Cidadeverde.com

Prefeitura de Piripiri e MPT firmam parceria no combate ao trabalho infantil

  • Piripiri_MPT_4.jpg Ascom
  • Piripiri_MPT_1.jpg Ascom
  • Piripiri_mpt.jpg Ascom
  • Piripiri_MPT_3.jpg Ascom
  • Piripiri_MPT_2.jpg Ascom

Nesta terça (21/03), a prefeita de Piripiri, Jôve Oliveira Monteiro, reuniu-se com a representante do Ministério Público do Trabalho (MPT) do Estado do Piauí, a procuradora do Trabalho, Natália e Silva Azevedo para inclusão do município do Projeto Políticas Públicas. O projeto tem o intuito de investigar e acompanhar casos  de trabalho infantil entre outras ações no município.

O encontro realizado na Sala de Reuniões do Palácio do Povo de Perypery, no Centro Administrativo, teve a presença de secretários municipais e assessores da gestão municipal e do MPT.

A prefeita Jôve Oliveira Monteiro destaca que a parceria entre o município de Piripiri e o MPT é importante para combater o trabalho infantil. “A nossa ideia é fortalecer a rede de proteção à infância e a adolescência no município, principalmente depois desse período pandêmico da covid-19”, assegura a gestora.

“Fiquei muito feliz com a toda a receptividade do município de Piripiri, pois o combate ao trabalho infantil ele só se faz com articulação da rede [de proteção da infância e adolescência]. É preciso diagnosticar os casos de trabalho infantil no município, articular a rede para fazer o devido combate”, disse a procuradora do Trabalho no Piauí, Natália e Silva Azevedo, que é a coordenadora regional da COORDINFÂNCIA (Coordenadoria Nacional de Combate ao Trabalho Infantil e de Promoção e Defesa dos Direitos de Crianças e Adolescentes).

“A parceria é importante para que a agente possa atingir nossos objetivos Foram traçadas diretrizes e ações para que a gente possa estar identificando trabalho infantil junto com a rede”, afirma a secretária de Saúde de Piripiri (SESAM), Beatrice Pimentel.

O superintendente do Trabalho e Assistência Social da SETAS, Gustavo Sousa, lembra que o “encontro foi positivo porque soma esforços de instituições para proteger e garantir os direitos de crianças e adolescentes”.

Na tarde desta terça (21), dentro da agenda do Projeto de Políticas Públicas, além da reunião com as autoridades locais, a procuradora Natália e Silva Azevedo e assessores iniciaram as visitas técnicas aos vários órgãos do município que compõe a Rede de Proteção.

Amanhã (22), as visitas continuam, a partir das 8h, no CRAS, CREAS, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), AEPETI, Conselho Tutelar e Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Piripiri.

Também participaram da reunião, os secretários municipais de Administração (SEAD), Neto da Chrisfapi; de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (SETAS), Cínthia Rezende; Procurador Geral do Município (PGM), José Pereira (Dr. Louça), além de superintendentes e diretores de várias secretarias.

Ascom