Cidadeverde.com

Assembleia aprova requerimento para suspender desconto de aposentados

O plenário da Assembleia Legislativa do Piauí aprovou ontem requerimento proposto pelo deputado Marden Meneses (PSDB) para que o Governo do Estado suspenda por 90 dias os descontos previdenciários nos contracheques dos servidores públicos aposentados.  Aprovada na Reforma da Previdência, a tabela de descontos que atinge os salários  dos aposentados do Estado varia de 11% a 14%.

Esta semana, os aposentados começaram a receber seus contracheques referentes ao mês de abril e só então se deram conta do tamanho da mordida sofrida com a Reforma da Previdência no Estado. Os salários da expressiva maioria dos servidores públicos estaduais são baixos e parecem menores ainda depois que eles se aposentam e veem suas despesas aumentarem com remédios, cuidadores, energia elétrica ( já que passam mais tempo em casa) e outros gastos advindos com a terceira idade.

Ontem foi dia de indignação e protesto por parte de quem já recebeu o salário do mês de abril. Os aposentados alegam que não é justo que, depois de contribuírem a vida inteira com a previdência, ainda sejam penalizados atualmente com descontos tão altos, segundo eles próprios. A queixa chegou aos corredores da Assembleia Legislativa , o que motivou o pedido de requerimento do deputado Marden Meneses para que os aposentados sejam poupados do desconto, pelo menos durante esse período mais crítico da pandemia, em que o próprio Estado está desobrigado de pagar algumas obrigações, como empréstimos e compulsórios.

Com exceção da bancada petista, os demais deputados votaram com Marden. Cabe agora ao governador Wellington Dias acatar ou não o requerimento, já que trata-se apenas de uma solicitação e não de uma obrigação.