Cidadeverde.com
Blog da Clara

Mais

Eu quero mais!
Mais de mim e de você.
Quero amor sem paz, quero estouro de fogos, quero incêndio e socorro, e ainda um tanto a mais.
Quero as mil e uma noites de cada continente, e antes de ficar contente, quero ainda os monumentos. 
As lendas africanas e os beijos de hollywood, os sonhos de criança e os desamparos da velhice. Quero casaco de lã e os decotes mais ousados. Quero presente, futuro e passado dentro do mesmo ontem, ou talvez, amanhã.
Quero as lutas e as tréguas de todas as guerras, as bandeiras e os tratados de paz. Eu quero mais do que esses voos tão baixos!
Quero três madrugadas adentro antes do nascer do sol, e pela manhã, mais cinco desejos de noite. E quero as noites também, frias e quentes. De preferência quentes, independente da temperatura ambiente.
Quero um pouco de loucura!
Um Amor Que me consuma, especialmente se JÁ Localidade: Não ritmo der, Adiar OS Compromissos inadiáveis ??parágrafo Olhar hum Dentro Do Outro OS vácuos Opaco TEM TODO SER.
Quero ter a promessa das eternas novidades, mesmo se não for verdade. Eu quero mais!
Quero querer mais, e não esse triste conformismo de que terei apenas o suficiente para a planta florescer. 
Quero pecar pelo exagero! Quero antes o pecado da abundância, que a nossa mesquinha economia. 
Quero além! Além do que vejo da janela e dos saltos que executo, quero ver além dos muros que deixamos construir. 
Quero erguer e demolir pirâmides cinco vezes antes do almoço, e depois da refeição, ser Greta Garbo, Brigitte Bardot, e eu mesma. 
Eu quero mais! Quero que transborde, quero encher a tampa, quero inundação.
O raso é o que me afoga, só sei viver submersa.
Não é sua culpa que eu queira o impossível, mas você podia, Ah! você podia, sonhar um pouco mais.