Cidadeverde.com

HU passa a contar com tratamento para obesidade

O Hospital Universitário do Piauí lança hoje o programa de tratamento de  obesidade, um problema de saúde pública crescente no Brasil. Dados do IBGE mostram que, em 2019, uma em cada quatro pessoas no país com idade acima de 18 anos estava obesa, o que equivale a 41 milhões de brasileiros.

O novo serviço que será disponibilizado no HU vai atender pessoas que necessitam de cirurgia bariátrica, mas não conseguem ser atendidas pelo SUS. A obesidade mórbida acarreta várias doenças como hipertensão e diabetes, comprometendo a qualidade de vida do paciente. Os médicos consideram obesa a pessoa com índice de massa corporal acima de 30. O IMC é calculado pelo peso em quilograma dividido pelo quadrado da altura em metro.

O serviço de cirurgia bariátrica Dr. Salomão Chaib, implantado hoje no HU, está recebendo equipamentos no valor de quase R$ 2,5 milhões para o centro cirúrgico e outras áreas do hospital e contará com um corpo clínico multiprofissional, como cirurgião bariátrico, endocrinologista, cardiologista, psiquiatra, psicólogo, nutricionista e fisioterapeutas.

Gabarito oficial do Enem será divulgado hoje

O Inep divulga hoje o gabarito oficial das provas do Enem 2021. Os candidatos que realizaram o exame podem conferir as respostas no site do Instituto, na área de Provas e gabaritos. Já as notas finais dos participantes, e também da redação, serão divulgadas somente do dia 11 de fevereiro.

O Enem é o principal acesso ao ensino superior. Este ano, cerca de 2,1 milhões de alunos participaram das formas impressa e digital do exame durante os dias 21 e 28 de novembro. O índice de abstenção foi de 29%.

Muitos alunos, especialmente da rede pública de ensino, se sentiram prejudicados por causa da suspensão das aulas presenciais em razão da pandemia. Sem internet, ou com sinal fraco, em ambiente de estudo sem condições de concentração, esses alunos saem em larga desvantagem com relação aos alunos da rede privada, aumentando ainda mais o fosso da desigualdade social existente no Brasil.

 

 

Variante Ômicron reforça a necessidade da vacinação em massa

Quando o mundo inteiro está em alerta com o surgimento da variante Ômicron, ainda mais transmissível que a já conhecida variante delta, os dados oficiais mostram que, no Piauí, mais de 224 mil pessoas não voltaram para tomar a segunda dose e, portanto, não estão completamente imunizadas.

Por enquanto, as primeiras informações sobre a nova variante são de que ela contém 50 mutações. 30 delas no spike, a proteína usada pelo vírus para entrar nas células do nosso corpo. Mas ainda não se sabe, com exatidão, a gravidade da doença provocada pela Ômicron. Um dado que deve servir de alerta, no entanto, é que ela surgiu no continente africano, onde estão registradas as menores taxas de vacinação do planeta.

Isso significa que quanto maior o número da população vacinada, menor a chance de o vírus continuar circulando e, consequentemente, de produzir novas variantes. O Estado de Nova York, a despeito de possuir vacinas de sobra, tem baixa cobertura vacinal por causa de um movimento irracional contra vacinas. Resultado: o governo daquele estado declarou situação de “emergência de desastre”, por causa do aumento expressivo no número de casos e de internações. No último mês, as internações hospitalares passaram para mais de 300 por dia.

Não precisa ser cientista. Basta olhar para o mundo e ver o que está acontecendo para evitar uma catástrofe por aqui. Ainda não é hora de realizar eventos testes, ou de abolir máscaras, tampouco de liberar festas de réveillon ou carnaval. Todo o esforço neste momento dever ser para reforçar a vacinação em massa.

Pe.Tony Batista é o mais novo imortal da APL

O Pe. Tony Batista é o mais novo imortal da Academia Piauiense de Letras. O vigário geral de Teresina foi eleito neste sábado, com 27 votos dos 31 acadêmicos presentes, em sessão realizada na sede da APL, na Avenida Miguel Rosa. Ele era candidato único e passa a ocupar a cadeira de número 22, que pertenceu ao desembargador Nildomar Silveira.

Antônio Soares Batista, Pe. Tony, é natural de São Pedro do Piauí e tem 75 anos. É formado pela Faculdade de Filosofia do Piauí e pela Universidade Católica de Salvador e mestre pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma. Possui ainda especialização em Comunicação pela Pontifícia Universidade Católica de Santiago do Chile.

Durante muitos anos, foi pároco da Igreja Nossa Senhora de Fátima. Atualmente, exerce a função de Vigário Geral da Arquidiocese de Teresina; Diretor Social da Ação Social Arquidiocesana – ASA; Presidente da Fundação Dom Avelar Brandão Vilela, mantenedora da Rádio Pioneira de Teresina; Membro da Comissão de Direitos Humanos da Arquidiocese; Membro da Comissão de Fé e Política da Arquidiocese; Membro do Colégio dos Consultores da Arquidiocese e Membro do Conselho Presbiterial da Arquidiocese de Teresina. Celebra diariamente na Igreja de São José do Lar de Misericórdia.

Pe. Tony Batista tem estreita ligação com a comunicação, sendo reconhecido como notório orador. É autor do livro Memórias de um Peregrino, sobre as viagens à Terra Santa, e era articulista da Revista Cidade Verde. Tem participação diária na programação da Rádio Pioneira de Teresina, e um quadro semanal no programa Notícia da Manhã, exibido na TV Cidade Verde. Além disso, apresenta um Pod Cast todas as quintas-feiras.

MP faz atendimento itinerante em praça do Dirceu

A população do bairro Dirceu Arcoverde, na zona sudeste, está sendo contemplada desde ontem com o serviço itinerante do Ministério Público do Piauí. A ação é realizada na praça do Santuário Arquidiocesano São Francisco de Assis, na Rua Alexandre Gomes Chaves, no horário de 8h às 12h e das 14h às 17h.

Um dos serviços oferecidos é o atendimento para reclamações junto ao Procon. Muitos moradores têm dificuldade de se deslocar até a sede do órgão e a ideia é justamente aproximar o MP da comunidade.

Já a Ouvidoria receberá reclamações contra quaisquer agentes públicos ou privados diante dos quais o MPPI esteja legitimado para agir. O órgão deve receber, ainda, reclamações, críticas, elogios, pedidos de informação ou sugestões sobre atividades do Ministério Público. Será ofertado também o serviço “Ouvidoria das Mulheres”, que tem o objetivo de prestar atendimento humanizado às mulheres vítimas de qualquer tipo de violência.

 

 

Posts anteriores