Cidadeverde.com

Parques eólicos no Piauí e Maranhão avançam

Com uma incidência muito favorável de ventos, mormente em sua região costeira, Piauí e Maranhão já são considerados prioritários para empresas do setor de energias renováveis.

A Omega Energia, que já explora geração elétrica de fontes renováveis no Piauí (temos três usinas em operação no litoral), anunciou que pretende investir até 2018 cerca de 1 bilhão de reais no Maranhão. A ideia é interligar os parques eólicos dos dois Estados. A distância entre os projetos do Maranhão e Piauí é de apenas 90 quilômetros que deveram compartilhar redes de transmissão.