Cidadeverde.com

Hackathon: Expandr é o grande vencedor do desafio

  • prefeitos_-19.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-18.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-17.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-16.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-15.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-14.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-13.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-12.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-11.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-10.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-9.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-8.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-7.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-6.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-5.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-4.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-3.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_-2.jpg Gabriel Paulino
  • prefeitos_.jpg Gabriel Paulino

A startup Expandr foi a grande vencedora do desafio Hackathon Agenda 2030 realizado pelo Sebrae Piauí dentro do Congresso das Cidades.  A startup desenvolveu um aplicativo que seleciona bolsas de estudos do ensino superior para estudantes carentes e já possui oito instituições em sua carta de clientes com apenas sete meses em execução. 

O desafio contou com 27 inscritos que desenvolveram aplicativos com base nos 17 objetivos sustentáveis de voltados para os municípios e seis chegaram a final nesta quarta-feira(08).

O primeiro lugar ganhou uma viagem para o Instituto de Tecnologia de Massachusetts no Vale do Silício, nos Estados Unidos, a maior referência em criações tecnológicas do mundo. 


Equipe conseguiu maior pontuação durante os três dias do evento

O segundo, a Ben Hero, que desenvolveu uma prótese que ajuda na reabilitação de amputados, vai participar do seminário do Empretec, que forma profissionalmente empreendedores. 

Já o terceiro lugar, Edit World que é um aplicativo de educação, faturou uma participação no curso Começar Bem também do Sebrae.  

Os jurados julgaram potencial de mercado, qualidade da equipe e inovação do negócio, sempre voltados para um dos 17 objetivos sustentáveis preconizados pela Organização Das Nações Unidas (ONU).

O grupo foi formado pelo representante do PNUD Maurilo Oliveira, o presidente da Associação de Jovens Empresários (AJE) Rodrigo Lima e pelo vice-presidente da Câmara Setorial de Tecnologia, Higo Matos que também é empreendedor.

Durante o Congresso das Cidades, o Hackathon teve três eliminatórias: dez empresas, oito e seis de onde foram tiradas as três vencedoras.

Para o jurado Rodrigo Lima que já esteve em desafios parecidos, mostrar seu produto em feiras e exposições, participar de desafios é primordial para que o público  e potenciais investidores possam conhecer as ideias e que elas realmente possam virar empresas e alternativas de geração de emprego e renda.


Caroline Oliveira
carolineoliveira@cidadeverde.com