Cidadeverde.com

Prefeitos tiram dúvidas sobre LotoShow e Nota Piauiense no Congresso das Cidades


 
Os 218 prefeitos que estão participando do Congresso das Cidades estão tendo a oportunidade de conhecer mais de perto como funciona a LotoShow e a Nota Fiscal Piauiense. Os dois projetos são desenvolvidos pela Secretaria da Fazenda e têm mudado a vida de muitos piauienses.

“O gestor que comparece ao stand do governo do Estado tem a oportunidade de saber como funciona os dois projetos. No caso da LotoShow, o prefeito quando voltar ao seu município pode incentivar a revenda da loteria no comércio local, aquecendo a economia. Aqui tiramos todas as dúvidas de como ser um revendedor”, esclarece Otávio Learth, coordenador da LotoShow.
 
Já em relação à Nota Piauiense, os prefeitos adquirem informações de como a inclusão do CPF na Nota ajuda na arrecadação e ainda combate à sonegação fiscal. “Hoje temos consumidores cadastrados na Nota Piauiense em todo o território piauiense. Eles pedem o CPF na Nota e ajudam a combater à sonegação fiscal, além de concorrer a R$ 250 mil em prêmios todo mês”, afirma Otávio.
 
A devolução dos créditos é outro ponto importante que diferencia a Nota Piauiense de outros programas de cidadania fiscal. “O consumidor, além de concorrer aos prêmios, pode receber parte do imposto de volta se o estabelecimento onde comprou tiver incremento de receita”, explica.
 
O Congresso das Cidades acontece até quarta-feira (15) na Fiepi em Teresina. Neste dia, o secretário de Fazenda, Rafael Fonteles, ministrará palestra sobre importância da receita própria do Estado e captação de receitas para investimentos.

Da Redação
redacao@cidadeverde.com