animais, que chegaram sem grandes traumas e ferimentos, recebem avaliação e cuidados da equipe.

De acordo com o médico veterinário e voluntário Alessandro Martins, o setor de terapia intensiva conta com equipamentos para monitoramento de coração e pressão arterial, assim como da função respiratória. Dois ventiladores mecânicos foram adquiridos para atender os casos mais graves. 

(Foto: Reprodução Instagram/ CRMV Oficial)

“Caso o animal apresente sangramento por perdas ou disfunções sanguíneas, nós temos um banco de sangue para realizar intervenções.”

Cerca de 40 profissionais trabalham no resgate da fauna local nas duas margens do Rio Paraopeba. A ação é coordenada pela equipe de biólogos da Vale, em parceria com o Conselho Regional de Medicina Veterinária, e conta com a mobilização de voluntários para auxiliar no recebimento dos animais.

Caso alguém tenha informações sobre animais em situação de risco e resgatados, a Vale incentiva que a população utilize os números 0800 0310831 (Alô Brumadinho), 0800 285 7000 (Alô Ferrovias) e 0800 821 5000, ou ligue para o Corpo de Bombeiros.

 

Com informações Agência Brasil
bicharada@cidadeverde.com