Cidadeverde.com

Homenagens, chuva e irreverências marcam o Corso de Teresina em 2020

  • Untitled-80.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-79.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-71.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-57.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-55.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-41.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-36.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-33.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-32.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-29.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-28.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • foliao3.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • foliao2.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • foliao1.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-24.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-23.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-21.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-20.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-19.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-18.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-17.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-16.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-15.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-14.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • Untitled-13.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com
  • foliões.jpg Roberta Aline e Yasmim Cunha/ Cidadeverde.com

A chuva e a criatividade dos foliões marcaram o Corso de Teresina em 2020. O maior desfile de carros decorados do mundo teve início às 17h na avenida Raul Lopes, na zona Leste. Vinte caminhões passaram pelo corredor da folia. Muitos deles tradicionais na festa como o Bode dos Medonhos. Mas foram as fantasias que roubaram a cena este ano. Os foliões investiram em cada detalhe de olho na premiação promovida pela Prefeitura.

Teve pai fantasiado de transformers, bailarina de noiva cadáver e uma família inteira de gregos, além da presença ilustre do Chacrinha e a rainha de copas. As crianças também marcaram presença no Corso.

O prefeito Firmino Filho (PSDB) compareceu à avenida e avaliou o último corso de sua gestão. Segundo ele, a diminuição no número dos caminhões inscritos na festa não é um termômetro para medir o êxito do Corso. 

Os palcos montados ao longo do percurso da Avenida Raul Lopes foram uma atração à parte. O palco Samba e Pagode homenageou o deputado estadual Fernando Monteiro, que faleceu em dezembro de 2019.

No quesito segurança, o secretário de Segurança, Fábio Abreu, avaliou como positivo o trabalho realizado. Ele comemorou os números do “Protege Celular”. Segundo o secretário, 3 mil foliões aderiram ao aplicativo que tem como objetivo desenvolvido para combater o roubo, o furto e a prática de comercialização de celulares com restrição, durante o evento.

Cinco monitorados por tornozeleira eletrônica foram barrados no corso de Teresina até às 20h30. Vinte pessoas registraram  boletins de ocorrência, sendo a maioria por furto de celular, sem nenhum tipo de situação grave.

Até o final do evento a Polícia Militar não tinha divulgado a quantidade de foliões na avenida. A expectativa da Prefeitura de Teresina era de 300 mil pessoas.

Hérlon Moraes
[email protected]