Cidadeverde.com

A educação é o caminho

Depois de um ano de grandes conquistas na educação, Teresina se prepara para novas investidas, com o propósito de consolidar sua posição como referência na área. A cidade já detém o título de melhor educação entre as capitais brasileiras. De 2013 até agora, os alunos da rede municipal de ensino conquistaram mais de mil medalhas nas olimpíadas nacionais de conhecimento.

Há poucos dias, Teresina recebeu a visita de uma missão técnica do Banco de Desenvolvimento dos BRICS (Brasil, Rússia,  Índia, China e África do Sul) para conhecer de  perto a realidade local, antes de atender a uma solicitação de U$ 6 milhões ( cerca de R$ 24 milhões). Dinheiro que deve ser empregado na construção de oito grandes escolas em regime de tempo integral, com capacidade para 1.200 alunos cada, além da requalificação de outras unidades escolares e da urbanização do entorno dessas escolas.

Os técnicos devem voltar em janeiro para obter mais informações sobre a situação financeira do município e a sua capacidade de pagamento. As previsões são de que o contrato com o banco seja celebrado até meados de abril de 2020.

Atualmente, a capital piauiense conta com 26 escolas de tempo integral. Toda a rede municipal abrange cerca de 90 mil alunos, sendo 26 mil deles matriculados na educação infantil e o restante no ensino fundamental. A meta com a qual o Secretário Kleber Montezuma – o homem responsável pela revolução na educação de Teresina - sonha e trabalha é alfabetizar todas as crianças aos 6 anos de idade, que corresponde  ao final do primeiro ano do ensino fundamental. Hoje, a Prefeitura já consegue atingir 85% dessa meta. Um sonho perto de ser alcançado e que serve como prova de que bons resultados em educação só dependem de boa gestão.