Caravana 25 anos
  • Caravana 25 anos flagra alagamentos no centro de Picos

    A Caravana 25 anos da TV Cidade Verde flagrou no fim da tarde deste domingo um grande alagamento no centro de Picos, segunda cidade a receber a comitiva da emissora. As √°guas se acumularam ap√≥s uma chuva n√£o muito forte de aproximadamente meia-hora na tarde deste domingo (20).

    Fotos: Thiago Amaral/CidadeVerde.com




    A avenida Get√ļlio Vargas pr√≥ximo a pra√ßa da Igreja do Sagrado Cora√ß√£o de Jesus.





    O trecho entre o bal√£o da BR 316 e a Igreja, assim como a avenida coronel Baldu√≠no, ficou completamente alagado.



    V√°rios carros entraram na contra-m√£o para evitar as √°guas...

    ... enquanto motocicletas se atreviam a andar por entre a correnteza.


    Vários pedestres também iam a pé.



    Mesmo após a chuva, a água continuava a descer torrencialmente, vinda dos morros da cidade.



    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 20/02/11, 18:30
  • Caravana 25 anos vai a Picos e mostra cenas in√©ditas do filme de Frank Aguiar

    O √īnibus da Caravana dos 25 anos da TV Cidade Verde deixou Teresina na manh√£ deste domingo(20), rumo a Picos (a 306 km de Teresina). A Cidade Modelo como √© conhecida, foi a escolhida para ser tema de reportagens especiais na 2¬™ parada da Caravana. O programa vai ao ar nesta segunda-feira(21), no Jornal do Piau√≠, a partir do meio-dia.

    Foto: Caroline Oliveira

    Alguns dos profissionais que trabalhar√£o em Picos no programa especial

    Para contar um pouco da hist√≥ria da cidade de 120 anos de emancipa√ß√£o pol√≠tica, 30 profissionais da TV Cidade Verde e do Cidadeverde.com foram conhecer de perto a cultura, educa√ß√£o, sa√ļde e principalmente a economia da segunda maior em arrecada√ß√£o do Estado.

    No programa de amanh√£, os telespectadores v√£o poder conferir cenas in√©ditas do filme o ‚ÄúO Sonho de um Sonhador‚ÄĚ, que conta a hist√≥ria do cantor Frank Aguiar, que come√ßou a fazer sucesso em Picos e hoje √© vice-prefeito em S√£o Bernardo do Campo-SP, com uma carreira glamorosa.

    Foto: André Leão

    Frank Aguiar e o ator Eriberto Le√£o que o interpreta no filme


    Também vai saber que 80% dos universitários do município não são de lá. Campi das universidades Estadual e Federal, além do Instituto Federal do Piauí e de uma faculdade particular, atraem a cada ano, mais estudantes para lá, como também professores.

    Na economia, a circula√ß√£o de dinheiro gera outras demandas, desperta o p√ļblico consumidor para novas exig√™ncias. Considerada a capital do mel e do caju, o munic√≠pio ainda se orgulha desses t√≠tulos, mas pode ostentar outros atributos: √© a cidade mais rica do interior. Em 2010, a regi√£o fiscal, que compreende 42 munic√≠pios, arrecadou quase R$ 50 milh√Ķes em ICMS, ficando atr√°s apenas da grande Teresina. 

    Confira tudo sobre a Cidade Modelo no Jornal do Piauí desta segunda-feira(21), a partir do meio dia.

     

    Caroline Oliveira
    carolineoliveira@cidadeverde.com

    Em 20/02/11, 18:27
  • Conhe√ßa os casar√Ķes e famosos pr√©dios do Pa√ßo de Oeiras

    A grande pra√ßa da Vit√≥ria bem no centro de Oeiras, pode ser considerada o marco zero do Piau√≠, juntamente com a igreja da santa que lhe d√° o nome. Ao seu redor est√£o algumas das mais antigas edifica√ß√Ķes em solo piauiense, verdadeiros monumentos que d√£o uma aula de Hist√≥ria sobre o nosso Estado. Conhe√ßa alguns deles, com a ajuda do professor de Hist√≥ria J√ļnior Vianna:


    Igreja de Nossa Senhora da Vitória
    Primeira igreja do Piauí, foi fundada em 1697. Ao redor da capela, depois transformada em igreja, surgiu a cidade. Antigamente, considerava-se que quanto mais próxima da igreja estava uma casa, mais prestígio tinham seus proprietários dentro da sociedade. Foi assaltada algumas vezes na década de 1980, perdendo parte do seu acervo.

    Thiago Amaral/CidadeVerde.com

    Sobrado João Nepomuceno (à esq.) e Igreja de Nossa Senhora da Vitória



    Sobrado do Jo√£o Nepomuceno
    Hoje transformado no Museu de Arte Sacra, abriga obras dos séculos 17 a 20.

    Sobrado dos Ferraz
    Foi ao mesmo tempo C√Ęmara e Cadeia, que abrigava os parlamentares em seu piso superior e presos na parte inferior, o que dava a id√©ia de hierarquia. Tamb√©m foi resid√™ncia particular da fam√≠lia Ferraz, C√≠rculo Oper√°rio e hoje √© sede da Prefeitura.

    Thiago Amaral/CidadeVerde.com

    Casa dos Ferraz hoje é a prefeitura da cidade

    Casa do C√īnego
    Foi constru√≠da pelo Manoel de Sousa Martins, o Visconde da Parna√≠ba, para dar ao seu filho Jo√£o de Sousa Martins a quem destinava o destino de ser cl√©rigo. Os tr√™s arcos no centro da habita√ß√£o fazem alus√£o √†s mesmas estruturas encontradas na Igreja de Nossa Senhora da Vit√≥ria. Acima de cada arco h√° um detalhe que lembra uma mitra, o que representava o desejo do visconde de seu filho fosse o primeiro bispo do Piau√≠. O im√≥vel passou como heran√ßa para a fam√≠lia e hoje se tornou um hotel.

    Carlos Lustosa Filho/CidadeVerde.com

    Interior da Casa do C√īnego, hoje hotel


    Casa do primeiro médico
    Com suas portas azuis, foi a residência do primeiro médico do Piauí, o coronel José Luis da Silva, que tinha a incumbência de atender a todo o território da província.

    Thiago Amaral/CidadeVerde.com

    Imóvel onde morou o primeiro médico do Piauí



    Casa das 12 janelas
    Embora a sua estrutura j√° tenha perdido duas portas que ficavam pr√≥ximas √† esquina, a curiosa constru√ß√£o com doze janelas chama a aten√ß√£o na regi√£o da pra√ßa. Ningu√©m sabe qual o motivo da constru√ß√£o das doze ventanas, especula-se que o antigo dono tivesse uma d√ļzia de filhas e feito uma janela para cada uma delas. Mas o mais prov√°vel √© que o "duodecimal" propriet√°rio do im√≥vel tenha pensado no modelo √°rabe de construir e feito as janelas numa maneira de arejar melhor a casa.

    Thiago Amaral/CidadeVerde.com




    Casa de O. G. Rego de Carvalho
    Prédio do século 19, possui arcos ogivais que denotam a influência árabe.

    Carlos Lustosa Filho/CidadeVerde.com

    Professor J√ļnior Vianna em frente √† resid√™ncia do escritor O. G. Rego




    Associação Comercial
    O pr√©dio onde atualmente funciona a Camara de Dirigentes e Lojistas da cidade, foi inaugurado em 1942, na pra√ßa da Bandeira, ao lado da pra√ßa da Vit√≥ria, ap√≥s a ru√≠na do segundo pr√©dio de C√Ęmara e Cadeia constru√≠do por Manuel de Sousa Martins. Foi elevado no mesmo per√≠odo que o Cine Teatro Oeiras e o Caf√© Oeiras, todos com tem√°tica de Art Dec√≥.

    Thiago Amaral/CidadeVerde.com

    Associação Comercial

    Palácio dos Presidentes da Província
    Como o próprio nome diz, trata-se do prédio construído para abrigar os presidentes da província, cargo equivalente ao de governador nos dias atuais, e para abrigar a sede do governo, uma vez que a sede primitiva ja não exitia mais, devido o mal zelo durante o governo do Visconde da Panaíba que preferia governar o Piauí de sua própria residência. Construído pelo presidente da província Zacarias de Góis que liderou o Piauí durante os anos de 1845 e 1847.

    Carlos Lustosa Filho/CidadeVerde.com

    Palácio dos presidentes da província




    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 25/01/11, 22:22
  • Fotos Culto em A√ß√£o de Gra√ßas

    O governador Wilson Martins participou de um culto em Ação de Graças na Primeira Igreja Batista.


    Fotos: Chagas Leal

    Solenidade contou com a presença do prefeito, Portela Sobrinho,
    da primeira-dama e deputada Lílian Martins, parlamentares e secretários.




    Cantoras entoaram a m√ļsica "Jesus, Filho de Deus", famosa na voz de Aline Barros


    Em 25/01/11, 21:29
  • Vav√° Ribeiro canta e fala dos novos talentos de Oeiras na Caravana 25 anos

    Terra de grandes m√ļsicos, Oeiras √© cantada em versos por um de seu representante mais famoso na atualidade, o cantor Vav√° Ribeiro. Ele foi uma das atra√ß√Ķes na primeira parada da Caravana 25 anos promovida pela TV Cidade Verde, na primeira capital do Estado.



    "Oeiras √© um ponto de refer√™ncia de cultura, familiar, nost√°lgico. √Č terra do maestro Aur√©lio Melo, Possid√īnio Queiroz, das bandolineiras, mas √© preciso desmitificar um pouco o pasado e olhar para o que est√° acontecendo. H√° muitos artistas novos surgindo e est√° mais do que na hora deles aparecerem", declara.


    Ele cita como revela√ß√Ķes do poeta e cantor Vivaldo; o instrumentista e compositor Italo Rafael, as cantoras Van√ļsia e Luciana, al√©m do cantor Dudu.

    Foto: Thiago Amaral/CidadeVerde.com


    Capital do Sol do Imperador
    Composição: Vavá Ribeiro

    A minha cidade tem a cor do sol,
    rara de se ver, clar√£o de farol,
    a minha cidade tem um arrebol,
    vai amanhecer pegue meu lençol!!!

    numa praça, uma bandeira,
    noites e cafés, ruas em viés.
    numa santa padroeira
    castos e fieis vão cair aos seus pés.

    manda nana pra feira!
    mana, ioi√ī chorou!
    festa na sexta feira,
    padre tá no pé, sino já chamou!

    em Oeiras, primeira capital do sol do imperador,
    na fogueira, bandoleiras bailando (queimando) ao rol da minha dor.




    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 25/01/11, 12:03
  • CDL de Oeiras faz 10 anos e realiza eventos comemorativos

    A Camara de Dirigentes e Lojistas de Oeiras completa 10 anos em 2010 e prepara uma série de eventos para comemorar a data.

    Carlos Lustosa Filho/CidadeVere.com


    O primeiro acontecerá no próximo dia 5 de fevereiro quando será realizado o "Oeiras, um show de prêmios 8", promoção que envolve várias lojas do comércio oeirense. "Haverá um sorteio de dez prêmios e o bingo de uma motocicleta e um computador, além de show musical", declara a presidente da CDL, Conceição de Maria Campos Reis de Holanda Barroso.


    Tamb√©m est√£o previstos os lan√ßamentos de um selo postal comemorativo dos 10 anos da CDL de Oeiras, um concurso de artigos acad√™micos sobre a hist√≥ria do empreendedorismo na cidade, o 1¬ļ F√≥rum empresarial do munic√≠pio e o pr√™mio lojista, eventos ainda sem data definida.

    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 24/01/11, 23:58
  • Herdeiros preservam a mem√≥ria de Possid√īnio Queiroz em Oeiras

    A neta √© cantora. O bisneto, m√ļsico e historiador. O legado de Possid√īnio Queiroz est√° vivo em Oeiras atrav√©s da sua fam√≠lia.


    Autor de valsas comparadas a de grandes compositores do mundo, Possid√īnio Queiroz (1904-1996) √© um dos maiores orgulhos da primeira capital do Piau√≠. Uma enciclop√©dia viva, foi s√≥cio-fundador do Instituto Hist√≥rico de Oeiras. Advogada mesmo sem ter diploma. Adorava crian√ßas e os animais.

    Vanda Queiroz foi criada com o av√ī e lembra o n√ļmero de pessoas que transitava pela casa. Eram pessoas que buscavam informa√ß√Ķes sobre tudo. E bichos tamb√©m.

    "Nossa casa era muito grande. Certa vez, minha av√≥ estava costurando de cabe√ßa abaixada, quando de repente passou uma vaca pela janela dela. Era algu√©m da feita que pediu para o meu av√ī guardar l√° em casa", recorda a cantora.

    As hist√≥rias s√£o v√°rias e enchem de orgulho o tamb√©m Rodrigo Queiroz, bisneto do dono da livraria no Mercado Central de Oeiras. O jovem virou m√ļsico e se formou em hist√≥ria. Voca√ß√£o virou heran√ßa.

    Vanda e Rodrigo se apresentaram no especial Caravana 25 anos, da TV Cidade Verde, transmitido ao vivo de Oeiras nesta segunda-feira (24). Interpretaram "Pensando em ti", √ļnica valsa de Possid√īnio Queiroz que ganhou letra, a qual deram vers√£o repaginada.



    F√°bio Lima
    fabiolima@cidadeverde.com

    Em 24/01/11, 18:46
  • Tradi√ß√£o dos bandolins continua viva com renova√ß√£o de instrumentistas

    O projeto Caravana 25 anos, da TV Cidade Verde, tamb√©m se preocupou em valorizar a cultura regional. A m√ļsica foi uma das express√Ķes art√≠sticas escolhidas e os tradicionais bandolins os instrumentos. Confira nesse v√≠deo exclusivo a execu√ß√£o do hino de Oeiras e da pe√ßa cl√°ssica da m√ļsica popular brasileira ‚ÄúCarinhoso‚ÄĚ.

    Em 24/01/11, 18:24
  • Congo retrata tradi√ß√£o religiosa e passado dos negros de Oeiras

    "√Ē vamos ao Ros√°rio!
    √Ē moleque
    √ī deixa o Congo passar
    √ī deixa o congo dan√ßar"



    Os versos iniciais do Congo de Oeiras pedem passagem aos brincantes que através de sua dança e batuque fazem louvor à Nossa Senhora do Rosário, na primeira capital do Piauí. Mas quem vê o grupo hoje, forte e pujante, talvez não saiba que ele deixou de existir na década de 1940 e só voltou muitos anos depois.

    Thiago Amaral/CidadeVerde.com



    "Todos os congos existem em louvor a Nossa Senhora do Ros√°rio e S√£o Benedito, que s√£o os santos padroeiros dos Negros", explica Fl√°vio da Silva,coordenador do grupo oeirense. Ele diz que o grande diferencial do Congo da cidade √© que ele √© feito apenas por homens, que se vestem de mulheres para adorar os santos. "N√≥s fazemos a nossa pr√≥pria m√ļsica e temos uma toada diferente, mais cadenciada", descreve.

    História
    Flávio conta que o congo é uma dança muito antiga em Oeiras e teve origem nos tempos do império quando a cidade virou capital da então província do Piauí. "Desde o começo, os homens negros pegavam as roupas das Senhoras para dançar, foi de onde a tradição surgiu", revela.

    Carlos Lustosa Filho/CidadeVerde.com

    Na tradi√ß√£o, h√° quatro personagens principais: 
    o Rei Congo, o Secretário do Rei, a Ordenança (Segurança)
    do Rei e o Embaixador vindo de outro país.



    A vida do congo foi bastante atuante até a década de 1940 quando houve um declínio. "Não sabemos ao certo porque isso aconteceu. Talvez tenha sido culpa da guerra. Mas em 1978 o Padre João de Deus chegou a Oeiras e soube que a cidade já havia tido um congo. Ele reuniu alguns homens e pesquisou com os antigos, mas só em 1985 é que voltou a dança", revela Flávio, cujo pai já dançou congo e que está passando a cultura para o próprio filho.

    Carlos Lustosa Filho/CidadeVerde.com

    Fl√°vio aprendeu o congo com o pai e est√°
    passando a cultura para o filho



    Conguinho
    Um grande projeto fruto desta cultura é o Conguinho, no qual as crianças aprendem a tradição desta manifestação folclórica e ao completar 14 anos, podem ser incorporadas no grupo principal.

    Thiago Amaral/CidadeVerde.com


    Carlos Lustosa Filho/CidadeVerde.com





    Carlos Lustosa Filho
    redacao@cidadeverde.com

    Em 24/01/11, 14:13
  • Governador entrega medalha a homenageados

    Após a missa em ação de graças pelos 188 anos de adesão do Piauí ao processo de Independência do Brasil, o governador Wilson Martins fez a entrega da Medalha do Mérito Renascença a 30 homenageados.


    Confira a lista dos homenageados:


    Amauri Campos Ferreira (Barba) - batedor de matraca há mais de 40 anos na Procissão do Fogaréu.
    Edson Meneses de Carvalho - major da PM
    Enedina Moura Homonnal - "Post Mortem'. Não possuia uma formação acadêmica, mas era mestra na arte de cuidar do próximo, a quem dedicou sua vida como enfermeira.
    José Alves de Sousa (Zeca do Matadouro) - Lavrador e rezador
    Ant√īnio Portela Barbosa Sobrinho - foi vereador do munic√≠pio de Oeiras por quatro mandatos consecutivos. Presidiu a Camara Municipal. Prefeito interino, sendo eleito Prefeito Municipal de Oeiras no dia 14 de novembro de 2010, em elei√ß√£o suplementar.
    Benedito Dantas Neto - Técnico em Contabilidade. Ex-Prefeito de Dom Expedito Lopes, por dois mandatos.
    Dorival de Abreu Gonzaga - Vereador. Atual Presidente da C√Ęmara Municipal de Oeiras.
    Fortunata da Silva Fontes - Vereadora do Município de Oeiras.
    Francisco de Assis Alc√Ęntara - Prefeito Municipal de Valen√ßa, no seu quarto mandato.
    Francisco Espedito Nunes Martins - M√©dico Veterin√°rio. Ocupou cargos p√ļblicos no Emater e na antiga Cidapi.
    Inacio Batida de Carvalho - Agricultor, no exercício do primeiro mandato de Prefeito no município de Santo Inácio do Piaui.
    Iolanda dos Santos Vieira Rego - Prefeita Municipal de Ipiranga do Piaui.
    Jos√© Alberto Pinheiro de Ara√ļjo - Vereador de Oeiras por tr√™s mandatos.
    José Cipriano de Sousa Lira - Agropecuarista. Ex-Prefeito de Paes Landim.
    Jos√© de Anchieta Santos Filho - Agropecuarista no munic√≠pio de Santa Cruz do Piau√≠. Foi Vener√°vel da Loja Ma√ß√īnica de Oeiras.
    José Gonzaga Carneiro - Preside a subsecção da OAB de Oeiras.
    Letiano Vieira da Silva - Vereador de Oeiras
     
    Lucas Almeida Rodrigues - Segundo Tenente do quadro de oficiais combatentes.
    Odim√©rcia Ara√ļjo Costa Reis S√° - Pedagoga. Como primeira dama de Oeiras, esteve √† frente da Secretaria Municipal de Assist√™ncia Social, realizando trabalho em prol dos menos favorecidos.
    Paulo de Tarso Ribeiro Gonçalves - 'Post Mostem' - Formou-se em Medicina em 1927, em Salvador, radicando-se em Oeiras deste então. Era Obstetra e Sanitarista.
    Pedro Nolasco Batista - Médico e ex-prefeito de Santo Inácio do Piauí.
    Valderez Siqueira Nunes - Professora. Trabalhou no Tribunal de Justiça do Ceará. Pessoa religiosa e benemérita da sociedade oeirense.

    Domingos Barbosa Filho - Cursou Filosofia e Teologia no Seminário Maior Sagrado Coração de Jesus em Teresina. Possui mestrado pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma e doutorado pela mesma Universidade.
    Fenelon Martins da Rocha Neto - Natural da cidade de Uni√£o. √Č jornalista e professor da UFPI. Tem especializa√ßao e mestrado em Comunica√ßao e Doutorado em Ci√™ncia Politica. √Č o Coordenador de Comunica√ß√£o Social do Estado.
    Francisca Inez dos Santos Martins - Professora Universitária, atualmente é a Diretora do Campus da Universidade Estadual de Oeiras.
    Francisco de Moraes Rego - Licenciado em Hist√≥ria pela UESPI. Banc√°rio aposentado. Na juventude, junto com outros jovens idealistas, formou a primeira banda eletr√īnica da cidade "Os Falc√Ķes‚ÄĚ. J√° foi secret√°rio municipal de Cultura.
    Joara Delane Sousa Ribeiro - Superintende de Ensino da Secretaria de Educação do Estado.
    Milcíades Gadelha de Lima - Professor universitário, atuando principalmente nas áreas de desertificação e recursos hídricos no semi-árido e cerrado piauienses. Exerceu o cargo de Diretor de Recursos Hídricos da Secretaria do Meio Ambiente.
    Reginaldo Miranda da Silva - Advogado, com Especiallza√ß√Ķes em Direito Processual e Constitucional. Preside a Academia Piauiense de Letras.
    Wilson Nunes Brandão - Foi eleito deputado estadual pela primeira vez em 1991. Está iniciando seu sexto mandato consecutivo. Atual Secretário de Estado de Governo, é o Chanceler da Ordem Estadual do Mérito Renascença do Piauí.

    Em 24/01/11, 14:05
  • Caravana inicia transmiss√£o em Oeiras

    Entrada emocionante


    Fotos: Thiago Amaral




    O jornalista Amadeu Campos emocionou os telespectadores ao entrar hoje (24) ao vivo com transmiss√£o direto de Oeiras (a 313km de Teresina). Ele chegou em um ve√≠culo da TV Cidade Verde, caminhou pela pra√ßa principal da cidade, foi at√© o CDL, local onde foi montado est√ļdio especial para o programa. 





    O Jornal do Piauí direto de Oeiras foi iniciado com o Hino do Piauí cantado por artistas piauienses e reportagem com a história da Independência do Piauí.


    Jubileu de prata


    A Caravana dos 25 anos da TV Cidade Verde iniciou a transmiss√£o ao vivo direto de Oeiras, a primeira capital do Piau√≠, para come√ßar as comemora√ß√Ķes do jubileu de prata da emissora. Amadeu Campos, Indira Gomes e D√Ęnio Sousa comandam a transmiss√£o.


    Thiago Amaral/Cidadeverde.com



    No programa especial, matérias mostrando a história, a cultura e os moradores da cidade, que teve participação importante na história da Independência do Piauí e do Brasil. Além das reportagens, a participação especial de artistas locais, como as bandolinistas, e os cantores Vavá Ribeiro e Vanda Queiroz.












    A caravana comemora não só o aniversário, mas a aproximação da emissora com o povo. A TV Cidade Verde chega a 90% do território piauiense.


    Em 24/01/11, 13:33
  • Missa celebra os 188 anos da ades√£o do Piau√≠ √† Independ√™ncia

    Fotos: Thiago Amaral/Cidadeverde.com


    Missa em ação de graças pelos 188 anos da adesão do Piauí à Independência do Brasil na catedral de Nossa Senhora da Vitória, em Oeiras



    Governador Wilson Martins, a secret√°ria de Sa√ļde, L√≠lian Martins, o presidente da Assembleia, Them√≠stocles Filho e o prefeito de Oeiras, Antonio Portela recepcionaram autoridades



    Solenidade ocorreu na manh√£ desta segunda-feira



    Adro da Igreja Nossa Senhora da Graça e da Praça Rocha Neto, no centro de Oeiras



    O governador Wilson Martins e outras autoridades fizeram a leitura da missa



    Nave da catedral de Nossa Senhora da Vitória



    Livro da missa



    O governador e a primeira-dama



    Deputados Luciano Nunes, Mauro Tapety e Hélio Isaías



    Em 24/01/11, 12:59
  • Em Oeiras, Bidd diz que incentivar√° forma√ß√£o de artistas

    A nova presidente da Funda√ß√£o Cultural do Piau√≠ (Fundac), Bidd Lima, conversou em Oeiras com o CidadeVerde.com sobre o que pretende fazer √† frente do √≥rg√£o maior da cultura do Estado e sobre as cr√≠ticas que recebeu quando da sua nomea√ß√£o. A atriz diz se espelhar em Gilberto Gil e quer incentivar a qualifica√ß√£o dos artistas piauienses. 
     

    Carlos Lustosa Filho/Cidadeverde.com




    Bidd afirma que agora que est√° √† frente da Fundac tem uma no√ß√£o maior de como a m√°quina p√ļblica funciona. "Agora que os pap√©is se inverteram. Antes, como atriz e produtora cultural eu via que faltava alguma coisa. Hoje eu vejo as possibilidades de realizar os sonhos", analisa. 
     




    A nova presidente da Fundac diz que pouco tomou conhecimento da s√©rie de reclama√ß√Ķes, muitas vezes vindas dos pr√≥prios artistas, sobre a sua indica√ß√£o para o √≥rg√£o. "Eu estava trabalhando muito. Enquanto alguns criticavam, eu estava passando por 19 munic√≠pios do Piau√≠, percorrendo mais de 3.700 quil√īmetros, por isso tive pouco acesso a elas. As que chegavam, eu via que era de uma minoria. A classe art√≠stica em peso me apoiou", garante. Bidd diz que os parab√©ns vinham de todas as √°reas da cultura: de m√ļsicos, artistas pl√°sticos, dan√ßarinos e bailarinos tradicionais e contempor√Ęneos, atores, artes√£os. "Muita gente do interior tamb√©m, mas o que mais me emocionou foram meus ex-alunos que diziam 'tia Bidd, n√£o sei nem o que √© isso que a senhora tem agora, mas parab√©ns'", conta.
     

    Em seus projetos, Bidd diz que pretende incentivar a qualifica√ß√£o dos artistas piauienses e faz√™-los lutar pelos editais que financiam cultura a n√≠vel nacional. "Temos que deixar esse lado mambembe, estudar, estar mais ligados ao Minist√©rio da Cultura, fazer projetos para os editais. Mesmo que isso seja como nos 'burocratizar', para ganhar recursos", pontua. 
     




    Gil


    Atriz bastante conhecida por suas pe√ßas humor√≠sticas e projetos que envolviam o n√ļcleo do Teatro Jo√£o Paulo II, Bidd Lima afirma que n√£o pretende abandonar seu lado art√≠stico, mesmo estando √† frente da Fundac. "Tenho o Gilberto Gil como uma grande refer√™ncia. Ele conseguiu ser ministro e seguir como artista", declarou.
     

    Carlos Lustosa Filho (Direto de Oeiras)
    redacao@cidadeverde.com

    Em 24/01/11, 11:52
  • Governador elogia Caravana 25 anos

    Ao depositar flores no busto de Manoel de Sousa Martins, o Visconde da Parna√≠ba, localizado na pra√ßa Rocha Neto, no Centro de Oeiras, o governador Wilson Martins (PSB) relembrou seu passado e elogiou a iniciativa da Caravana 25 anos da TV Cidade Verde.


    Carlos Lustosa Filho/Cidadeverde.com




    ‚Äú√Č a primeira vez que venho a Oeiras como governador eleito e homenageio ao Visconde da Parna√≠ba, que foi um grande democrata, no seu tempo, que conseguiu controlar os √Ęnimos exaltados e dos lusitanos. Al√©m disso, ele manteve a independ√™ncia de fato e de direito. Foi um homem forte‚ÄĚ, declarou o governador, que √© o sexto neto de Val√©rio Coelho Rodrigues. O primeiro neto foi Visconde da Parna√≠ba.






    Wilson Martins nasceu na zona rural de Oeiras, no povoado Estrito, que hoje virou a cidade de Santa Cruz do Piauí.






    Caravana 25 anos

    O governador parabenizou da TV Cidade Verde porque a iniciativa desta caravana faz o registro da nossa hist√≥ria. ‚Äú√Č preciso reverenciar o passado e cultivar o presente que com certeza ser√° promissor‚ÄĚ, destacou.


    Thiago Amaral/Cidadeverde.com






    As autoridades agora est√£o no Culto e logo depois ir√£o para Missa em A√ß√£o de Gra√ßas, como parte das solenidades alusivas √† data.  







    Flash de Carlos Lustosa (direto de Oeiras)
    Redação Caroline Oliveira
    redacao@cidadeverde.com

    Em 24/01/11, 09:57
  • Governador chega para solenidade de independ√™ncia em Oeiras

    O governador Wilson Martins chegou a Oeiras por volta das 8h30, realizou a revista da tropa e agora assiste ao desfile militar alusivo ao dia 24 de janeiro, que marca a Adesão oficial do Piauí à Independência do Brasil. As autoridades se encontram na frente da Prefeitura acompanhando o desfile realizado por militares.

    Fotos: Thiago Amaral/Cidadeverde.com





    Al√©m do governador, o deputado federal Assis Carvalho, a secret√°ria de Sa√ļde Lilian Martins, o deputado estadual Mauro Tapety, o presidente da Assembleia Legislativa Them√≠stocles Sampaio, e o prefeito da cidade Antonio Barbosa Sobrinho.

    Thiago Amaral/Cidadeverde.com












    Flash de Carlos Lustosa (direto de Oeiras)
    Redação Caroline Oliveira
    redacao@cidadeverde.com

    Em 24/01/11, 09:45
busca
recentes
| © CidadeVerde.com 2019 | Todos do Direitos Reservados - Site by MasŠvio |