Cidadeverde.com

Bloco Pinto da Morada estreia em carnaval com cerca de 2 mil foliões

  • morada-04.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-17.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-16.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-15.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-14.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-13.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-12.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-11.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-10.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-09.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-08.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-07.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-06.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-05.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-03.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-02.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde
  • morada-01.jpg Foto: Roberta Aline/Cidade Verde


Estreando no carnaval de Teresina, o bloco Pinto da Morada reúne mais de dois mil foliões na Praça do bairro Morada do Sol, na zona Leste. Eles estão trazendo uma escultura de um pinto de 4 metros e a cantora Leny Alves como atração do evento.

Neste momento, o bloco, que é uma dissidência do Capote da Madrugada, fez um minuto de silêncio ao Mário Aragão, que faleceu em fevereiro deste ano, vítima de infarto, que era

Alexandre Sá, que é presidente do Pinto da Morada, chamou todos os direitos do bloco para frente do palco e prestaram essa homenagem.

“Foi um momento triste, um amigo de mais de 30 anos, que conhecia não apenas como presidente do Capote, mas também como uma pessoa de dentro da minha casa. Nós nos afastamos por questões pessoais, mas o Mário com certeza deixa um legado para o Carnaval “

O desfile do Pinto sai da Avenida Dom Severino segue até a Maçonaria, e retorna para a praça. 

“Esse é o nosso primeiro ano; é um bloco da família, da paz, da alegria”, destacou Alexandre.

 

Flash Yala Sena
Da Redação Carlienne Carpaso 
redacao@cidadeverde.com